Participe da antologia (e-book) CONTOS E POEMAS ASSOMBROSOS - VOL. VI. Leia o edital

  Participe da antologia (e-book) CONTOS E POEMAS ASSOMBROSOS - VOL. VI.  Leia o edital:  CLIQUE AQUI.

Mostrando postagens com marcador Azul Índigo. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Azul Índigo. Mostrar todas as postagens

sábado, 9 de abril de 2022

Livro "Azul Índigo", de R. C. Nugem


O que Azul Índigo tem de tão especial? É ao mesmo tempo uma narrativa e um romance, uma saga que aborda a relevância do incomum, do não visível, do natural e do sobrenatural que não é especificamente uma coisa ou outra, são ambas. É uma literatura complexa mas não complicada, dentro de uma visão holística de saberes e de experiências que são tratados de forma transversal, permitindo inúmeras reflexões. Como possui uma visão global, os acontecimentos se dão de forma espiral, em ciclos, retomando e avançando na história. Ele narra a construção de um novo mundo, uma Nova Terra. Esse novo mundo é uma realidade ficcional que se expande para além do planeta. Ele mostra todo o processo de construção dessa nova realidade. Talvez seja um mundo impossível, mas sem dúvida ele é um mundo desejado por todos. 

Azul Índigo acontece no ano de 2073, quando a Terra, em seu movimento natural pelo universo (expansão da galáxia), entrou na quinta dimensão. Esse fato desencadeou uma mudança radical, permitindo a humanidade de desenvolver a terceira visão. Nesse momento, todas as pessoas sem exceção, enxergaram os espíritos daqueles que já morreram mas, que por algum motivo, ainda estão presentes. Então, eles se dão conta de que a morte não existe e, que o mundo espiritual sempre esteve presente, só não era possível interagir com ele. A Zona Sombria, local onde dominam os espíritos maléficos e ignorado por todos, começa a expandir os seus domínios. Então, os mestres dos raios de luz, que vigiam a humanidade desde o início dos tempos, se apresentam em suas naves, para organizar e iniciar a Nova Terra. Só que nem todas as pessoas poderão continuar as suas vidas no planeta, pois é chegado o momento de separar o joio do trigo. Nesse cenário cosmopolita, oito personagens iniciam as suas novas vidas, socorrendo os espíritos perdidos e escravizados na Zona Sombria. 

É o livro que dá início à Saga de mesmo nome, Azul Índigo, e a sua sinopse é mostrada a seguir.

A Terra adentrou o espaço da quinta dimensão no seu curso natural pelo universo, modificando a realidade. A população desenvolveu a terceira visão e começou a enxergar e a interagir com o mundo espiritual. Os que eram considerados mortos ou voltaram para as suas famílias ou, vieram realizar a sua vingança. A Zona Sombria, local até então ignorado pela humanidade, é controlado pelos espíritos malignos, que querem estender os seus domínios. O apocalipse é anunciado e no meio ao caos, as naves espaciais dos mestres dos Raios de Luz, que vigiavam a Terra há milênios, se fazem visíveis. Eles vêm ao mundo preparar a Nova Terra, assumindo o comando do planeta. Eles vieram retirar os véus que cobriam os olhos da humanidade em nome da verdadeira liberdade, acabando com as crenças limitantes e libertar o homem de seu karma. Eles são os instrumentos da alquimia universal, dissolvendo todos os condicionamentos mentais e emocionais, para a ampliação da consciência espiritual cósmica baseada nos valores do bem. No entanto, nem todos terão permissão para habitar a Nova Terra, pois é chegado o momento de separar o joio do trigo e muitas pessoas serão exiladas para outros planetas. Enquanto isso, oito personagens agem em suas novas vidas cotidianas em um cenário cosmopolita, adaptando-se à nova realidade e desenvolvendo novas habilidades, de acordo com o desejo do criador do universo.

Para ler o livro é só procurá-lo nos e-books na Amazon (formato de leitura kindle, tablet e celular), no Hotmart e no Google Livros. Os livros impressos em língua portuguesa estão disponíveis em Portugal, Estados Unidos, Canadá, França, Reino Unido, Itália, Holanda, Bélgica, Japão, etc. Em breve estarão disponíveis em francês e em inglês. Para contatar a autora e saber mais a respeito da saga, é só acessar os links abaixo:

Facebook - https://www.facebook.com/R.C.NugemWriter

Amazon - https://www.amazon.com/R.-C.-Nugem/e/B09WYDP3XW

Instagram - https://www.instagram.com/r.nugem/

Hotmart - https://hotmart.com/product/azul-indigo/Y69302709P

E-mail: indigobleu107@gmail.com

Wattpad - https://www.wattpad.com/myworks/306644411-azul-indigo (dois capítulos para leitura livre).

