sábado, 11 de abril de 2020

Cepe Editora libera novos e-books para download gratuito


Dez e-books de autores publicados pela Cepe Editora serão liberados para download gratuito a partir da próxima segunda-feira (13), numa ação solidária nesses tempos de isolamento social. A lista ficará aberta até 15 de maio e substitui os 14 livros eletrônicos que tiveram leitura franqueada ao público no período de 23 de março a 10 de abril. Os dez títulos estarão disponíveis nas plataformas da Amazon, Apple, Kobo, Livraria Cultura e Google Play Books.

Uma das publicações é o livro de poesias Gris, da poeta e escritora Cida Pedrosa, lançado em outubro de 2018. "Gris (cinza em inglês) tem tudo a ver com esse momento que estamos vivendo, 90% das poesias falam sobre a solidão na cidade", afirma Cida Pedrosa. O poema Empatia, inspirado num bem-te-vi, é um deles, destaca. "O bem-te-vi que canta/ na minúscula janela do banheiro/ sabe que eu/ sentada neste espaço 1x2/ tenho uma ausência de ninho/ tão grande quanto a dele", declama a poeta ao telefone.

Cida Pedrosa é uma das escritoras que entrou em contato com a Cepe para sugerir a liberação gratuita da obra que ela escreveu, durante a quarentena. "Com as pessoas em casa, quanto mais possibilidades de leitura gratuita, melhor. Esse é o nosso papel social como escritor e também o da Cepe, como empresa de economia mista", reflete.

A nova lista de e-books com download gratuito inclui três livros de poesia, um de conto, um de ensaio, dois infantojuvenis, um de jornalismo, um de história e um romance. "A ideia foi tentar mesclar o máximo possível de estilos diferentes e livros que, majoritariamente, estão esgotados em sua versão física, mas ainda vivos na versão digital", declara o gerente de Marketing da Cepe, Rafael Chagas.

Watsu, livro de poesias de José Juva, é um dos vencedores do 3º Prêmio Pernambucano de Literatura, em 2015. Ensaio sobre o livro Grande Sertão: Veredas (Guimarães Rosa), a publicação Genealogia da Ferocidade, de autoria de Silviano Santiago e lançada em 2017, inaugurou o Selo Suplemento de Pernambuco para obras que pensam as relações entre literatura e o contemporâneo.

De acordo com Rafael Chagas, a editora escolheu os 14 títulos para compor a primeira lista de e-books com leitura gratuita. "A receptividade foi excelente", avalia. Entre títulos pagos e gratuitos, o número de downloads cresceu 3.153% no site da Cepe, no mês de março, quando teve início a quarentena. "Chegamos a 6k de downloads em março", diz o superintendente de Mídias Digitais da Cepe, Rodolfo Galvão.  As cinco publicações mais procuradas foram: Mulher sob influência de um algoritmo, Os olhos de Diadorim e outros ensaios, A valente princesa Valéria, O massacre da Granja São Bento e O menino mais estranho do mundo.

Na segunda seleção de e-books foram observados dois critérios: a proposta de autores que solicitaram o download gratuito de suas obras (Cida Pedrosa, João Paulo Parísio, José Juva e Silviano Santiago) e indicações da editora. "O livro infantil Era uma vez... tem uma proposta bem legal porque são várias pequenas histórias que podem ser contadas para as crianças em momentos e dias diferentes, não exige uma leitura contínua", comenta Rafael Chagas.

O jornalista Homero Fonseca, autor de Tapacurá: viagem ao planeta dos boatos, elogia a liberação dos títulos. "Excelente iniciativa, neste momento tão singular da história mundial, especialmente no Brasil, onde, além dos terríveis impactos da pandemia na saúde e na economia, temos uma condução política ideológica, idiossincrática e desastrada por parte do chefe do governo", declara. "Quanto ao livro, penso que sua temática - boatos geradores de pânico coletivo - tem tudo a ver com o que se desenrola hoje, quando o medo e as fakes news assombram o mundo", acrescenta.

Serviço:

Veja lista dos 10 e-books para download gratuito

Título: Gris (Poesia)
Autora: Cida Pedrosa
Sinopse: A coletânea, que reúne 50 poemas de Cida Pedrosa, traz uma mostra significativa da produção desta autora, cuja obra se alimenta da urbe e se confunde com o estar e viver a cidade. Poemas curtos e cortantes levam o leitor a um passeio por paisagens multicores, a despeito do que sugere o título do volume.

Título: Esculturas Fluidas (Poesia)
Autor: João Paulo Parísio
Sinopse: Tomando como inspiração temas de variadas naturezas, como a fome e o tédio, João Paulo Parisio utiliza seu olhar criador em poemas que transmitem as diversas proporções das coisas. Cada poema é carregado com seus sentimentos específicos que invadem o leitor.

