Participe da antologia (e-book) TEMPO DE AMAR - CONTOS E POEMAS - VOL. VI. Leia o edital

  Participe da antologia (e-book)  TEMPO DE AMAR - CONTOS E POEMAS - VOL. VI . Leia o edital :  CLIQUE AQUI.

Mostrando postagens com marcador Cleiton Cunha. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Cleiton Cunha. Mostrar todas as postagens

terça-feira, 21 de junho de 2022

Cleiton Lopes da Cunha e seus livros


Nascido em 03/01/1978, na cidade de Pedro Leopoldo-MG, terra natal também do Médium Chico Xavier. Cidade localizada a 45 km da capital, Belo Horizonte.

Seu grande prazer consiste em ler e escrever, estudar, tocar violão, um bom café acompanhado de uma boa prosa, como todo Mineiro que se preze.

Começou a escrever aos 14 anos, mas não levava a atividade muito a sério, hoje pratica a atividade como um hobby e uma fonte de prazer e realização pessoal.

Procura na medida em que escreve, se aperfeiçoar mais, buscando uma produção diversificando entre poemas, crônicas e letras musicais.

Fazendo da atividade seu passatempo preferido. 

Em 2003, passou a se dedicar mais aos seus trabalhos, teve vários de seus artigos publicados no caderno de Opinião (Espaço aberto aos leitores) do jornal “O tempo” em Belo Horizonte, e algumas crônicas publicadas no caderno D+ do jornal Estado de Minas. Teve também algumas de suas poesias selecionadas para participarem de alguns livros/coletâneas como: “Pérgula Literária - 6” pela editora Valença, “Antologias de Poetas Brasileiros Contemporâneos -12 e 13” e “Antologia de Contos - 3”, lançado em dezembro de 2004, pela CBJE (Câmara Brasileira de Jovens Escritores). Em 2005 publicou pela mesma editora, o livro “Olhar Poético” e “Meu Pai, uma lição de vida” em 2009.

|O Autor mudou-se para Fortaleza-CE em 2015, Cidade que o acolheu, onde segue dando continuidade aos seus trabalhos.

Em Maio de 2017 participou junto a outros autores, da coletânea “Além da terra, além do Céu” pela Editora Chiado (São Paulo) e em Junho lançou em Fortaleza no Café Vinyle, o livro: “Melancolia” (ensaios poéticos). Também pela CBJE.

Em 2021 publicou, junto a sua esposa (Paula de Castro e Silva Lopes), o livro de poesias: “Entre eu & você”, pelo Clube de Autores. 

E em 2022 lançou também pelo Clube de Autores a obra: Ensaios Poéticos (Folhas Secas)”.

Vendas pelo site:

 https://clubedeautores.com.br/livros/autores/cleiton-lopes-da-cunha 

Ensaios Poéticos (Folhas Secas) 

 Trecho do livro: 

Afinal, por que “Folhas Secas”? 

Folhas secas nos arremete a Poesia

Nos arremete a Outono

A outrora

 

Ao passado

À estória

À escória

 

Folhas secas nos arremete à Poetisa

Ao romantismo esquecido

À paisagem vista da janela

Ao retrato na estante

 

Ao jardim maltratado

Ao coração ignorado

Ao desleixo

Ao desfecho

 

Nos arremete ao frio

Ao calor

Folhas secas se permitem ser atemporal

 

Folhas secas somos todos nós

Sou eu sem você

É você sem mim

É o encontro e o desencontro

 

É o vinho

É o ninho

É o vento

Lento

 

É acalento

No entanto

Folhas secas são arte

Ainda que tarde

É levada pelo destino. 

