quarta-feira, 28 de junho de 2017

Entrevista com Marcus Barcelos, autor do livro Horror na colina de Darrington

Marcus Barcelos nasceu no Rio de Janeiro, em 1989, onde mora até hoje. Graduando em Jornalismo e estudando Roteiro Cinematográfico na Escola de Cinema Darcy Ribeiro, é ávido por literatura e começou a escrever aos dez anos de idade. Encontrou nas histórias de terror a sua paixão e têm como inspiração os grandes mestres Stephen King, H.P. Lovecraft e Edgar Allan Poe. Marcus também é um dos Embaixadores Internacionais da plataforma Wattpad no Brasil, onde conta com milhares de seguidores. Além da literatura, Barcelos também é apaixonado por esportes: é treinador de Boxe Inglês da Federação do Estado do RJ, atleta de CrossFit e surfista, mas só nos finais de semana. Ou quando o mar está bom, sempre entre uma morte ou outra de seus personagens.

ENTREVISTA:

Conexão Literatura: Poderia contar para os nossos leitores como foi o seu início no meio literário?

Marcus Barcelos: Comecei a escrever com dez anos de idade. Naquela época, minha única vontade era colocar no papel as coisas interessantes do meu cotidiano infantil, como se fosse uma espécie de diário, mas narrada de outra forma. Com o tempo, passei a acrescentar mais detalhes, até o dia em que comecei a escrever minhas primeiras histórias de ficção. Com onze anos de idade, escrevi meu primeiro “livro”. Tinha cerca de 20 páginas, dez capítulos e se chamava “O Arquivo Secreto”, uma história de suspense sobre dois policiais que precisam resgatar um disquete secreto e importantíssimo. Quando finalizei o livro, decidi que queria publicá-lo, mesmo sem fazer a menor ideia do que isso significava e de quanta coisa isso envolvia. Só sabia que qu eria ver o meu livrinho nas livrarias. Minha mãe, então, me levou à uma papelaria, onde eu encadernei as páginas, desenhei uma capa e levei para casa, feliz da vida. Para mim, naquela época, bastou. Meu primeiro livro físico.  

Conexão Literatura: Com a incrível marca de mais de um milhão de leituras no Wattpad, você foi convidado a se tornar embaixador da plataforma no Brasil. Poderia comentar?

Marcus Barcelos: O Wattpad sempre foi uma ferramenta que me orgulhou muito. Desde os primeiros capítulos do “Horror na colina de Darrington”, inicialmente publicado na plataforma como “Conto Curto de Terror”, a repercussão sempre foi excelente. Como entrei na plataforma logo no início da difusão dela no Brasil, não existiam muitas histórias de terror em português, então os leitores carentes pelo gênero abraçaram a minha ideia e acompanharam fervorosamente. Postava os capítulos de forma seriada, de duas em duas semanas, e divulgava em redes sociais. Quando a história estava com cerca de 5.000 leituras, a equipe do Wattpad entrou em contato comigo me oferecendo a posição de destaque no gênero terror. Foi então que as leituras der am uma alavancada fenomenal. Em menos de dois meses, cheguei à 25.000 leituras, e então não parou mais, até atingir a marca de mais de um milhão de leituras. Logo em seguida me tornei Embaixador do Wattpad no Brasil. Meu número de seguidores também teve um salto expressivo. Hoje conto com quase 20.000 seguidores.

Conexão Literatura: Você é autor do livro “Horror na colina de Darrington”, lançado pela Faro Editorial. Como está sendo a repercussão do seu livro?

Marcus Barcelos: A repercussão sempre foi excelente, para a minha grande surpresa e alegria. Minha proposta com o livro foi de contar uma história direta e sem rodeios, ao melhor estilo pulp, onde a cena sobrepõe o enredo, ou seja, uma história contada da maneira mais visual possível. Não quis prolongar demais o livro, e sim deixá-lo intenso, de uma forma que o leitor pudesse lê-lo de uma só vez, como quem assiste à um filme de terror. No início, pensei que isso pudesse ser arriscado, mas logo me surpreendi. Acredito que exista mercado para todos os gêneros e todos os estilos, desde os romances mais longos até os mais enxutos, como o meu, então os leitores gostaram bastante.

Conexão Literatura: Como foram as suas pesquisas e quanto tempo levou para concluir Horror na colina de Darrington?

