Conexão Nerd: Teoria da Conspiração, por Ademir Pascale

Cena do filme Teoria da Conspiração POR ADEMIR PASCALE Hoje não irei comentar sobre colecionáveis ou heróis, mas sobre um filme, um li...

Mostrando postagens com marcador Anonimatum. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Anonimatum. Mostrar todas as postagens

segunda-feira, 4 de maio de 2020

Raul Coutinho de Almeida e o livro Anonimatum, por Cida Simka e Sérgio Simka

Raul Coutinho de Almeida - Foto divulgação
Fale-nos sobre você.

Resido na cidade de São Paulo em São Mateus. Formei-me em administração e letras. Faço parte do Núcleo de Escritores do Grande ABC. Escrevo contos, poesias e crônicas no blogue Lavoura das Letras, do qual sou o 
criador. E lancei minha primeira ficção "Anonimatum" em 2018.

ENTREVISTA:

Fale-nos sobre seu livro. O que o motivou a escrevê-lo?

Meu livro "Anonimatum" conta a história de um garoto que acorda à beira da praia sem saber nada sobre si ou sobre o que está a sua volta. Em um futuro caótico causado pelo aquecimento global, ele se aventura em busca de sobrevivência e em busca de uma identidade num mundo que perdeu a sua, sendo levado a questionar seus valores e princípios.

Como analisa a questão da leitura no país?

Nunca se leu tanto. Na era da informação, o que se tem hoje em dia na palma da mão é leitura atrás de leitura por meio dos algoritmos. Entretanto, leem-se textões no Facebook, correntes de WhatsApp, desabafos dos doutores de ciências políticas, frases da Clarice que nem são dela.
Nestes meios comuns (não literários), de arte, o que menos se fala é de leitura de livro em si; e o que mais se fala é de maratona de séries e filmes. Uma comparação rápida: segundo o Sindicato Nacional dos Editores de Livros, em 2019 mais livros foram vendidos que o ano anterior - cresceu 3,74%. E agora, sobre séries e filmes, só a Netflix cresceu 31%. E não precisa ir a fundo. É só você contar no ônibus quem está assistindo ou lendo. Por que será?
Sou bombardeado de divulgações para assistir a uma série, a um novo filme, mas tenho que cavucar cinco palmos para ver lançamentos de livro.  E olhe lá se eu achar. E na maioria das vezes a divulgação vem primeiro dos Booktubers. Não há nas grandes mídias (que atingem o cidadão não leitor) a propagação da literatura. E os fomentos à cultura do estado brasileiro só cumprem lei, em vez de entusiasmar a leitura de livros. Infelizmente não é só o estado, grandes empresários preferem investir em o que dá views a formar o homem crítico e pensador.

O que tem lido ultimamente?

Nós, de Yevgeny Zamyatin (primeira distopia publicada); O Verão Perigoso, de Hemingway; e agora lendo Os Cem Melhores Contos Brasileiros do Século.

Que dica pode fornecer a um escritor iniciante?

Além de ler bastante (os bons e os ruins), escrever ao menos 1h por dia, e estar antenado nas atualidades, nós escritores temos que sair da toca - ter conexões com o mundo real. Observar o movimento - a vida das coisas. Conhecer ao vivo e em cores autores da sua rua, do seu bairro, indo além, os do seu país. A literatura não está só nos livros.

Como o leitor poderá conhecer mais sobre seu trabalho?

Tenho ainda algumas cópias do meu livro "Anonimatum" e ele está também na Amazon: https://amzn.to/2vrk4ET
Publico meus textos no blogue  https://lavouradasletras.wordpress.com/   
Meus vídeos no YouTube: Lavoura das Letras; 
E no Instagram: @raulmeida ou @lavouradasletras

CIDA SIMKA
É licenciada em Letras pelas Faculdades Integradas de Ribeirão Pires (FIRP). Autora, dentre outros, dos livros O enigma da velha casa (Editora Uirapuru, 2016), Prática de escrita: atividades para pensar e escrever (Wak Editora, 2019) e O enigma da biblioteca (Editora Verlidelas, 2020). Organizadora dos livros: Uma noite no castelo (Editora Selo Jovem, 2019), Contos para um mundo melhor (Editora Xeque-Matte, 2019), Aquela casa (Editora Verlidelas, 2020) e Um fantasma ronda o campus (Editora Verlidelas, 2020). Integrante do Núcleo de Escritores do Grande ABC e colunista da Revista Conexão Literatura.

SÉRGIO SIMKA
É professor universitário desde 1999. Autor de mais de seis dezenas de livros publicados nas áreas de gramática, literatura, produção textual, literatura infantil e infantojuvenil. Idealizou, com Cida Simka, a série Mistério, publicada pela Editora Uirapuru. Membro do Conselho Editorial da Editora Pumpkin, integrante do Núcleo de Escritores do Grande ABC e colunista da Revista Conexão Literatura. Seu mais novo livro se intitula Pedagogia do encantamento: por um ensino eficaz de escrita (Editora Mercado de Letras, 2020).

Compartilhe:

Baixe a Revista (Clique Sobre a Capa)

baixar

E-mail: ademirpascale@gmail.com

>> Para Divulgação Literária: Clique aqui

Curta Nossa Fanpage

Siga Conexão Literatura Nas Redes Sociais:

Posts mais acessados da semana

ANTOLOGIAS LITERÁRIAS

POEME-SE

CONHEÇA A REVISTA PROJETO AUTOESTIMA

LIVRO: O CLUBE DE LEITURA DE EDGAR ALLAN POE

LIVRO DESTAQUE

CEDRIK - ROBERTO FIORI

Leitores que passaram por aqui

Labels