domingo, 4 de novembro de 2018

Exclusivo: Mauro Kwitko, o livro Jovens guerreiros e guerreiras da Luz e a Psicoterapia Reencarnacionista, por Sérgio Simka e Cida Simka

Mauro Kwitko - Foto divulgação
Nesta entrevista exclusiva, Mauro Kwitko fala sobre seu novo livro e sobre a Psicoterapia Reencarnacionista.

Mauro é médico, formado pela Faculdade de Medicina da UFRGS em 1971. Em 2009 solicitou licença do Conselho de Medicina para poder dedicar-se livremente ao seu trabalho como psicoterapeuta reencarnacionista. É fundador e presidente da Associação Brasileira de Psicoterapia Reencarnacionista (www.portalabpr.org) e da Casa Beneficente de Terapia e Caridade. Em 1996 começou a elaborar e divulgar a Psicoterapia Reencarnacionista, a Terapia da Reforma Íntima, uma criação de um Grupo de Seres do Mundo Espiritual. Ministra Cursos de Formação em Psicoterapia Reencarnacionista e Regressão Terapêutica desde então, tendo formado centenas de psicoterapeutas reencarnacionistas. Ministra o Curso em Porto Alegre, Rio de Janeiro, São Paulo, Curitiba, Salvador e Brasília. É autor de 7 livros a respeito da Psicoterapia Reencarnacionista e a Regressão Terapêutica.

Fale-nos sobre o livro "Jovens guerreiros e guerreiras da Luz".

A finalidade desse livro é levar uma Mensagem aos Jovens para que lembrem quem são, para o que encarnaram, o que vieram fazer aqui na Terra e libertarem-se do poder do Sistema que, muitas vezes, os impede de cumprir a sua Missão. Os jovens, em grande parte, são Espíritos que vieram para trazer consigo mais luz para esse planeta, para a humanidade, trazer paz, harmonia, solidariedade, fraternidade. Mas, para que realizem esse objetivo espiritual, necessitam relembrar disso e libertarem-se da influência negativa que um Sistema baseado apenas no lucro financeiro exerce sobre eles, com a colaboração de grande parte da mídia, como que hipnotizando-os, dominando sua cabeça, visando transformá-los de leões em cordeirinhos e de guerreiros em robôs.
A Mensagem desse livro é um alerta a esses jovens emissários da Luz a respeito das táticas utilizadas pelo Sistema para tentar impedir que sua Missão seja cumprida. Devem ficar atentos com o que vão colocando em sua cabeça desde que eram crianças bem pequenas, com o “normal das coisas”, com o “é assim que os jovens são...”. Os jovens vêm sendo desrespeitados através da imagem criada de “Ser jovem é...”. Queremos que os jovens perguntem a si mesmos se realmente são como as propagandas dos produtos jovens mostram? São um bando de doidões, irresponsáveis, agitados, bagunceiros, ou essa é a imagem criada pelo Sistema do que é “ser jovem”. Só querem festa, feriado, férias, happy hours? Não querem um mundo melhor, mais justo, mais humano? E essa tal de “rebeldia jovem” é contra o quê afinal? Se é contra o Sistema não podem seguir cegamente e obedecer suas mensagens, mas se deixaram que lhes hipnotizassem e agem como o Sistema diz que devem agir, estão sendo contra ou a favor?
Os jovens vieram para melhorar o mundo, para ajudar a acabar com a miséria, com a fome, com a violência, com a desigualdade social, vieram para transformar o nosso sistema de vida em um socialismo espiritual. Mas o Sistema, comandado por pessoas que estão nos altos postos dos governos da maioria dos países ou são seus parceiros, e que dominam grande parte da mídia, não deseja que as coisas mudem, pois são movidos apenas pela busca de lucro e o desejo de poder. E então utilizam-se de todas as maneiras possíveis para hipnotizar e adormecer os jovens, principalmente através do cinema, da televisão e da internet.