 

Sites relacionados: 

http://cleitonlcunha.wixsite.com/ensaiospoeticos 

Vendas: 

https://clubedeautores.com.br/livros/autores/cleiton-lopes-da-cunha 

Resumo da Obra: 

“Ensaios Poéticos” (Folhas Secas) 

Esta obra é mais uma obra do autor, um ensaio poético, reunião de versos, estrofes e pensamentos, conectando-se através de sua própria lógica ou pelo menos tentando se conectar. Mas, a poesia, muitas das vezes está nos olhos e na mente de quem lê. Na tentativa de levar o leitor, esse ser complexo de muitas entranhas, a se sensibilizar e a se empatizar com esse conteúdo. De uma forma sutil e leve, sem pretensão de ser letrado e longe de ser, o autor compartilha nessa escrita seus mais singelos sentimentos. Sua Poesia, ou poema, como queira chamar, usa uma linguagem cabível ao entendimento do mais simples leitor, e convida todos os gêneros para este estilo poético, cada vez mais raro. Em seu estilo, muitas vezes tendenciosos para o Lírico-Amoroso, em alguns poemas, são quase filosofia e porque não, reflexões. A poesia moderna, apesar de rara em nosso contexto engessado e de corações endurecidos, está presente nessa obra, quase que como um paradigma, com sua rima própria, com sua lógica e seu contexto, poemas dos mais diversos temas e assuntos organizados de forma espontânea, revelados nas páginas seguintes com zelo, naturalidade e propriedade. Que a poesia possa em suas diversas formas, nos rejuvenescer. 

“Folhas secas são como Poesia, vão e vem por toda parte...” (Cleiton Cunha). 

Outras Publicações (Livros): 

Melancolia  

Entre Eu e Você  

Meu Pai uma lição de vida  


Engenharia Elétrica aplicada

Compartilhe:

segunda-feira, 20 de junho de 2022

Entrevista com Cleiton Cunha, autor do livro Ensaios Poéticos (Folhas secas)


Cleiton Lopes da Cunha, nasceu em Pedro Leopoldo-MG, região metropolitana de Belo Horizonte. Nascido em 03 de janeiro de 1978, começou a escrever ainda adolescente, admirador dos poetas e escritores locais, anônimos e desconhecidos, porém respeitados e admirados. E inspirado por tais, começou a rabiscar seus primeiros versos aos 14 anos, aproximadamente. Se identificando com um estilo Lírico-Amoroso, romântico raro, sempre se identificou com poesia, gênero preferido do Autor. Com uma visão eclética, livre e espontânea, prossegue se dedicando ao estilo poético. Autor de 6 livros, sendo 4 de poesias, 1 biográfico, 1 na área técnica e algumas participações em coletâneas literárias. Faço parte do grupo Clã da Poesia, grupo seleto de Poetas e Escritores de várias partes do mundo. 

ENTREVISTA: 

Conexão Literatura: Poderia contar para os nossos leitores como foi o seu início no meio literário? 

Cleiton Cunha: Meu interesse Literário nasceu ainda na escola, onde conheci alguns grandes nomes da Literatura, onde participava de atividades voltadas para a Literatura, desde cedo manifestava afinidade pela escrita.

Interesse esse crescente em minha vida, que se intensificou posteriormente quando me despertou interesse em conhecer e aprofundar na obra de outros escritores das mais diversas nacionalidades. Um dos grandes nomes que me influenciou foi Cecília Meireles (Poesia Completa), em particular, por me identificar com sua forma e estilo literário. Ali, percebi esse sentimento comum, lia e me identificava com a Poesia dela. Percebi que era capaz de escrever e me expressar, partindo dai meu interesse em publicar o que escrevia.  

Conexão Literatura: Você é autor do livro "Ensaios Poéticos (Folhas secas)”. Poderia comentar? 

Cleiton Cunha: Após alguns ensaios, algumas tentativas, publiquei “Ensaios Poéticos (Folhas Secas)”. Uma obra poética onde traduzi meus sentimentos, pensamentos de uma forma bem singular e espontânea. Uma continuidade, amadurecida das obras anteriores, numa forma bastante simples de expressão. Unindo elementos e conectando ideias poéticas, organizando em forma de páginas, momentos e reflexões. A obra propõe um resgate, um rejuvenescimento por meio de sentimentos e pensamentos românticos.  A obra propõe uma continuação das anteriores, onde não existe princípio e fim, mas um ciclo contínuo de aprendizado. Como se fosse mais um tijolo na construção da obra individual de cada um de nós. 

