sexta-feira, 29 de março de 2019

12.000 Anos de Abandono


Com o avanço do desmatamento e com o auxílio da filtragem digital em imagens de satélites, descobri nada menos do que 1.200 belíssimas construções milenares, no meio da Amazônia — totalmente inéditas.

São obras pré-históricas, algumas datadas em 6.000 anos, incrivelmente complexas e avançadas — as maiores obras de aquicultura da pré-história que a humanidade já viu.

Neste livro você se surpreenderá com essas construções monumentais, grandiosas e únicas, feitas por aqueles que foram os primeiros arquitetos e engenheiros do Brasil.

Participará de uma importante descoberta arqueológica que vai valorizar um povo sem nome e sem história. Um povo relegado a um plano inferior e menosprezado pela maioria dos cientistas e pesquisadores.

Dele quase nada sabemos. Qual é a sua etnia, de onde veio, quanto tempo habitou o Brasil e que língua falava são pontos a debater.

No entanto, o seu legado mostra que ele era: muito mais inteligente, complexo e tecnológico que jamais poderíamos imaginar.

Foram eles que realmente descobriram e colonizaram a Amazônia e uma boa parte do Brasil.

E, misteriosamente, depois de uma vida autossustentável com milhares de anos de uma história cheia de realizações eles simplesmente desapareceram — sem deixar rastros.

Para onde foram?

Deixaram para trás uma herança de valor incomensurável. Sítios arqueológicos cortados por milhares de quilômetros de aquedutos, dezenas de milhares de tanques de aquicultura, fortificações e cidades perdidas— verdadeiros oásis de riquezas e conhecimentos — que são chamados erroneamente de geoglifos.

É difícil entender como um povo extraordinário, que construiu obras fantásticas como as aqui descritas, passou despercebido de gerações de pesquisadores.

Desde a descoberta dos primeiros “geoglifos” em 1977, já se passaram décadas e quase nada foi acrescentado no que tange às perguntas fundamentais que faremos neste livro.

Apesar de vários estudos publicados tudo ainda é muito nebuloso e inconcluso: existem mais perguntas que respostas.

Hoje, para desgraça do nosso Patrimônio Histórico, essas obras monumentais estão abandonadas pelo poder público e se decompõem ao sabor das intempéries e das criminosas máquinas agrícolas. 

E, à medida que o desmatamento criminoso avança mais obras de engenharia pré-colombiana são descobertas alimentando um ciclo de destruição que deve, obrigatoriamente, ser paralisado. 

Se medidas urgentes não forem tomadas nenhuma delas sobreviverá: só as imagens restarão.

O livro é inédito — o texto e suas conclusões são um subproduto da pesquisa que fiz. Ele visa resgatar um pouco da dignidade de um povo — que mesmo tendo construído uma das mais monumentais obras da história deste país, continua na obscuridade, esquecido e menosprezado por quase todos.

Embarque comigo nesta jornada épica e conheça agora os primeiros engenheiros do Brasil, após 12.000 anos de abandono.

Sobre o Autor:

Pedro Jacobi é um geólogo gaúcho com vasta experiência em 
exploração mineral. Por décadas foi executivo das maiores mineradoras do mundo, Billiton, Rio Tinto e Vale. A partir de 2003 fundou suas empresas no Brasil, Estados Unidos, Canadá e Austrália, onde suas ações foram lançadas em bolsas de valores. Seu interesse por arqueologia data de 2.000 quando foi convidado por Anna Roosevelt para avaliar o material lítico descoberto na Gruta da Pedra Pintada. É o fundador do Portal do Geólogo o maior site grátis de geologia do país.

Para adquirir o livro, acesse: https://www.amazon.com.br/dp/B07N499SBB
Compartilhe:

0 comentários:

Postar um comentário

Baixe a Revista (Clique Sobre a Capa)

baixar

E-mail: ademirpascale@gmail.com

>> Para Divulgação Literária: Clique aqui

Curta Nossa Fanpage

Siga Conexão Literatura Nas Redes Sociais:

Receba nossas novidades por e-mail (você receberá um email de confirmação):

Anuncie e Publique Conosco

Posts mais acessados da semana

TAMARA JONG - CAÇADA CÓSMICA

LIVRO DESTAQUE

LIVRO: O CLUBE DE LEITURA DE EDGAR ALLAN POE

LIVRO "OS VELHACOS"

FUTURO! - ROBERTO FIORI

SROMERO PUBLISHER

Leitores que passaram por aqui

Labels