O que o motivou a escrevê-lo?

Os nossos jovens têm sido muito desrespeitados pelo Sistema. Essa imagem criada de que “Ser jovem é” ser doidão, barulhento, agitado, falar bobagem, beber muito, não gostar de estudar, não gostar de acordar cedo, não gostar de trabalhar, gostar só de feriado, férias, que o bom da vida é festa, que a vida é para ser aproveitada etc., é uma grande falta de respeito aos jovens. Esse livro tem a finalidade de mostrar aos jovens, aos pais, aos educadores, o que o Sistema vem fazendo com os adolescentes, jovens no corpo mas muito antigos, espiritualmente falando, e que devem ser tratados com respeito. Os jovens são extremamente desrespeitados e tratados como marionetes com a finalidade única de serem consumidores dos produtos “jovens” acoplados à imagem criada de como é um jovem. Os jovens  vieram para melhorar o mundo, combater a desigualdade social, ajudar a ir nivelando as camadas sociais, para ajudar a eliminar a fome, a miséria, a violência, mas nada disso é incentivado pelas mensagens “jovens”, pelo contrário, essas mensagens apregoam o egoísmo, o egocentrismo, o “cada um deve cuidar de si e o resto que se lixe”, o “não tenho nada a ver com isso, eu quero é ser feliz”, e, pior, transformando jovens em arremedos de si mesmos, obedientes, subjugados, hipnotizados, querendo ser como dizem que os jovens “devem ser”.
Essa falta de respeito com os jovens mimetiza-se em uma falta de respeito dos jovens com eles mesmos, no que comem, no que bebem, no que fazem, na sua vontade e nos seus desejos, nas suas condutas e posturas perante a vida, e isso transforma milhões de jovens em coadjuvantes ao invés de protagonistas e quando decidem ser protagonistas, grande parte protagoniza uma vida de sonhos ilusórios, uma busca de conquistas egoicas, um anseio de prazeres sensoriais imediatos. A mensagem jovem de “liberdade” vendida pelo Sistema é uma prisão da qual dificilmente um jovem consegue escapar, a não ser que detecte a falta de respeito e vire a sua revolta não mais contra nem sabe o que mas contra quem lhe desrespeita. Isso não significa uma luta violenta, uma postura agressiva, contra os donos da nossa cabeça e seus colaboradores, implica somente, ao invés de dizer “Sim”, dizer “Não!”.

Como está a receptividade das pessoas em torno da Psicoterapia Reencarnacionista, da qual você é o precursor?

Após 22 anos de trabalho, desde 1996, a Psicoterapia Reencarnacionista passou por várias fases, quanto a sua aceitação. Ao início ela era ignorada tanto pela Psicologia e pela Psiquiatria quanto pelo meio espiritualista. Depois ela começou a ser confundida com Terapia de Regressão e passou a ser criticada, pelo meio oficial por vê-la como charlatanismo e pelo meio espiritualista por infringir a Lei do Esquecimento. Mas, continuando o trabalho (e hoje estamos com 49 professores, nosso Curso de Formação em 18 estados do Brasil e em organização em outros países, centenas de psicoterapeutas reencarnacionistas formados atuando em consultório, como sua profissão, e/ou em Centros voluntariamente), a Psicoterapia Reencarnacionista começa a ser entendida o que ela é: o embrião da Psicologia do século 21, baseada na Reencarnação. A Psicoterapia Reencarnacionista é uma moderna Escola psicológica, que agrega a Reencarnação e visa ajudar a todos nós a mudarmos a visão que a nossa persona (ego) tem da infância e da nossa vida. Ela quer nos fazer encontrar a visão que o nosso Eu Divino e nossos Mentores Espirituais têm a esse respeito. É a base operacional da Psicoterapia Reencarnacionista, o que chamamos de “versão-persona” x “Versão-Espírito”. Sem essa mudança de visão, de interpretação, que damos à nossa infância e aos fatos da vida, não é possível realizar-se um tratamento com a Psicoterapia Reencarnacionista. É como entendermos a nossa vida depois de desencarnados, lá no Mundo Espiritual, olhando o Telão e comentando com os Orientadores, e isso, ser feito, aqui, enquanto estamos encarnados, é Psicoterapia Reencarnacionista.
Essa nova psicoterapia trabalha em dois níveis:
1.    Básico – ajudar a pessoa a encontrar sua Personalidade Congênita (um padrão comportamental repetitivo) através das Regressões, nas várias encarnações que acessa durante o Tratamento e, com isso, encontrar sua proposta de Reforma Íntima. Ou seja, quais características inferiores do seu ego vem tentando melhorar, desde as infantis, as adolescentes, as adultas, até alcançar o grau final, o ego ancião.
2.    Avançado – colaborar para que ocorra a reintegração do ego ao Eu divino, a nossa verdadeira Essência.
Ela utiliza a Regressão Terapêutica (recordação de vidas passadas e dos períodos intervidas) de uma maneira extremamente ética, conforme a orientação deixada por Allan Kardec em “O Livro dos Espíritos”, na questão 399 a respeito do Esquecimento do passado, onde diz:

“Mergulhando na vida corpórea, perde o Espírito, momentaneamente, a lembrança de suas existências anteriores, como se um véu as cobrisse. Todavia, conserva algumas vezes vaga consciência, e lhe podem ser reveladas. Esta revelação, porém, só os Espíritos superiores espontaneamente lhe fazem, com um fim útil, nunca para satisfazer a vã curiosidade.”

Enquanto “Obreiros da Vida Eterna”, de André Luiz, psicografado por Chico Xavier, anunciava há 50 anos, na palestra do Dr. Barcelos, a chegada da Psicoterapia Reencarnacionista, o “Livro dos Espíritos” anunciava há 150 anos a chegada da Regressão Terapêutica, pioneira na Ética de apenas ser revelado o passado das pessoas a critério dos Mentores Espirituais, sem que o terapeuta induza, conduza, direcione o processo, não atendendo o desejo, o interesse ou a curiosidade da pessoa (nem nos casos focais de uma fobia, pânico, depressão severa, uma dor física crônica etc.), e nunca sendo incentivado o reconhecimento de pessoas no passado.


*Sérgio Simka é professor universitário desde 1999. Autor de cinco dezenas de livros publicados nas áreas de gramática, literatura, produção textual, literatura infantil e infantojuvenil. Idealizou, com Cida Simka, a coleção Mistério, publicada pela Editora Uirapuru. Membro do Conselho Editorial da Editora Pumpkin e integrante do Núcleo de Escritores do Grande ABC.

Cida Simka é licenciada em Letras pelas Faculdades Integradas de Ribeirão Pires (FIRP). Coautora do livro Ética como substantivo concreto (Wak, 2014) e autora dos livros O acordo ortográfico da língua portuguesa na prática (Wak, 2016), O enigma da velha casa (Uirapuru, 2016) e “Nóis sabe português” (Wak, 2017). Integrante do Núcleo de Escritores do Grande ABC.
Compartilhe:

0 comentários:

Postar um comentário

Baixe a Revista (Clique Sobre a Capa)

baixar

E-mail: ademirpascale@gmail.com

>> Para Divulgação Literária: Clique aqui

Curta Nossa Fanpage

Siga Conexão Literatura Nas Redes Sociais:

Receba nossas novidades por e-mail (você receberá um email de confirmação):

Anuncie e Publique Conosco

Posts mais acessados da semana

DRAGO EDITORIAL

LIVRO DESTAQUE

LIVRO: TRAVESTIS BRASILEIRAS EM PORTUGAL

FUTURO! - ROBERTO FIORI

ENCONTRE UMA EDITORA PARA O SEU LIVRO

LIVRO: TRAVESSURAS DA MINHA MENINA MÁ

Passaram por aqui


Labels