Conexão Literatura: Como foram as suas pesquisas e quanto tempo levou para concluir seu livro? 

Cleiton Cunha: O trabalho foi escrito de forma bem espontânea, iniciou-se a alguns meses, quando a motivação estava aflorada, mas se acomodou por alguns meses, engavetada, se perdeu no tempo. Meses depois, resgatada, veio à tona em forma de livro.

A Poesia é atemporal, o livro não tem data marcada, ele vem à vida como um filho, nasce no momento oportuno. 

Conexão Literatura: Poderia destacar um trecho que você acha especial em seu livro?  

Cleiton Cunha: 

Poesia

 

A poesia serve pra dizer

O que nunca foi dito

Pra revelar o vazio

Pra acender o pavio

 

Vem dos entusiastas sentimentais

Vem das profundezas do eu

Vem dos escombros da alma

 

Vem do sóbrio

Vem do ateu

Vem das páginas da vida

 

Vem dos naufrágios

Vem dos presságios

Vem dos batimentos

Vem dos tormentos

 

Das tortuosas causas perdidas

Dos corações aflitos

Das ociosas embarcações

Das indagações 

Conexão Literatura: Como o leitor interessado deverá proceder para adquirir o seu livro e saber um pouco mais sobre você e o seu trabalho literário? 

Cleiton Cunha: Acessando os sites relacionados ou minhas redes sociais: 

Instagram: 

https://www.instagram.com/cleiton_lopes1978/ 

https://clubedeautores.com.br/livros/autores/cleiton-lopes-da-cunha 

http://cleitonlcunha.wixsite.com/ensaiospoeticos 

Conexão Literatura: Existem novos projetos em pauta? 

Cleiton Cunha: Sim, participar de algumas coletâneas literárias e lançar uma releitura do livro “Olhar Poético”. 

Perguntas rápidas: 

Um livro: “Nunca desista de seus sonhos” (Augusto Cury)

Um (a) autor (a):  Cecília Meireles

Um ator ou atriz: Fernanda Montenegro

Um filme: “O menino que descobriu o vento”.

Um dia especial: Quando abracei minha Mãe pela última vez... 

Conexão Literatura: Deseja encerrar com mais algum comentário? 

Cleiton Cunha: Gostaria de registrar alguns nomes de escritores que tive contato com a obra e que me influenciaram em sua forma de pensar e escrever. 

Cecília Meireles, Carlos Drummond de Andrade, Florbela Espanca, Charles Baudelaire, Dante Alighieri, Erasmo de Roterdã.  

Frase que me inspira: 

“Onde houver um Poeta no mundo, haverá um rastro de Amor e Luz entre as criaturas”.

Compartilhe:

Baixe a Revista (Clique Sobre a Capa)

baixar

E-mail: ademirpascale@gmail.com

>> Para Divulgação Literária: Clique aqui

Curta Nossa Fanpage

Siga Conexão Literatura Nas Redes Sociais:

Posts mais acessados da semana

CONHEÇA A REVISTA PROJETO AUTOESTIMA

CONHEÇA A REVISTA PROJETO AUTOESTIMA
clique sobre a capa

BAIXE O E-BOOK GRATUITAMENTE

APOIO E INCENTIVO À LEITURA

APOIO E INCENTIVO À LEITURA
APOIO E INCENTIVO À LEITURA

INSCREVA-SE NO CANAL

INSCREVA-SE NO CANAL
INSCREVA-SE NO CANAL

DO INCISIVO AO CANINO - BERT JR.

MAFRA EDITIONS

ANTOLOGIAS LITERÁRIAS

DIVULGUE O SEU LIVRO

FUTURO! - ROBERTO FIORI

Leitores que passaram por aqui

Labels