sábado, 20 de maio de 2017

Conheça Mariane Alves, poetiza, artesã e idealizadora do projeto "Poetizando a Rotina"

Mariane Alves é poetisa, artesã, natural de Triunfo - Pernambuco, nascida a 25 de Março de 1993, idealizadora do projeto "Poetizando a Rotina", que divulga a poesia brasileira contemporânea pelo Facebook e em saraus e eventos literários e culturais pelo nordeste do país.

ENTREVISTA:

Conexão Literatura: Poderia contar para os nossos leitores como foi o seu início no meio literário?

Mariane Alves: Meu início na meio literário foi bem no início mesmo da minha vida, desde de muito pequena que eu gosto de ler/ouvir poesias e músicas que acho que acrescenta de alguma forma no pensar. Mas claro que para tudo quem que ter um ponta-pé inicial, o meu pai foi esse ponta-pé. Ele sempre escutava cantoria de viola, escutava músicas que de alguma forma me influenciou a ter um gosto refinado para tais coisas, como estilo musical, por exemplo. Depois, quando entrei na escola foi que eu tive um contato direto com a Literatura, lembro-me bem que sempre quando chegava a hora do recreio todos os meus amigos saiam loucos para ir brincar, e eu saia loucaaaa para ir pra Biblioteca ler livros de poesias. Os livros didáticos eu nunca tive muito interesse quando dentro de sala de aula... A biblioteca da minha escola, na época o Monsenhor Luiz Sampaio, era o meu mundo. Foi quando conheci Mário Quintana, Fernando Pessoa, Manuel Bandeira, Carlos Drummond e Cecílias Meireles. Esses foram as minhas primeiras referências literárias, depois disso sai pesquisando mais poetas, e lendo mais poesias... quando fui ver, meu corpo/mente/coração era todo poesia. As palavras se impregnaram nas minhas entranhas. Quando me vi, eu já era amante da palavra, do verso, da rima, da sensibilidade...

Passou-se o tempo, e conheci a Literatura de Cordel, aí pronto: meu mundo caiu. rs. Foi da vez que eu senti a real magia do que de fato é a poesia. A métrica, a rima, o improviso... Tudo me encanta! Passei a ir para eventos por aqui pelo pajeú mesmo que tem muita cantoria de viola, declamações, mesas de glosas... E estou até hoje nessa, de brincar de ser poeta, de saltitar nesse universo de versos que se unem.


Conexão Literatura: Você acabou de assinar contrato com a Editora Madrepérola para a publicação do primeiro volume da coletânea de poesias do seu projeto literário "Poetizando a Rotina", que divulga gratuitamente a poesia de autores brasileiros contemporâneos. Poderia comentar?

Mariane Alves: A coletânea do Poetizando a rotina será uma extensão impressa do que já é o Poetizando. A diferença é que o Poetizando vai ser palpável, folheável, sentido... vai ser um livro!

Conexão Literatura: Como estão os preparativos para o lançamento do livro?

Mariane Alves: Está sendo árduo. rs. Confesso que estou trabalhando muito para que saia uma coisa bonita. A seleção dos Poetas está sendo pensada com muito carinho para os leitores.

O intuito dessa coletânea é reunir todos os poetas que estiveram de alguma forma durante esses quatros anos comigo. Poetas/amigos. São pessoas que foram para os saraus, pessoas que me mandavam poesias para serem publicadas no Poetizando, pessoas que tem outras páginas sobre Literatura também, e que ajudavam nas divulgações... Esse livro vai ser mesmo uma lembrança de gratidão à todos que me ajudaram de alguma forma para que isso tudo acontecesse...

Conexão Literatura: Como o leitor interessado deverá proceder para saber mais notícias sobre a coletânea “Poetizando a Rotina” e sobre seus trabalhos literários?

Mariane Alves: É só acompanhar a página Poetizando a rotina, estarei publicando tudo.

Conexão Literatura: Existem novos projetos em pauta?

Mariane Alves: Existem vários projetos...

Estou participando de um coletivo, que adotamos com o nome de "Coletivo Pantim", são de jovens artistas daqui da cidade de Triunfo, e estamos trabalhando várias vertentes da arte, para levar arte para o povo.

Sempre estou participando de intervenções, contações de histórias, oficinas, declamações... A arte é rio, e eu sou correnteza...

Perguntas rápidas:
Um livro: O Diário de Anne Frank
Um (a) autor (a): João Guimarães Rosa
Um ator ou atriz: Mussum
Um filme: O Mágico de Oroz
Um dia especial: Primeiro Sarau do Poetizando a Rotina.

Conexão Literatura: Deseja encerrar com mais algum comentário?

Mariane Alves: Gratidão pela atenção.

Visite Poetizando a rotina: https://www.facebook.com/poetizandoarotina

Compartilhe:

0 comentários:

Postar um comentário

Baixe a Revista

baixar

E-mail: contato@fabricadeebooks.com.br

>> Para participar das edições: Clique aqui

Curta Nossa Fanpage

Assista ao vídeo

INSCREVA-SE---->

Anunciante:

Anuncie e Publique Conosco

Posts populares

Inscreva-se e receba nossas novidades por e-mail:

Drago Editorial

LIVRO: JÚLIA

LIVRO: AS CRÔNICAS DO AMANHECER

LIVRO: NÃO É COM VINAGRE QUE SE APANHAM MOSCAS

LIVRO: DOIS ANJOS E UMA MENINA

REVISÃO DE TEXTOS

REVISÃO DE TEXTOS
Revise o seu texto conosco.

Gostou do nosso trabalho?

Passaram por aqui


Labels