segunda-feira, 25 de fevereiro de 2019

Editora Desdêmona lança coletânea escrita apenas por mulheres

Ao todo, 62 autoras brasileiras foram selecionadas para fazer parte da obra As Coisas que as Mulheres Escrevem, que será lançada no Dia Internacional da Mulher

“O que as mulheres desejam? O que as une? O que lhes dá alegria? Quais seus medos e suas angústias?”. Com estes questionamentos, que abrem a coletânea As Coisas que as Mulheres Escrevem, os leitores são convidados a mergulhar em contos, poemas e crônicas escritos por autoras de todo o Brasil. Lançada pela Editora Desdêmona, a obra chega às livrarias a partir do dia 8 de março deste ano.

Ao todo, 62 mulheres encontram na primeira coletânea da Editora Desdêmona um espaço de acolhimento de suas vozes. Os textos promovem uma viagem pelas ideias, sentimentos e histórias que povoam o universo feminino. Assim, a data de lançamento oficial não poderia ser mais condizente: dia 8 de março, Dia Internacional da Mulher. Nessa noite, a partir das 18h30min, a Delta Livraria e Papelaria do Passo Fundo Shopping, localizado no município gaúcho de Passo Fundo, há 38 anos sede da Jornada Nacional de Literatura, recebe em seu espaço o evento de lançamento da obra, que deve contar com a presença de autoras, responsáveis pela editora, convidados e público em geral.
No site da editora (www.editoradesdemona.com.br) é possível conferir a lista completa de livrarias parceiras, onde a obra pode ser adquirida fisicamente e online. Lá, encontram-se também as biografias de todas as escritoras que compõem o livro.

Sobre a editora
A Desdêmona é a primeira editora no Norte do Rio Grande do Sul voltada exclusivamente à escrita feminina. Com o objetivo de publicar trabalhos de autoras mulheres e de incentivar autoras iniciantes a publicarem seus trabalhos através de projetos, a iniciativa compreende que, em uma sociedade onde cerca de 70% dos escritores brasileiros são homens, a representatividade feminina dentro da literatura precisa ser incentivada.
O nome da editora é uma homenagem à personagem Desdêmona, da peça de Shakespeare “Otelo, o mouro de Veneza”, encenada pela primeira vez em 1604, em Londres. Na história, Desdêmona é vítima do ciúme delirante do marido, Otelo, que fantasia estar sendo traído e, por isso, a mata por asfixia. A escolha do nome para a editora é uma forma de simbolizar uma nova oportunidade de uma mulher respirar e ser escutada.
Compartilhe:

0 comentários:

Postar um comentário

Baixe a Revista (Clique Sobre a Capa)

baixar

E-mail: ademirpascale@gmail.com

>> Para Divulgação Literária: Clique aqui

Curta Nossa Fanpage

Siga Conexão Literatura Nas Redes Sociais:

Receba nossas novidades por e-mail (você receberá um email de confirmação):

Anuncie e Publique Conosco

Posts mais acessados da semana

SROMERO PUBLISHER

LIVRO: O CLUBE DE LEITURA DE EDGAR ALLAN POE

TAMARA JONG: A LUA NEGRA DE PATÂNIA

LIVRO DESTAQUE

FUTURO! - ROBERTO FIORI

LIVRO: TEU PECADO

LIVRO: TRAVESSURAS DA MINHA MENINA MÁ

Leitores que passaram por aqui

Labels