Livros que foram rejeitados pelas editoras - 15 motivos para você autor(a) continuar tentando

Tirando os youtubers famosos, a maioria dos escritores já tiveram seus livros rejeitados por algumas (ou inúmeras) editoras. Eu també...

Mostrando postagens com marcador Saída Discreta Pela Porta dos Fundos. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Saída Discreta Pela Porta dos Fundos. Mostrar todas as postagens

sábado, 13 de novembro de 2021

Entrevista com Alice Vitória, autora do livro "Saída Discreta Pela Porta dos Fundos"


Alice Vitória nasceu em Aracaju/SE, mas atualmente mora em Ribeirão Preto/SP com sua família, onde estuda Ciências Biológicas na USP. Participa dos projetos de incentivo à leitura e escrita "Um Sonho Possível" e "Webelieve". Leitora voraz, começou a ler muito cedo, aos 03 anos de idade, adora fantasia e contos de fadas, mas também não dispensa um bom desenho animado e filmes de super heróis. Alice Vitória começou a escrever histórias aos 05 aninhos, quando disse à mãe que queria ser escritora e publicou seu primeiro livro, "O Monstro de Chocolate", aos 7 anos de idade. Desde então já expos na Bienal Internacional de São Paulo/SP, Fenelivro (Feira Nordestina do Livro – Recife/PE) e na The London Book Fair/Londres. Também é autora dos livros "A Bruxinha Boazinha e os Ratinhos de Circo", "O Monstro Invisível" e "Saída Discreta Pela Porta dos Fundos", sendo este seu primeiro livro para jovens.

ENTREVISTA:

Conexão Literatura: Poderia contar para os nossos leitores como foi o seu início no meio literário?

Alice Vitória: Desde criança eu sempre gostei muito de ler, os livros eram uma constante na minha vida, desde bebê, quando minha mãe contava histórias para me acalmar. Comecei a ler muito cedo (aos 3 anos), um dia, quando eu tinha 5 anos estava lendo "O Reizinho Mandão", de Ruth Rocha, e a história me encantou tanto que eu decidi que também queria ser escritora. Perguntei a minha mãe como eu faria pra ser uma, e ela me disse que tinha que escrever uma história, e eu disse: “só isso?” Então fui no meu quarto e escrevi um tipo de fanfic, misturando Turma da Mônica e Sítio do Pica Pau Amarelo, que eram meus favoritos na época, deixei minha mãe boquiaberta, porque a história era uma narrativa completa. Depois escrevi outras e vivia pedindo aos meus pais para transformá-las em livros, até que consegui convencê-los e "O Monstro de Chocolate" foi meu primeiro livro publicado, “A Bruxinha Boazinha e os Ratinhos de Circo”, foi minha segunda publicação, depois veio o “Monstro Invisível”, todos infantis e este ano publiquei “Saída Discreta Pela Porta dos Fundos” o meu primeiro livro para o público jovem.

Conexão Literatura: Você é autora do livro "Saída Discreta Pela Porta dos Fundos". Poderia comentar?

Alice Vitória: Há algum tempo eu já vinha querendo escrever um livro para o público jovem e "Saída Discreta Pela Porta dos Fundos" foi a minha primeira tentativa concluída. O livro narra a história de Nala, uma adolescente que, depois de sofrer racismo em suas redes sociais, acaba misteriosamente parando em um mundo paralelo onde tem que lidar com  diversas situações bizarras. Celine é a única amiga que ela faz nessa outra dimensão e juntas elas tentarão encontrar um modo de Nala voltar para casa.

Conexão Literatura: Como foram as suas pesquisas e quanto tempo levou para concluir seu livro? 

Alice Vitória: Durante vários meses eu li depoimentos na internet de vítimas de racismo nas mais diversas situações, páginas e mais páginas contando como essas pessoas se sentiam. Também busquei ajuda em alguns livros que leio, procurando situações parecidas para entender como eu podia descrever os sentimentos da personagem. Eu reescrevi o livro duas vezes, então demorei quase dois anos para concluir. É bastante tempo, mas eu queria escrever algo legal, que além de ser uma leitura prazerosa levasse o leitor a reflexão sobre essa temática tão importante e atual, que é o racismo. Também tive um pouco de dificuldade com a extensão da história, pois estava acostumada a escrever contos infantis.

Conexão Literatura: Poderia destacar um trecho que você acha especial em seu livro?  

Alice Vitória: “Lute pelo que você acredita, honre a luta dos que vieram antes para conquistar a paz pelos que ainda virão.”

Conexão Literatura: Como o leitor interessado deverá proceder para adquirir o seu livro e saber um pouco mais sobre você e o seu trabalho literário? 

Alice Vitória: Me seguindo no instagram @alicevitoria_escritora e pedir diretamente pelo inbox ou pelo Shopee https://shopee.com.br/product/404017125/12548653441?smtt=0.404036702-1636641552.3

Conexão Literatura: Existem novos projetos em pauta? 

Alice Vitória: Sempre! Tenho uma história finalizada e mais algumas em andamento, tanto para o público infantil quanto para o jovem. Também em 2022, participarei de eventos de incentivo à leitura em escolas de Aracaju/SE que adotaram “Saída Discreta Pela Porta dos Fundos” como livro paradidático para os alunos do Ensino Fundamental II (6º a 9º ano).

Perguntas rápidas

Um livro: O Retrato de Dorian Gray

Um (a) autor (a):  Cassandra Clare

Um ator ou atriz: David Tennant

Um filme: Como Treinar Seu Dragão

Um dia especial: O dia que decidi ser escritora 

Conexão Literatura: Deseja encerrar com mais algum comentário?

Alice Vitória: Gostaria de agradecer pela oportunidade de contar um pouco sobre o meu livro e que a história de Nala seja uma aventura deliciosa para todos que lerem “Saída Discreta Pela Porta dos Fundos”.

Compartilhe:

Baixe a Revista (Clique Sobre a Capa)

baixar

E-mail: ademirpascale@gmail.com

>> Para Divulgação Literária: Clique aqui

Curta Nossa Fanpage

Siga Conexão Literatura Nas Redes Sociais:

Posts mais acessados da semana

PARCEIRA AMAZON:

ANTOLOGIAS LITERÁRIAS

CONHEÇA A REVISTA PROJETO AUTOESTIMA

CONHEÇA A REVISTA PROJETO AUTOESTIMA
clique sobre a capa

LIVRO: O CLUBE DE LEITURA DE EDGAR ALLAN POE

LIVRO DESTAQUE

FUTURO! - ROBERTO FIORI

Leitores que passaram por aqui

Labels