terça-feira, 20 de agosto de 2019

Resenha: Fala, Galvão!


Título: Fala, Galvão!

Autores: Galvão Bueno e Ingo Ostrovsky

Editora: Globo Livros

Páginas: 309

Ano Lançamento: 2015

Polêmico, competitivo, querido. Independentemente do que pensem a seu respeito, Galvão Bueno é uma das figuras mais marcantes do jornalismo esportivo brasileiro. Seus bordões estão na boca do povo, sua empolgação contagia os torcedores e várias conquistas do esporte nacional entraram para história narradas por ele. Neste livro de memórias, escrito em parceria com o jornalista Ingo Ostrovsky, Galvão fala de sua paixão pelo esporte, sobre como se tornou um “vendedor de emoções” e revela episódios dos bastidores de grandes eventos, incluindo as últimas dez Copas do Mundo e vários Jogos Olímpicos.

Com o tom descontraído característico de suas transmissões, Galvão mistura histórias pessoais e profissionais, como a do menino Carlos Eduardo, que um dia matou aula para ver seu ídolo Pelé treinar, e dez anos depois, reencontraria o rei do futebol no mesmo avião em que faria sua primeira viagem internacional como comentarista, em 1974.

Impressões:

“Fala, Galvão!” não é apenas uma biografia e sim uma viagem através do jornalismo esportivo brasileiro, são emoções que o leitor vai presenciar em cada página escrita, capítulos emocionantes e vibrantes!

Admirado por muitos e odiado por mitos, Galvão Bueno possui inúmeras histórias no meio esportivo, emoções que muitos telespectadores presenciaram, por exemplo: O Tetra da Copa do Mundo, inúmeras vitórias do grande Ayrton Senna, narrado pelo Galvão.

O livro é dividido em três partes, as duas primeiras partes são foco total em futebol e automobilismo, na última parte, vamos conhecer o jeito Galvão Bueno de ser. Para os fãs de ambos os esportes, é um prato cheio. Recheado de boas lembranças e muitas aventuras nos bastidores. 

Uma leitura fluída, deixando o leitor ainda mais próximo do Galvão Bueno, não se engane! A obra é bem escrita e não tem segredos. Ponto chave é os “caosos” que envolvem seus melhores amigos e colegas de trabalho, Arnaldo César Coelho e Reginaldo Leme. 

Na parte do automobilismo, os leitores mais saudosistas vão se emocionar com diversos fatos e acontecimentos na vida de Galvão a partir do momento em que conhece o jovem e promissor piloto, Ayrton Senna. 

Um dos pontos positivos de toda obra é ter uma “vibe jornalística” sem casar o leitor com termos técnicos ou uma leitura enfadonha. 

É um misto de memórias, “causos”, além de inúmeras polêmicas de um dos maiores jornalistas esportivos do Brasil.

Vale a pena? Com toda certeza! Uma viagem no tempo de uma pessoa que trabalha e respira esportes 24 por dia, sete dias por semana. Fala, Galvão! 


Compartilhe:

0 comentários:

Postar um comentário

Baixe a Revista (Clique Sobre a Capa)

baixar

E-mail: ademirpascale@gmail.com

>> Para Divulgação Literária: Clique aqui

Curta Nossa Fanpage

Siga Conexão Literatura Nas Redes Sociais:

Receba nossas novidades por e-mail (você receberá um email. Basta confirmar ):

REVISÃO E LEITURA CRÍTICA

Posts mais acessados da semana

Anuncie e Publique Conosco

LIVRO DESTAQUE

TAMARA JONG - CAÇADA CÓSMICA

LIVRO: O CLUBE DE LEITURA DE EDGAR ALLAN POE

LIVRO "OS VELHACOS"

FUTURO! - ROBERTO FIORI

SROMERO PUBLISHER

Leitores que passaram por aqui

Labels