Mostrando postagens com marcador Brendda Neves. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Brendda Neves. Mostrar todas as postagens

sábado, 5 de dezembro de 2020

Novo livro de Brendda Neves faz o leitor brincar com os versos


O livro Versos Inversos, da jornalista e poeta capixaba Brendda Neves, convida os leitores a brincarem com seus versos inversos, reversos, avessos e travessos do seu mundo interior onde eles se reconhecem e ganham voz. É um livro de poesia autobiográfico, no formato A5, com 85 páginas, com poemas escritos durante um período de oito anos.  

 (...) ‘’Estes versos parecem não ter sentido são inversos ao que eu gostaria de revelar’’(...). Trecho do poema “Versos inversos”, que dá o título ao livro, editado de forma independente na plataforma do Clube de Autores, está em pré-venda nos sites da editora, Amazon, Livraria Cultura e no Google play. Pode ser encontrado nos formatos físico e digital (ePub e PDF). Brendda Neves instiga os leitores a navegarem em sua própria subjetividade, a reconhecerem nos versos os seus significados e também os seus efeitos inversos aos se identificarem nos poemas. Se você, leitor, ama poesia e suas múltiplas significações e interpretações o livro Versos Inversos vai de encontro ao que procura num poema.


Sobre a autora: Natural de Linhares-ES, 25/01/1979. Membro da Academia Internacional de Literatura Brasileira-AILB, n° 212. Membro da Associação Capixaba de Escritores-ACE. Ex-membro da Academia Jovem Espírito-santense de Letras-AJEL (cad.28). Obras: Versos inversos, Brendda Neves, Clube de Autores, 2020; 1° Concurso Literário de Viana 2020; Cotidiano introspectivo-Centenário Lispector, Projeto Apparere, 2020; coletânea de Natal’, Projeto Apparere, 2020; Meu poemar atravessa fronteiras, Editora MWG, 2020; Retalhos, Psiu Editora, 2020; coletâneas Mulher Natal e Mulher Feminina, Editora Jordem, 2020; Revista LiteraLivre, 4° ed. 2017: haicai selecionado em concurso; Antologia 2008 AJEL,  org. Marcelo Netto; Jovens Escritores Capixabas, AJEL, org. Leonardo Monjardim, 2002.

Contato E-mail: brenddaneves@gmail.com  | Instagram literário: @coraverblue

Compartilhe:

sexta-feira, 4 de dezembro de 2020

Brendda Neves e o livro Versos Inversos


Sou jornalista, natural de Linhares-ES (1979). Membro da Academia Internacional de Literatura Brasileira-AILB e da Associação Capixaba de Escritores-ACE. Não gosto de ser chamada de poetisa: tira a potência da palavra ‘Poesia’ e me sinto segregada do universo masculino de poetas. Leio de tudo! Comecei com os gibis da Turma da Mônica. Minha mãe lia contos infantis para os três filhos. Na casa de minha avó materna havia uma estante e com doze anos li “Romeu e Julieta” (Shakespeare) e “Noites Brancas” (Dostoiévski). Minha paixão é escrever e é tanta que sonho com os versos, acordo e anoto na caderneta. Gosto de música, fotografia, jardinagem, filmes e séries. Meu esporte preferido é natação. 

ENTREVISTA:

Conexão Literatura: Poderia contar para os nossos leitores como foi o seu início no meio literário?

Brendda Neves: Com nove anos de idade eu li “O gato preto” de Allan Poe e foi tão impactante que quis imitar e escrevi uma estória, com o mesmo título, de presente para minha madrinha. Me inscrevi num concurso literário aos treze anos com uma crônica sobre uma barata, pois havia lido “A Metamorfose” de Franz Kafka. Não ganhei rsss. No segundo grau técnico em Edificações, na Escola Técnica Federal do Espírito Santo, em Colatina-ES, hoje IFES, houve um concurso de poesia promovido por nossos professores de Literatura. Eu tinha quinze anos de idade na época e fiz o meu primeiro poema ‘Encontro de almas’. E, claro, não venci o concurso rsss. Porém, nunca mais parei de escrever. Descobri a poesia em mim. Sou praticamente uma autodidata. Apesar de ter descoberto o dom passei a estudar sozinha as técnicas de versificação, figuras de linguagem, rimas, ritmo, tipos de estrofe para lapidar minha poesia. Aos vinte e poucos anos realizei meu primeiro sonho literário: fui aceita como membro da Academia Jovem Espírito-santense de Letras (AJEL), pioneira em seu segmento juvenil de letras no país, idealizada por meu amigo escritor Leonardo Monjardim, fundada em 23 de junho de 2001 e sede em Vitória-ES. Tive a participação em duas antologias: Jovens Escritores Capixabas (2002) e Antologia AJEL 2008.

Conexão Literatura: Você é autora do livro “Versos Inversos”. Poderia comentar? 