Título: Legião Anônima (Contos)
Autor: João Paulo Parísio
Sinopse: A obra Legião anônima reúne dezessete contos cheios de simbolismo, alguns reveladores de um clima de pesadelo, onde a realidade se mistura ao irreal, transmudando o cotidiano. O livro é um convite do autor, João Paulo Parisio, ao seu mundo de carências e perplexidades.

Título: Watsu (Poesia)
Autor: José Juva
Sinopse: A água é uma só. E assume todas as formas possíveis. Este livro possui dois oceanos: “Molhai os lírios do hipocampo” e “Visões noturnas da paz aquática.” Os poemas fluem como muitas águas: na calma da circulação dos líquidos no útero, nas idas e vindas de ondas furiosas, nos rios que não cessam de dizer da impermanência, nas chuvas inumeráveis que nos encontram. Foi um dos vencedores do 3º Prêmio Pernambuco de Literatura.

Título: Genealogia da Ferocidade (Ensaio)
Autor: Silviano Santiago
Sinopse: Genealogia da Ferocidade volta a comprovar a potência da ensaística de Silviano Santiago. Ele aponta como a tradição crítica sempre esteve mais interessada em domesticar a monstruosidade da escrita rosiana do que em deixar-se seduzir pela originalidade da "beleza selvagem" de Grande Sertão: Veredas. O "monstro Rosa" (como Silviano descreve o romance) não aceita domesticação. Esse ensaio inaugura o selo Suplemento Pernambuco, voltado a obras que pensam as relações entre literatura e o contemporâneo.

Título: A faculdade sitiada (História)
Autora: Ana Maria César
Sinopse: Episódio ocorrido nos anos 60, em que estudantes da Faculdade de Direito do Recife foram cercados na instituição por tanques e metralhadoras numa resposta do Governo à realização de uma palestra com Celia Guevara, mãe de Che Guevara, organizada pelos estudantes. O livro apresenta depoimentos de testemunhas dos fatos e marca a história daquele maio de 1961, que anunciou o Maio de 1968 da Europa.

Título: Era uma vez...(Infantojuvenil)
Autora: Gabriela Kopinits
Sinopse: A personagem Cigana Contadora de Histórias, interpretada pela jornalista caruaruense Gabriela Kopinits, que costuma promover sessões de contação em escolas como forma de incentivar a leitura, transforma-se na protagonista desta obra, em que narra várias das historinhas que ela mesma cria e que prometem encantar as crianças. As ilustrações são do designer recifense Rivaldo Barboza.

Título: E eu, só uma pedra (Infantojuvenil)
Autor: Helton Pereira
Sinopse: Ilustrado pelo artista gráfico mineiro Cau Gomez e ganhador do I Prêmio Cepe Nacional de Literatura em sua categoria, este livro aposta na invenção, com trato cuidadoso da fantasia e ousadia intelectual. O protagonista é um personagem singular, que foge dos clichês das histórias infantis. Helton Pereira teve a obra A voz que lê para mim, selecionado para o Programa Alfabetização na Idade Certa.

Título: Tapacurá: viagem ao planeta dos boatos (Jornalismo)
Autor: Homero Fonseca
Sinopse: Relato do pânico que tomou conta do Recife logo após a grande cheia de 1975, quando surgiu o boato de que a barragem de Tapacurá havia estourado, com vários depoimentos, e como os rumores voltaram a ocorrer em maio de 2011, assombrando a cidade. Nesta segunda edição, Homero Fonseca atualiza a obra incluindo uma análise sobre a utilização das redes sociais na repercussão dos boatos.

Título: Associação Robert Walser para sósias anônimos (Romance)
Autor: Tadeu Sarmento
Sinopse: Neste livro, seu primeiro romance publicado, Tadeu Sarmento trata da relação entre literatura e anonimato, memória e esquecimento, história e imaginação, e do quanto um escritor é capaz de se moldar ao desejo de seu leitor ideal, assim como quem ama se dispõe a transformar-se na pessoa pela qual o outro se apaixonou. Pode o amor, no fundo, ser um jogo de máscaras semelhante ao jogo de máscaras da literatura?
Compartilhe:

0 comentários:

Postar um comentário

Baixe a Revista (Clique Sobre a Capa)

baixar

E-mail: ademirpascale@gmail.com

>> Para Divulgação Literária: Clique aqui

Curta Nossa Fanpage

Siga Conexão Literatura Nas Redes Sociais:

Receba nossas novidades por e-mail (você receberá um email. Basta confirmar ):

Anuncie e Divulgue Conosco

Posts mais acessados da semana

EDITORA TREVO

CLUBE DO LIVRO UNIÃO

REVISÃO E LEITURA CRÍTICA

LIVRO: O CLUBE DE LEITURA DE EDGAR ALLAN POE

LIVRO DESTAQUE

LIVRO: CONVERSA NOTURNA E OUTRAS HISTÓRIAS

FUTURO! - ROBERTO FIORI

SROMERO PUBLISHER

Leitores que passaram por aqui

Labels