sexta-feira, 22 de fevereiro de 2019

Resenha - Travestis Brasileiras em Portugal


Título Original: Travestis Brasileiras em Portugal
Autor: Francisco José Silva do Amaral Luís
Editora: Chiado
Páginas: 330
Ano Lançamento: 2018 

O século XXI acentuou a celeridade dos processos globalizantes e a densificação de tecidos urbanos repletos de contrastes. O mundo já não é a preto e branco e o anonimato trouxe consigo a cor sob a forma de diferença, que, enquanto experiência vivida, se tornou comunitariamente possível na cidade. Quebra-se na prática a uni-direccionalidade entre sexo e género ou entre sexo e sexualidade, enfrentando-se esquemas de pensamento enraizados. O paradigma máximo desta autonomia sistémica alcança-se na construção de uma identidade travesti mutante, mutável e instável que acompanha um mundo profusamente povoado por fluxos intensos e interdependências várias. É na sociedade global que as travestis encontram espaço para a vivência transnacional e comunitária das viagens trans. Brasil, europa, cidade, prostituição e migração surgem como fatores chave para a sua disseminação geográfica e identitária. A rua tornou-se a sua nova casa e as outras travestis são agora a sua família. 

Impressões: 

Uma obra que reflete uma interminável indústria do sexo passando por barreiras e até mesmo, países. Francisco J. S. A. Luís traz uma obra que reflete em todos os cantos do Mundo, porém seu foco é entre Brasil e Portugal. Vale lembrar que o livro é fruto de sua tese de doutorado defendido na Universidade Nova Lisboa, em Portugal. 

Na primeira parte, o leitor vai entender o termo “travesti”, do qual o autor faz uma breve, porém profunda explicação sobre, ou seja, nada mais é de homens que se travestem de mulheres, usando acessórios e roupas femininas. 

Já na segunda parte do livro, o leitor vai entender os reais motivos para pessoas se entregarem de corpo e alma no mundo da prostituição, fazendo até mesmo sair de sua terra natal para se aventurar em países completamente desconhecidos. 

O leitor pode até estranhar, pois é uma leitura acadêmica e exige uma atenção maior, por conta dos termos técnicos utilizados em faculdades, mais especificamente em uma tese de doutorado. 

Francisco J. S. A. Luís busca mostrar o impacto social e emocional dessas pessoas que buscam uma “segurança” em outro país, além de preconceitos e discriminações. 

Vale a pena? Sim, mas para aqueles leitores que buscam uma obra de não ficção, além de quebrar os paradigmas e preconceitos perpetuados pela sociedade em geral.


Compartilhe:

0 comentários:

Postar um comentário

Baixe a Revista (Clique Sobre a Capa)

baixar

E-mail: ademirpascale@gmail.com

>> Para Divulgação Literária: Clique aqui

Curta Nossa Fanpage

Siga Conexão Literatura Nas Redes Sociais:

Receba nossas novidades por e-mail (você receberá um email de confirmação):

Anuncie e Publique Conosco

Posts mais acessados da semana

SROMERO PUBLISHER

LIVRO: O CLUBE DE LEITURA DE EDGAR ALLAN POE

TAMARA JONG: A LUA NEGRA DE PATÂNIA

LIVRO DESTAQUE

FUTURO! - ROBERTO FIORI

LIVRO: TEU PECADO

LIVRO: TRAVESSURAS DA MINHA MENINA MÁ

Leitores que passaram por aqui

Labels