Brendda Neves: “Versos inversos” é meu primeiro livro solo de poesia. É a realização de um sonho com o apoio da família, especialmente minha mãe e esposo, a quem o livro é dedicado. Organizado e editado de forma totalmente independente. Nele os versos podem ser inversos, reversos, avessos e travessos a depender da interpretação do leitor com sua subjetividade.

Conexão Literatura: Como foram as suas pesquisas e quanto tempo levou para concluir seu livro? 

Brendda Neves: “Versos inversos” levou oito anos para ser finalizado. Ao ler e reler o original julguei que não havia mais nada a ser acrescentado nele. Fiquei satisfeita com o conjunto de poemas nele contido. É difícil determinar um ponto final para um livro de poesia. Neste livro eu brinco que ele não tem início, nem meio e nem fim! O leitor pode abrir na página que quiser e começar a ler. Não há uma ordem. Para alguns poemas fiz uma seleção de frases ou versos de escritores que eu amo e que julguei que seria uma forma de dizer o que não consegui. Pois é impossível dizer tudo num poema, sempre fica algo por dizer. Como editei sozinha tive de pesquisar e aprender sobre tudo o que diz respeito a parte técnica de um livro: ISBN, ficha catalográfica, direito autoral na Câmara Brasileira do Livro (CBL).

Conexão Literatura: Poderia destacar um trecho do seu livro especialmente para os nossos leitores?  

Brendda Neves: Sim, o poema “Versos inversos” que dá nome ao livro:

Todos os versos de amor já foram escritos

As mais belas canções todos conhecem

Falta-me desvendar o que não foi dito

Encontrar as palavras que aquecem

Estes versos parecem não ter sentido

São inversos ao que eu gostaria de revelar

Falta-me coragem para lhe entregar

Tudo o que há ainda para ser dito (...)

Conexão Literatura: Quais dicas daria aos autores em início de carreira?

Brendda Neves: O escritor, seja qual for o seu gênero literário, tem de ser antes um leitor! Para que seu vocabulário seja muito amplo e tenha, na hora de escrever, acesso a uma gama extensa de palavras para expressar o que sente e pensa. Não tenha receio de imitar algum grande escritor, pois todos nós começamos assim. Só depois encontramos a nossa voz, o nosso estilo e lapidamos a nossa escrita. Não deixe seus escritos na gaveta, peça para alguém ler, aceite as críticas e participe de concursos literários. Utilize as redes sociais para divulgar o que escreve. Fique atento aos editais de cultura municipal e estadual e inscreva seu original.

Conexão Literatura: Como o leitor interessado deverá proceder para adquirir o seu livro e saber um pouco mais sobre você e o seu trabalho literário? 

Brendda Neves: “Versos inversos” está em pré-venda no site da Editora Clube de Autores. Também disponível em formato digital ePub e PDF. Pode ser encontrado em alguns sites como Amazon, Livraria Cultura, Google play e Ratuken Kobo. Podem me seguir no Instagram literário @coraverblue (neologismo meu) e também minha página de poesias cristãs no Facebook @poetisadedeus. Também tenho alguns poemas nos sites Luso Poemas, Recanto das Letras e A Magia da Poesia.

Conexão Literatura: Existem novos projetos em pauta? 

Brendda Neves: Com certeza! A poesia não deixa de fluir em mim. Farei o lançamento de “Versos inversos”, na Academia de Letras de Vila Velha (ES), data ainda a ser definida. Já tenho editado, também de forma independente, um livro de haicais “Colibris poéticos” e também um exclusivo de poesias cristãs católicas “Uma gota de amor”. E em fase de edição um livro de poemas psicológicos e autobiográficos, frutos de minhas sessões de análise, “Poeta no divã”. Tenho dois livros originais, inscritos em concursos literários “Luna” (concurso internacional) e “Bacinzium” (um neologismo meu, também autobiográfico e psicológico), à espera do resultado.

Perguntas rápidas:

Um livro: Felicidade Clandestina, de Clarice Lispector

Um (a) autor (a):  Vinicius de Moraes

Um ator ou atriz: Antonio Banderas

Um filme: Poesia, 2010

Um dia especial: Minha posse na Academia Jovem Espírito-santense de Letras (AJEL)

Conexão Literatura: Deseja encerrar com mais algum comentário? 

Brendda Neves: Leiam poesia, pois ela faz bem à alma, eleva o espírito e, cientificamente comprovado, traz mais benefícios que os livros de autoajuda. 


Compartilhe:

Baixe a Revista (Clique Sobre a Capa)

baixar

E-mail: ademirpascale@gmail.com

>> Para Divulgação Literária: Clique aqui

Curta Nossa Fanpage

Siga Conexão Literatura Nas Redes Sociais:

Receba nossas novidades por e-mail (você receberá um email. Basta confirmar ):

Posts mais acessados da semana

Anuncie e Divulgue Conosco

CLUBE DO LIVRO UNIÃO

LIVRO: O CLUBE DE LEITURA DE EDGAR ALLAN POE

LIVRO DESTAQUE

FUTURO! - ROBERTO FIORI

SROMERO PUBLISHER

Leitores que passaram por aqui

Labels