Compartilhe:

sexta-feira, 8 de abril de 2022

Entrevista com R. C. Nugem, autora do livro "Azul Índigo”


Doutora e Professora em administração, saúde pública e epidemiologia. Natural de Canoas, no Rio Grande do Sul, morando na França desde 2018. Sempre amou escrever e já ganhou vários concursos de poesia e contos quando estava na escola. Até o momento, só havia publicado artigos e livros científicos sobre as pesquisas acadêmicas realizadas. A vida leva a outros rumos e o sonho de se tornar escritora só começou a se tornar realidade em 2021, com o esboço do já imaginado “Azul Índigo”, na gaveta desde 2016, que ganhou finalmente corpo e força, sendo publicado de maneira independente em 2022. Para ela, ser escritora de ficção-fantasia é, de alguma forma, fazer os outros sonharem ou, despertarem...

ENTREVISTA:

Conexão Literatura: Poderia contar para os nossos leitores como foi o seu início no meio literário?

R. C. Nugem: Desde a época da escola eu tinha facilidade em escrever e uma imaginação criativa. As professoras sempre me elogiavam muito e, sempre que havia um concurso na escola, eu participava e ganhava. Uma professora até me incentivou a me tornar escritora, mas meu pai não me permitiu porque ele me dizia que não se pode viver de livros. Então, eu busquei outra profissão, mas sempre escrevi, tenho vários artigos e capítulos de livros publicados. O meu currículo lattes tem um bom tamanho. 

Conexão Literatura: Você é autora do livro "Azul Índigo”. Poderia comentar? 

R. C. Nugem: Na verdade a ideia me veio na mente em 2016, restando na gaveta da minha mente, até finalmente consegui passá-la ao papel. E não vou parar nele, esse é o primeiro da série que levará o mesmo nome – Azul Índigo, pois, ele finaliza prometendo uma continuação.  Creio que é o livro mais cosmopolita de todos os tempos, os personagens principais são diferentes uns dos outros. É necessário ter uma mente bem aberta a novos cenários e situações, porque Azul Índigo veio para abalar a Terra.

Conexão Literatura: Como foram as suas pesquisas e quanto tempo levou para concluir seu livro? 

R. C. Nugem: Eu pesquisei muitas coisas diferentes que fazem parte do universo do livro antes de escrevê-lo, precisei estudar as dimensões, um pouco de física quântica, mas não me limitei ao que é conhecido, eu quis ir além e deixei a minha imaginação guiar as dimensões e as situações abordadas no livro. Eu escrevi o Azul Índigo em seis meses, trabalhando muitas horas nele, diariamente. Aproveitei que a pandemia nos deixou mais livres para iniciarmos outras atividades, então, eu creio que ele não se parece com nenhum outro livro do mesmo gênero.

Conexão Literatura: Poderia destacar um trecho que você acha especial em seu livro?  

R. C. Nugem: Eu separei alguns trechos, porque no livro o tempo não é síncrono, então inicia-se no presente, mas volta-se ao passado para que se possa entender o porquê dos acontecimentos no presente. Azul Índigo: “É difícil entender o início de toda essa transformação. Poderia ser a confirmação de várias profecias conhecidas de vários povos, desde a antiguidade. Algumas pessoas dizem que é o Juízo Final, ainda arraigadas em suas crenças, outras dizem que demorou muito tempo para se compreender o que era tão simples – o invisível está presente, assim como o vento, que não se pode ver, no entanto se pode sentir. O excesso de confiança no mundo material e a falta de contato com o mundo espiritual, levou a humanidade a criar um vazio em seus corações, o qual se tentava preencher com os bens materiais, mas esse vazio não se preenchia nunca. 

..............................................................................................................................................

