O mito do blues Robert Johnson, o filme e o livro Encruzilhada

Dizem que um jovem norte-americano, de nome Robert Johnson (1911-1938), tocava violão como ninguém: um som mágico, irreverente e que contagi...

Mostrando postagens com marcador editora The Books. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador editora The Books. Mostrar todas as postagens

terça-feira, 9 de fevereiro de 2021

Arthur Haroyan e o livro “O Armênico”

Arthur Haroyan e Jô Soares - Foto divulgação


SOBRE ARTHUR HAROYAN:

Nascido na República da Armênia, Arthur Haroyan, fundador do grupo teatral ARCA, é ator, dramaturgo, professor, formado em Artes Dramáticas pela escola Incenna (São Paulo/SP) e bacharel em língua e literatura russa pela Universidade Estadual de Pedagogia da República da Armênia.
 
Na Armênia, trabalhou como jornalista, tendo cursado no IWPR (Institut for War & Peace Reporting), na sede do Cáucaso, e no teatro  Estadual de Drama na República da  Armênia. Em Porto Velho (RO), realizou  a exposição fotográfica Armênia - 3.000 anos de história e participou do Seminário do Plano Nacional de Cultura. Haroyan teve poesias publicadas na compilação lançada pela Universidade Federal da sua cidade.
 
É autor e ator da peça 1915, dirigida por Rogério Rizzardi, que entrou em cartaz no teatro Espaço Viga Cênico em 2013/2015, autor e ator da tragicomédia Fora Desse Mundo, dirigida por Kléber Góes, que estreou em 2017 na mostra Fringe, que integrou o Festival Internacional de Teatro de Curitiba. Em São Paulo, a peça entrou em cartaz no Espaço Parlapatões e em seguida, no Teatro Municipal Arthur Azevedo.
 
Arthur atuou em mais de 25 peças teatrais na Armênia, no Teatro Estadual Hovhannes Abelyan, na sua terra natal, e em diversos espetáculos no Brasil, entre eles: A escolha, Agreste, Malandragem S.A. (baseado na peça Ópera do malandro), Orgulho e  Preconceito, 1915 e Fora Desse Mundo, entre outras. Atuou no curta-metragem Um gole de conhaque ou um perfume qualquer, O que vem depois de adeus e Uma chamada perdida. Possui diversos trabalhos na publicidade nacional e internacional e participações  em novelas brasileiras. Sua história de vida foi destaque no Programa do Jô em 2013 e 2015.

ENTREVISTA:

Conexão Literatura: Poderia contar para os nossos leitores como foi o seu início no meio literário?

Arthur Haroyan: Eu sou ator. Escrevo peças teatrais. Minhas poesias russas já foram publicadas em uma coletânea lançada pela universidade onde me formei, ainda no meu país de nascimento, na Armênia. “O Armênico” é o primeiro trabalho literário sério. Afinal de contas, é uma biografia e, no meu ver, as  biografias de algum modo devem servir como exemplo para o leitor.

Conexão Literatura: Você é autor do livro “O Armênico”. Poderia comentar?

Arthur Haroyan: Este substantivo, na realidade, não existe na língua portuguesa. Em vez de “armênio” fui chamado de tudo, inclusive “armêniano” e “armênico”. As pessoas já me chamavam “armênico” propositalmente. No começo eu corrigia, depois desisti e adorei esse epíteto como definição da minha nacionalidade (risos)

Conexão Literatura: Como foram as suas pesquisas e quanto tempo levou para concluir sua obra?

Arthur Haroyan: falar de mim sempre foi uma tarefa difícil, ainda mais uma biografia. Acho uma baita responsabilidade. Mas a ideia não calava na minha cabeça porque sempre, por causa do meu sotaque, me perguntavam de onde eu era. Eu respondia: “Sou da Armênia”. “Da estação?” - perguntavam em seguida. Com o livro ficará claro que o nome da estação “Armênia” é uma homenagem ao meu país. Escrevi durante três anos. E quando a escrita ficou pronta (ou quase pronta) junto com a minha agente literária, Heloísa Cruz, começamos a procurar a editora que gostaríamos que publicasse o livro. Fechamos um contrato com a editora The Books.

Conexão Literatura: Poderia destacar um trecho que você acha especial em seu livro?  

Arthur Haroyan: Em geral o livro pode servir como uma inspiração, principalmente para os emigrantes e os ilegais do país. Como fazer para não ser engolido nessa selva de pedras, realizar sonhos em um solo totalmente desconhecido e se tornar um cidadão digno deste país maravilhoso que é nosso Brasil.

Conexão Literatura: Conte para nós como foi a sua visita ao programa do Jô Soares, na Rede Globo

Arthur Haroyan: Em 2013 fazíamos uma temporada do primeiro espetáculo do meu grupo teatral ARCA, o “1915” que conta sobre o genocídio armênio. Estávamos na última temporada quando recebi uma ligação da produção do Jô Soares. Disse que já tinhamos concluído a temporada e do outro lado da linha me disseram, tudo bem, Jô está emocionado com a sua história. O programa seria sobre sua vida. Em 2015 os caminhos novamente cruzaram. Novamente estávamos fazendo temporada quando de novo fui convidado para segunda entrevista. Foi hilário. No livro há varias passagens sobre o meu encontro com o Jô. 

Arthur Haroyan e Jô Soares - Foto divulgação

Conexão Literatura: Como o leitor interessado deverá proceder para adquirir o seu livro e saber um pouco mais sobre você e o seu trabalho literário?

Arthur Haroyan: O livro já está em pré-venda no site da editora The Books. Vai vender pela Amazon e pelas outras plataformas digitais. 19/03 teremos uma noite de autógrafos na livraria Martins Fontes da Paulista. Teremos livros físicos lá.

Conexão Literatura: Existem novos projetos em pauta?

Arthur Haroyan: Comecei o meu segundo livro que está conectado com a pandemia, com o isolamento social. Junto com o meu grupo preparamos um espetáculo inédito. Espero que logo os teatros voltem e a cultura será valorizada.

Perguntas rápidas:

Um livro: “O perfume”
Um (a) autor (a):  Patrick Süskind e Marina Tsvetaeva
Um ator ou atriz: Mher Mkrtchyan e Nicole Kidman
Um filme: “Dancer in the Dark”
Um dia especial: Quando recebi meu passaporte brasileiro e cantei o hino do Brasil.

Conexão Literatura: Deseja encerrar com mais algum comentário?


Arthur Haroyan: Os direitos autorais do livro serão doados para as famílias armênias atingidas pela guerra de 2020.

PARA ADQUIRIR O LIVRO NA PRÉ-VENDA: CLIQUE AQUI. 

Compartilhe:

Baixe a Revista (Clique Sobre a Capa)

baixar

E-mail: ademirpascale@gmail.com

>> Para Divulgação Literária: Clique aqui

Curta Nossa Fanpage

Siga Conexão Literatura Nas Redes Sociais:

Posts mais acessados da semana

ANTOLOGIAS LITERÁRIAS

POEME-SE

CONHEÇA A REVISTA PROJETO AUTOESTIMA

LIVRO: O CLUBE DE LEITURA DE EDGAR ALLAN POE

LIVRO DESTAQUE

CEDRIK - ROBERTO FIORI

Leitores que passaram por aqui

Labels