O Grande Gênio Tim Burton, por Ademir Pascale

Por Ademir Pascale Timothy William Burton (Tim Burton), nasceu em Burbank, na Califórnia, no dia 25 de agosto de 1958. Burton foi um garoto...

Mostrando postagens com marcador Como reciclar seus papéis de trouxa. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Como reciclar seus papéis de trouxa. Mostrar todas as postagens

terça-feira, 1 de outubro de 2019

Mariana Tamagnini Vasconi e o livro Como reciclar seus papéis de trouxa, por Cida Simka e Sérgio Simka

Mariana Tamagnini Vasconi - Crédito da foto: Luis Carlos
Fale-nos sobre você.

Meu nome é Mariana Tamagnini Vasconi, mas sou mais conhecida nas redes sociais como Mari Vasconi. Possuo um blog de beleza, o “Beleza Mista”, desde 2010, onde meu objetivo sempre foi trazer conteúdos relacionados à beleza de dentro para fora. Sempre gostei de escrever, e tinha vontade de escrever livros desde a adolescência, mas nunca havia conseguido dar continuidade à realização desse sonho, até a ideia de “Como Reciclar Seus Papéis de Trouxa” surgir. Então hoje, além do trabalho como blogueira, youtuber, criadora de conteúdo digital, casada e mãe de pitbull, também estou trabalhando como escritora.

ENTREVISTA:

Fale-nos sobre seu livro. O que a levou a escrevê-lo?

O nome do livro não é à toa: eu comecei a escrevê-lo para, realmente, “reciclar” os meus papéis de trouxa. Começou como um desabafo meu para mim mesma, onde escrevia tudo o que havia dado de errado nos meus (inúmeros) relacionamentos anteriores, mas com o tempo, percebi que esse projeto poderia se tornar algo bem maior. Isso porque, ao ler diversos depoimentos de pessoas (especialmente mulheres) que passaram/passam por relacionamentos abusivos, vi que esses “desabafos” poderiam evoluir para um livro que realmente ajudasse o/a leitor/a a embarcar em uma jornada de autoconhecimento em busca do maior amor que devemos ter: o amor-próprio. Foi assim que o projeto de “Como Reciclar Seus Papéis de Trouxa” surgiu.
O livro conta a história de Luana, uma jovem que, depois de um quase casamento frustrado, decide escrever um livro a fim de reavaliar sua conduta nos seus relacionamentos passados e, consequentemente, descobrir mais sobre o amor com os outros e com ela mesma. No livro, você acompanha a jornada de Luana revivendo o passado – e aprendendo lições que ela usa no seu presente para, de uma vez por todas, parar de fazer “papel de trouxa”.

Como analisa a questão da leitura no país?

Hoje em dia tem sido difícil competir com os conteúdos on-line – e digo isso com convicção, pois trabalho na área e sei que a maioria das pessoas passa mais tempo consumindo conteúdos rápidos, como vídeos e fotos, a conteúdos em texto. Mas também acredito que muitas pessoas têm buscado maneiras de se “desconectar”, e acredito que os livros são a opção certa para quem busca isso. Vemos as consequências da “vida conectada” atrapalhando muito a saúde mental, não só de adultos, mas também de crianças e adolescentes. Isso porque as redes sociais há muito tempo já deixaram de ser um local apenas voltado para o entretenimento e as conversas, mas também têm se tornado locais com muito compartilhamento de informações tóxicas. Eu tenho visto um movimento de leitores (que, antes, estavam sumindo) voltando a buscar histórias interessantes e inspiradoras, então acho que sim, com o incentivo certo, é possível reaproximar o público dos livros, já que é uma ótima maneira de relaxar e “desconectar” do mundo (muitas vezes, caótico) em que vivemos e mergulhar em histórias fora da realidade e que agucem a nossa imaginação e criatividade.

Como o leitor interessado deverá proceder para adquirir seu livro e saber um pouco mais sobre seu trabalho?

No site da Editora Uirapuru é garantido que sempre terão exemplares de “Como Reciclar Seus Papéis de Trouxa” – e tem cupom de 15% de desconto, que é MARIVASCONI. Além disso, também está disponível nas melhores livrarias do país.
https://www.lojaeditorauirapuru.com.br/livros/literatura-juvenil/como-reciclar-seus-papeis-de-trouxa/

Quais os seus próximos projetos?

Já tenho contrato com a Editora Uirapuru para lançar mais um livro de não ficção, e planejo pelo menos mais dois livros de ficção. Agora que a escritora de dentro de mim “saiu do armário”, podem aguardar mais surpresas por aí!


Cida Simka é licenciada em Letras pelas Faculdades Integradas de Ribeirão Pires (FIRP). Coautora do livro Ética como substantivo concreto (Wak Editora, 2014) e autora dos livros O acordo ortográfico da língua portuguesa na prática (Wak Editora, 2016), O enigma da velha casa (Editora Uirapuru, 2016), “Nóis sabe português” (Wak Editora, 2017) e Prática de escrita: atividades para pensar e escrever (Wak Editora, 2019). Organizadora dos livros Uma noite no castelo (Editora Selo Jovem, 2019) e Contos para um mundo melhor (Editora Xeque-Matte, 2019). Integrante do Núcleo de Escritores do Grande ABC.

Sérgio Simka é professor universitário desde 1999. Autor de mais de cinco dezenas de livros publicados nas áreas de gramática, literatura, produção textual, literatura infantil e infantojuvenil. Idealizou, com Cida Simka, a série Mistério, publicada pela Editora Uirapuru. Organizador dos livros Uma noite no castelo (Editora Selo Jovem, 2019) e Contos para um mundo melhor (Editora Xeque-Matte, 2019). Autor, dentre outros, do livro Prática de escrita: atividades para pensar e escrever (Wak Editora, 2019). Membro do Conselho Editorial da Editora Pumpkin e integrante do Núcleo de Escritores do Grande ABC.
Compartilhe:

Baixe a Revista (Clique Sobre a Capa)

baixar

E-mail: ademirpascale@gmail.com

>> Para Divulgação Literária: Clique aqui

Curta Nossa Fanpage

Siga Conexão Literatura Nas Redes Sociais:

Posts mais acessados da semana

ANTOLOGIAS LITERÁRIAS

POEME-SE

CONHEÇA A REVISTA PROJETO AUTOESTIMA

LIVRO: O CLUBE DE LEITURA DE EDGAR ALLAN POE

LIVRO DESTAQUE

CEDRIK - ROBERTO FIORI

Leitores que passaram por aqui

Labels