O cenário na face da Terra desde então, era o deserto quase absoluto. Um imenso vazio nas cidades e os poucos que permaneceram em suas casas, circulavam como zumbis pelas ruas a procura de alimentos. Entravam em grandes supermercados e carregavam os seus carros com tudo o que podiam transportar. Alguns, mais ousados, pegaram veículos de maior porte ou mais caros nas concessionárias vazias, as quais mais pareciam um depósito de carros que não serviriam a mais ninguém. 

..............................................................................................................................................

Nesse novo ciclo não somente as formas humanas habitarão a Nova Terra, mas outros seres possuindo outros corpos, vindos de outros pontos do Universo partilharão do mesmo espaço. O conhecimento que esses seres possuem fará a Nova Terra avançar tecnologicamente e eticamente. O casamento entre esses seres dará origem a outros seres, pelo cruzamento dos genomas, assim multiplicando a diversidade universal. Esse é o desejo do criador, diversificar e unir as almas, em uma vibração de amor, paz e respeito mútuos. Uma vez que a Nova Terra será criada, não haverá espaço para o mal dentro dela. Aos que ainda precisavam expiar pelos seus erros, será dada uma nova oportunidade de viver em um outro planeta.

..............................................................................................................................................

Em seu sono o seu espírito se liberta de seu corpo e vai ao encontro desse chamado, enquanto o seu corpo descansa na Atlantis. Com a liberdade de se deslocar no espaço-tempo sem barreiras, rapidamente ela se vê ao pé de uma montanha. Nesse momento o seu espírito capta com força o chamado recebido e ela encontra a flor azul. Ela sabe que tem alguém precisando de sua ajuda e que ela não pode negar isso a ninguém. Ao tocar a flor, ela sente uma energia forte e perturbada invadir o seu espírito. Memórias que não são suas começam a desfilar em sua mente. Por um momento ela consegue enxergar Dak-Ho na sua frente. No mesmo instante, Dak-Ho que estava concentrado em sua meditação diária procurando pelas energias diferentes presentes na Zona Sombria, sentiu a presença de Índigo.

..............................................................................................................................................

Conexão Literatura: Como o leitor interessado deverá proceder para adquirir o seu livro e saber um pouco mais sobre você e o seu trabalho literário? 

R. C. Nugem: No Brasil, ele está disponível na Amazon em forma de e-book. Em outros países ele está disponível em versão impressa e e-book, somente em português. Até o final de abril a versão em francês será publicada e, até o final de maio a versão em inglês. Quem quiser me contatar é só me procurar nas redes sociais, como Facebook e Instagram. O início do livro está disponível no Wattpad também, para aqueles que estão curiosos. Na Amazon é só procurar por Azul Índigo ou por R. C. Nugem. 

Conexão Literatura: Existem novos projetos em pauta?  

R. C. Nugem: Sim, como eu já havia dito, o Azul Índigo não finalizou a história toda, ele terá a continuação e, até o final desse ano pretendo lançar o Vermelho Rubi, que está em esboço nesse momento. No entanto, a série se chamará Azul Índigo, pois é uma saga. Além da continuação, eu quero traduzi-lo para o japonês, coreano e chinês até o final desse ano, além das outras traduções já citadas.

Perguntas rápidas:

Um livro: O Sol é para Todos (Harper Lee)

Um (a) autor (a): Victor Hugo

Um ator ou atriz: Nia Vardalos

Um filme: Meu Casamento Grego

Um dia especial: Todos são especiais, estou sempre aprendendo.

Conexão Literatura: Deseja encerrar com mais algum comentário? 

R. C. Nugem: Agradeço a oportunidade e estou disponível para conversar com os meus leitores.

Compartilhe:

Baixe a Revista (Clique Sobre a Capa)

baixar

E-mail: ademirpascale@gmail.com

>> Para Divulgação Literária: Clique aqui

Curta Nossa Fanpage

Siga Conexão Literatura Nas Redes Sociais:

Posts mais acessados da semana

CONHEÇA A REVISTA PROJETO AUTOESTIMA

CONHEÇA A REVISTA PROJETO AUTOESTIMA
clique sobre a capa

DO INCISIVO AO CANINO - BERT JR.

MAFRA EDITIONS

ANTOLOGIAS LITERÁRIAS

LIVRO: O CLUBE DE LEITURA DE EDGAR ALLAN POE

DIVULGUE O SEU LIVRO

FUTURO! - ROBERTO FIORI

Leitores que passaram por aqui

Labels