quarta-feira, 24 de julho de 2019

Renato Alves e o livro “Criaturas Indiscretas e Obscenas” (Clube de Autores)


Renato Alves nasceu em outubro de 1984. Escreve desde a adolescência. É autor de poemas, roteiros, ensaios, contos e romances. Como a maioria dos escritores, é amante da Literatura, da Filosofia, do Cinema e dos bons vinhos. Também se interessa por Política, mas prefere não expor seu posicionamento. É uma pessoa antissocial. Acredita que para ser um bom escritor é necessário apreciar a solidão. As principais características de suas obras são o sarcasmo, o erotismo e o obsceno humor negro. 

ENTREVISTA:

Conexão Literatura: Poderia contar para os nossos leitores como foi o seu início no meio literário?

Renato Alves: Comecei escrevendo contos e poemas. Depois, influenciado pela minha paixão pelo cinema, passei a escrever roteiros. Mas a linguagem cinematográfica não me satisfazia. Eu sentia que faltava alguma coisa. Então, durante um mês de férias, li o romance Moby Dick. Aquilo me completou. Eu sabia que escrevendo roteiros jamais alcançaria aquele ponto sublime. Dali pra frente foi fácil decidir o que escrever. 

Conexão Literatura: Você é autor do livro “Criaturas Indiscretas e Obscenas” (Clube de Autores). Poderia comentar?

Renato Alves: “Criaturas” é um livro que nasceu no meu inconsciente, como um sopro certeiro vindo de lugar nenhum. Quase nada do enredo faz parte do meu mundo. Escrever esse livro foi como navegar em águas perigosas. Foi como participar de uma orgia dentro de um templo sagrado. Resumindo, foi uma deliciosa tentação.

Conexão Literatura: Como foram as suas pesquisas e quanto tempo levou para concluir seu livro?


Renato Alves: Foram muitas pesquisas. Praticamente tudo via internet. Ainda tenho o arquivo com as inúmeras colagens sobre os diversos temas pesquisados. O processo entre escrever e revisar demorou mais ou menos três anos. Na verdade, escrevi as primeiras cinquenta páginas e depois coloquei o livro na gaveta, tive alguns problemas pessoais. Quando voltei ao livro, as próximas cento e cinquenta páginas vieram com tudo, realmente brotaram da minha mente. Foi um período muito louco. Faltei ao trabalho várias vezes só pra ficar em casa escrevendo. Terminei o livro e quase perdi meu emprego.

Conexão Literatura: Poderia destacar um trecho do qual você acha especial em seu livro?

Renato Alves: Difícil. São muitos. Eu poderia destacar as bizarrices que acontecem dentro de um restaurante durante um jantar de negócios. Ou a parte em que um pedófilo fica preso no elevador com uma garotinha de dez anos. Ou talvez as reflexões filosóficas… Mas realmente o que mais me agrada no livro são os momentos em que os pensamentos do velho Napoleão são expostos. Ali entramos na mente de um ser extremamente desprezível e ao mesmo tempo fascinante.

Conexão Literatura: Qual a dica que pode dar a um escritor iniciante?

Renato Alves: Acredite em você!!! Porque dificilmente alguém vai acreditar. (Isso pode ser plágio inconsciente.)

Conexão Literatura: Como o leitor interessado deverá proceder para adquirir um exemplar do seu livro e saber um pouco mais sobre você e o seu trabalho literário?

Renato Alves: Meu livro está sendo vendido no Clube de Autores, na Livraria Cultura, na Amazon, nas Lojas Americanas, no Submarino, no Mercado Livre e na Estante Virtual. Vou deixar dois links para facilitar.

Link 1: https://www.livrariacultura.com.br/p/livros/literatura-nacional/criaturas-indiscretas-e-obscenas-2112072678

Link 2: https://www.amazon.com.br/Criaturas-Indiscretas-Obscenas-Renato-Alves/dp/8556978428/ref=sr_1_1?__mk_pt_BR=%C3%85M%C3%85%C5%BD%C3%95%C3%91&keywords=criaturas+indiscretas+e+obscenas&qid=1560542903&s=gateway&sr=8-1
 
Conexão Literatura: Existem novos projetos em pauta?

Renato Alves: Sim. Estão bem guardados na gaveta do meu cérebro. Só vão sair pela porta da minha boca quando estiverem terminados. É sempre assim: não comento com ninguém sobre minhas obras antes de finalizá-las, nem com o meu Anjo da Guarda. (Risos.)

Perguntas rápidas:

Um livro: Moby Dick.
Um autor: Da língua portuguesa: José Saramago. De língua estrangeira: Philip Roth.
Um ator ou atriz: Anthony Hopkins.
Um filme: Complicado citar só um… “Anticristo”, do Lars von Trier.
Um dia especial: Qualquer dia sem perdas e sem dores.

Conexão Literatura: Deseja encerrar com mais algum comentário?

Renato Alves: Quero agradecer ao pessoal do Conexão Literatura pela oportunidade de divulgar a minha obra. Quero desejar felicidades a todos os leitores. E para quem pretenda ler o meu livro, vá em frente e descubra um mundo sem censura. 
Compartilhe:

0 comentários:

Postar um comentário

Baixe a Revista (Clique Sobre a Capa)

baixar

E-mail: ademirpascale@gmail.com

>> Para Divulgação Literária: Clique aqui

Curta Nossa Fanpage

Siga Conexão Literatura Nas Redes Sociais:

Receba nossas novidades por e-mail (você receberá um email. Basta confirmar ):

REVISÃO E LEITURA CRÍTICA

Posts mais acessados da semana

Anuncie e Publique Conosco

LIVRO "VAIVÉNS DA ALMA"

LIVRO "JORNAL EM SÃO CAMILO DA MARÉ"

LIVRO: CONVERSA NOTURNA E OUTRAS HISTÓRIAS

LIVRO DESTAQUE

LIVRO: O CLUBE DE LEITURA DE EDGAR ALLAN POE

FUTURO! - ROBERTO FIORI

SROMERO PUBLISHER

Leitores que passaram por aqui

Labels