quarta-feira, 26 de junho de 2019

Catia Mourão, o livro A sociedade secreta e a Ler Editorial, por Cida Simka e Sérgio Simka

Fale-nos sobre você.
 
Catia Mourão é brasileira e vive no Rio de Janeiro, escreve para a coluna Opinião do Jornal O Dia e é membro dos Núcleos Acadêmicos de Letras e Artes de Buenos Aires e de Lisboa. Em 2015, integrou o grupo de autores brasileiros que participaram da 41ª Feira do Livro de Buenos Aires, no estande institucional do Brasil.
Em 1997 escreveu seu primeiro livro, a novela romântica Elos do Destino, que foi reeditada em 2015 pela Ler Editorial.
Catia também é autora da saga sobrenatural M.A.D.E. (Mais Além da Escuridão)´, do romance erótico A Sociedade Secreta e do conto A Diva da Ópera, que faz parte do livro Love is in the air 3, entre outras obras.
Em 2018 recebeu o título de Embaixadora, por sua influência intelectual e pela valorização da cultura sem fronteiras.

ENTREVISTA:

Além de escritora, você também é editora na Ler Editorial. Fale-nos sobre ela. Como é o seu trabalho? Recebe quantos originais por mês? Quantos são publicados? Quem quiser publicar pela editora quais os procedimentos a serem adotados
?

A Ler Editorial surgiu de uma necessidade pessoal de inserir meus livros no mercado, mas acabou crescendo e se tornando uma casa editorial especializada em literatura nacional contemporânea. Hoje, após cinco anos de atuação no mercado, contamos com mais de 90 títulos publicados e um casting de quase 30 autores.
Publicamos nos formatos físico, e-book e audiolivro, e em parceria com a CBL e o Brazilian Publishers, estamos voltando nossos olhos para o mercado exterior.
Recebemos uma média de 15 a 20 originais todo mês. Infelizmente, nem tudo se adequa ao nosso perfil editorial, mas tentamos dar oportunidade aos jovens autores.
Primeiro o autor deve enviar o original em formato Word (já registrado no escritório de direitos autorais da FBN). O prazo para análise leva entre 30 e 60 dias, e se o material for aprovado o autor recebe uma proposta de publicação.

Como é ser editor em um país como o Brasil?

É um trabalho árduo. Ainda temos muito a desenvolver para podermos dizer que somos um país de leitores. Falta investimento público no setor, assim como definição de regras comerciais mais realistas e adequadas ao mercado interno. E falta também mais profissionalismo por parte dos autores. Infelizmente, e por conta de toda essa bagunça que se tornou o setor editorial nos últimos tempos, a maioria acaba não investindo na carreira, não buscam o aperfeiçoamento, e isso se reflete na qualidade de seus trabalhos. É preciso ter em mente que é justamente nos momentos de crise que precisamos ser mais criteriosos, buscar a excelência para se destacar, alcançar o sucesso e driblar as dificuldades que o mercado impõe.  

Como analisa a questão dos e-books?

É inegável que o consumo de e-books, assim como de audiolivros não para de crescer e esse crescimento só deve aumentar. Eu acho ótimo! É uma opção mais barata para os leitores, além de ser mais cômoda, prática, e que pode nos ajudar muito a reverter o quadro atual, principalmente para as editoras que publicam obras direcionadas ao público jovem, como no nosso caso. 
Como vê a literatura “hot”? Ainda existe espaço para ela?
Sempre existirá! Desde que o mundo é mundo a literatura erótica esteve presente, basta ver os clássicos como Decameron, de Boccaccio, ou os livros do Marquês de Sade. E mais recentemente A casa dos budas ditosos, de João Ubaldo Ribeiro; Trópico de Câncer, de Henry Miller ou Lolita, de Vladimir Nabokov. A sexualidade sempre mexeu com a imaginação e continuará mexendo, o que muda é a linguagem, que se adequa à época e à sociedade vigente.

Quais são suas leituras preferidas?
 
Eu sou muito eclética, vou de literatura fantástica a um bom romance, e adoro uma trama de suspense.
Que conselho pode dar a um escritor principiante?
Invista em sua carreira. Estude, aperfeiçoe sua escrita, e ouse. Não tenha medo de sair da caixinha. É disso que o público gosta.

Quais seus próximos projetos como autora?
 
No momento, estou trabalhando em três livros: um romance de época, um drama e a continuação da saga M.A.D.E. Espero publicar ao menos um deles ainda este ano.


Cida Simka é licenciada em Letras pelas Faculdades Integradas de Ribeirão Pires (FIRP). Coautora do livro Ética como substantivo concreto (Wak, 2014) e autora dos livros O acordo ortográfico da língua portuguesa na prática (Wak, 2016), O enigma da velha casa (Uirapuru, 2016) e “Nóis sabe português” (Wak, 2017). Organizadora dos livros Uma noite no castelo (Selo Jovem, 2019) e Contos para um mundo melhor (Xeque-Matte, 2019). Integrante do Núcleo de Escritores do Grande ABC.

Sérgio Simka é professor universitário desde 1999. Autor de cinco dezenas de livros publicados nas áreas de gramática, literatura, produção textual, literatura infantil e infantojuvenil. Idealizou, com Cida Simka, a Série Mistério, publicada pela Editora Uirapuru. Organizador dos livros Uma noite no castelo (Selo Jovem, 2019) e Contos para um mundo melhor (Xeque-Matte, 2019). Membro do Conselho Editorial da Editora Pumpkin e integrante do Núcleo de Escritores do Grande ABC.
Compartilhe:

0 comentários:

Postar um comentário

Baixe a Revista (Clique Sobre a Capa)

baixar

E-mail: ademirpascale@gmail.com

>> Para Divulgação Literária: Clique aqui

Curta Nossa Fanpage

Siga Conexão Literatura Nas Redes Sociais:

Receba nossas novidades por e-mail (você receberá um email. Basta confirmar ):

REVISÃO E LEITURA CRÍTICA

Posts mais acessados da semana

Anuncie e Publique Conosco

LIVRO "VAIVÉNS DA ALMA"

LIVRO "JORNAL EM SÃO CAMILO DA MARÉ"

LIVRO: CONVERSA NOTURNA E OUTRAS HISTÓRIAS

LIVRO DESTAQUE

LIVRO: O CLUBE DE LEITURA DE EDGAR ALLAN POE

FUTURO! - ROBERTO FIORI

SROMERO PUBLISHER

Leitores que passaram por aqui

Labels