terça-feira, 24 de janeiro de 2017

Kathia Brienza comenta o seu novo livro "Não é com vinagre que se apanham moscas"

Kathia Brienza Badini Marulli nasceu em Santos, em 1964. Formou-se em Medicina Veterinária e em Letras e fez o Mestrado em Literatura pela UNESP de Assis, com uma dissertação sobre o livro “Antes do Baile Verde”, de Lygia Fagudes Telles. Começou a publicar contos em antologias em 2007 e publicou o romance “Olhos de Fogo”, escrito em parceria com Helena Gomes, em 2010. Em 2014, publicou “Contos de Maldição e Desejo, pela editora Escrita Fina. Kathia é casada com Enzo e tem dois filhos, Enrico e Giancarlo.

ENTREVISTA:

Conexão Literatura: Poderia contar para os nossos leitores como foi o seu início no meio literário?

Kathia Brienza: Sempre gostei muito de ler. Como eu estava acostumada a escrever textos técnicos, achava impossível conseguir fazer algo ficcional. Então, decidi participar de uma oficina de criação literária online. Achei a experiência fantástica e foi assim que comecei a me soltar. Sempre que podia eu fazia algum curso ou lia livros que propunham exercícios de criação. Daí, em 2007, comecei a ter aulas com a Helena Gomes e ela me propôs que eu escrevesse um conto sobre vampiros, para tentar participar de uma antologia da Andross Editora. Foi assim que publiquei meu primeiro conto, “Tempos Modernos”, no “Livro Negro dos Vampiros”.

Conexão Literatura: Você é autora do livro "Não é com vinagre que se apanham moscas" (All Print). Poderia comentar?

Kathia Brienza: Nesse livro reuni alguns contos inéditos a outros que já haviam sido publicados anteriormente em antologias, como é o caso de “Apenas uma questão de profissionalismo”, “Devaneios” e “Um homem afortunado”. O que difere do livro anterior é que, neste, a temática não é fantástica. 

Conexão Literatura: Como foram as suas pesquisas e quanto tempo levou para concluir seu livro?

Kathia Brienza: Os contos inéditos foram escritos ao longo de um ano. Para alguns, fiz pesquisas, como é o caso de “O verso e o reverso”, em que usei fatos reais como pano de fundo - no caso, o funeral de Walter Rauff, ex-coronel da SS, que morreu no Chile, em 1984. Já em outros casos, não existe tanta pesquisa, é mais observação de fatos cotidianos.

Conexão Literatura: Poderia destacar um trecho do qual você acha especial no seu livro?

Kathia Brienza: Gosto muito do momento em que Kiko, o protagonista do conto “Sobre meninos e lobos”, se recorda da sua infância. Acho que consegui criar uma imagem visual bem bonita.

Conexão Literatura: Se você fosse escolher uma trilha sonora para o seu livro, qual seria?

Kathia Brienza: Como os contos são bem diferentes uns dos outros, não consigo pensar em uma única música para o livro. Alguns contos, inclusive, mencionam músicas. Então, para o “Sobre meninos e lobos”, por exemplo, que cita “Noite do prazer”, de Claudio Zoli, essa seria a trilha. “O show da vida” merece uma música flamenca, talvez algo como “Malagueña”. “Silêncio”, de Beethoven, seria a trilha para “Devaneios”. Ou seja, cada conto mereceria uma música própria.

Conexão Literatura: Como o leitor interessado deverá proceder para adquirir o seu livro e saber um pouco mais sobre você e o seu trabalho literário?

Kathia Brienza: O livro está a venda no site da All Print Editora (http://www.allprinteditora.com.br/nao-e-com-vinagre-que-se-apanham-moscas). Em breve lançarei uma fanpage e um blog. Por enquanto, quem tiver interesse, pode entrar em contato comigo por meio do meu email, kathiabrienza@hotmail.com

Conexão Literatura: Existem novos projetos em pauta?

Kathia Brienza: De imediato, pretendo concluir um romance histórico ainda em 2017.

Perguntas rápidas:

Um livro: “As confissões de Frei Abóbora”, de José Mauro de Vasconcelos
Um (a) autor (a): o autor deste ano para mim tem sido William Faulkner.
Um ator ou atriz: Anthony Hopkins
Um filme: “As Horas”
Um dia especial: 24 de junho de 2012, festa de São João, que passei com minha família às margens do rio D’Ouro, no Porto, em Portugal,

Conexão Literatura: Deseja encerrar com mais algum comentário?

Kathia Brienza: Gostaria de agradecer a oportunidade e convidar a todos para conhecer meu trabalho.  

Compartilhe:

0 comentários:

Postar um comentário

Baixe a Revista (Clique Sobre a Capa)

baixar

E-mail: contato@fabricadeebooks.com.br

>> Para participar das edições: Clique aqui

Curta Nossa Fanpage

Anuncie e Publique Conosco

Anunciante:

MENTES ADOLESCENTES

Posts populares

Inscreva-se e receba nossas novidades por e-mail:

Drago Editorial

FARO EDITORIAL

LIVRO: NARRATIVAS DO MEDO

REVISÃO DE TEXTOS

REVISÃO DE TEXTOS
Revise o seu texto conosco.

Gostou do nosso trabalho?

Passaram por aqui


Labels