domingo, 8 de setembro de 2019

Resenha: Neon Azul, fantasia urbana de Eric Novello

Este romance no estilo fix up, centrado nas histórias e personagens que cercam um bar fictício da noite carioca, é um belíssimo exemplo da boa ficção fantástica brasileira que vem surgindo nos últimos anos, sendo um dos melhores frutos do boom de coletâneas e editoras independentes que surgiram na primeira década deste século.

Para quem não sabe, um romance fix up é um estilo de narrativa no qual histórias aparentemente independentes acabam se mostrando interligadas uma vez que a leitura vai avançando. Basicamente é um livro de contos, cada um contando uma história fechada, mas com alguma ligação entre eles, que embelezam e tornam a narrativa mais interessante.

Lançado em 2010 pela Editora Draco, o romance traz dez histórias curtas mostrando as diversas facetas do Neon Azul, um bar frequentado por gângsteres, mendigos, prostitutas, empresários e todo tipo de figura que circula pela noite de uma cidade grande. As narrativas trazem um tom ora misterioso, ora sobrenatural, com algumas pitadas de terror e suspense, que seguram a atenção do leitor do início ao fim.

A princípio, os contos parecem despretenciosos, as diversas personagens que vão surgindo podem parecer apenas coadjuvantes, mas o maior conselho para essa leitura é: não menospreze nenhum dos “coadjuvantes”. No conto seguinte, esse coadjuvante pode ser a personagem principal, revelar segredos ou lançar uma pitada a mais de mistério na trama.

O autor, Eric Novello, consegue apresentar o seu mundo de fantasia de maneira muito competente.  Invisibilidade abre o livro de modo deprimente e cativante, apresentando o que levou um bem-sucedido executivo à ruína, uma história que poderia acontecer com qualquer um. Noites de Insônia, apresentando um homem que não consegue adormecer, e O Boneco na Garrafa, uma pequena história de terror, trazem um toque de fantástico que mantem elevado o nível de atenção (e tensão) do leitor. O livro vai passando por diversas personagens, figuras carismáticas, misteriosas e assustadoras. Merece destaque a belíssima história de A Dançarina e o Sexo, que envolve duas personagens recorrentes em diversas situações do livro.

Eric Novello é um autor jovem e talentoso, com diversas publicações e colaborações por mais de uma editora, o que não é muito comum, além de várias traduções de romances e histórias em quadrinhos. Seu estilo de fantasia urbana ‘noir” faz o leitor acreditar numa quase realidade paralela em que terror e suspense são misturados ao cotidiano.  Esse Neon Azul é, sem dúvida, uma leitura mais do que recomendada.
Compartilhe:

0 comentários:

Postar um comentário

Baixe a Revista (Clique Sobre a Capa)

baixar

E-mail: ademirpascale@gmail.com

>> Para Divulgação Literária: Clique aqui

Curta Nossa Fanpage

Siga Conexão Literatura Nas Redes Sociais:

Receba nossas novidades por e-mail (você receberá um email. Basta confirmar ):

REVISÃO E LEITURA CRÍTICA

Posts mais acessados da semana

Anuncie e Publique Conosco

LIVRO "VAIVÉNS DA ALMA"

LIVRO "JORNAL EM SÃO CAMILO DA MARÉ"

LIVRO: CONVERSA NOTURNA E OUTRAS HISTÓRIAS

LIVRO DESTAQUE

LIVRO: O CLUBE DE LEITURA DE EDGAR ALLAN POE

FUTURO! - ROBERTO FIORI

SROMERO PUBLISHER

Leitores que passaram por aqui

Labels