Marcus Barcelos: Para escrever “Horror na colina de Darrington”, busquei inspiração em conteúdos do gênero terror dos mais variados tipos de mídia. Desde livros de autores que venero como Stephen King e H.P. Lovecraft, até jogos eletrônicos, como Silent Hill. Eu queria escrever uma história impactante e que, mesmo trazendo alguns clichês de obras mais antigas, pudesse ainda trazer algo de novo para o gênero. Levei cerca de um ano para concluir as postagens no Wattpad. A história já estava pronta na minha cabeça e rascunhada no computador, então escrevia os capítulos com o passar das semanas.

Conexão Literatura: Poderia destacar um trecho do qual você acha especial em seu livro?

“(…)Calei minha voz em um determinado momento da minha sentença, e assim permaneci…
    Até hoje, aqui, de frente para você, dr. Lincoln, neste exame de rotina. Calculei que onze anos eram o suficiente para deixar as coisas esfriarem. Até porque o rapaz que sentia medo morreu há pelo menos cinco. E hoje, aos vinte e oito anos, faz pelo menos onze que não tenho uma vida. Eu apenas respiro.” (Capítulo XI - Loucura, pág. 128)

Conexão Literatura: Além da literatura, você estuda roteiro cinematográfico e também é apaixonado por esportes: é treinador de Boxe Inglês da Federação do Estado do RJ, atleta de CrossFit e surfista. Como você faz para conciliar tantas atividades?

Marcus Barcelos: Passei grande parte da minha adolescência acima do peso. Quando resolvi emagrecer, foquei nos esportes e na alimentação saudável, e isso trouxe diversos benefícios para mim, tanto na parte física quanto na psicológica. Desde então, as atividades físicas são comuns no meu cotidiano, onde procuro sempre reservar algumas horas para a prática. Com relação ao roteiro cinematográfico, as aulas são sempre durante o dia, então como escrevo na parte da noite/madrugada, tenho todo o restante do dia para estudar, trabalhar, praticar esportes e me divertir, de uma maneira geral. Mesmo assim, às vezes gostaria que o dia tivesse, pelo menos, mais umas 6 horas.

Conexão Literatura: Como o leitor interessado deverá proceder para adquirir um exemplar do seu livro e saber um pouco mais sobre você e o seu trabalho literário?

Marcus Barcelos: O livro, publicado pela Faro Editorial, está à venda nas melhores livrarias, tanto online quanto físicas, como por exemplo a Saraiva, Travessa, Amazon, Cultura e etc.

Conexão Literatura: Existem novos projetos em pauta?

Marcus Barcelos: Além da continuação do “Horror na Colina de Darrington”, estou escrevendo um livro em paralelo e tenho sempre alguns contos na manga, alguns em fase avançada de produção, outro ainda no rascunho. Estou constantemente começando novos projetos.

Perguntas rápidas:

Um livro: O Iluminado
Um (a) autor (a): Stephen King
Um ator ou atriz: J.K. Simmons
Um filme: Whiplash - Em Busca da Perfeição
Um dia especial: Quando conheci minha namorada, Bianca.

Conexão Literatura: Deseja encerrar com mais algum comentário?

Marcus Barcelos: Gostaria de agradecer imensamente à vocês da Revista Conexão Literatura pelo convite, e aos meus leitores pelo carinho e pelo apoio de sempre. Acredito muito no potencial da literatura nacional, e ver um trabalho como o que vocês realizam é a confirmação de que temos muita gente boa no caminho dispostas a alavancarem nossos autores. Continuem assim, foi um orgulho e um prazer participar dessa entrevista.

Aos novos autores, uma dica: não desistam. Independente de qualquer coisa, não desistam. Vai parecer difícil, e realmente pode vir a ser, mas as conquistas chegam. Pequenas, no início, maiores com o passar do tempo. Mas elas virão. E eu acredito em vocês, como sei que acreditaram em mim.


Compartilhe:

0 comentários:

Postar um comentário

Baixe a Revista (Clique Sobre a Capa)

baixar

E-mail: contato@fabricadeebooks.com.br

>> Para participar das edições: Clique aqui

Curta Nossa Fanpage

Anuncie e Publique Conosco

Anunciante:

MENTES ADOLESCENTES

Posts populares

Inscreva-se e receba nossas novidades por e-mail:

Drago Editorial

FARO EDITORIAL

LIVRO: NARRATIVAS DO MEDO

REVISÃO DE TEXTOS

REVISÃO DE TEXTOS
Revise o seu texto conosco.

Gostou do nosso trabalho?

Passaram por aqui


Labels