10 superséries baseadas em livros, por Ademir Pascale

Como bom leitor, adoro assistir séries baseadas em livros (também sou cinéfilo) e nesses tempos conturbados de pandemia, passei a assistir a...

Mostrando postagens com marcador Editora Planeta. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Editora Planeta. Mostrar todas as postagens

segunda-feira, 22 de março de 2021

Para fazer florirem os amores


Em novo livro publicado pela Planeta, Matheus Rocha retoma temas que o tornaram conhecido nas redes sociais, como amor-próprio e relacionamento, por meio de crônicas, poemas e aforismos

Um livro dedicado a todos que não desistem de amar, “apesar de tudo que insiste em pesar”. Depois dos sucessos “Pressa de ser feliz” e “Não me julgue pela capa”, nos quais abordou temas como ansiedade e insegurança, Matheus Rocha retoma, na literatura, os assuntos que o tornaram conhecido nas redes sociais: autoestima e relacionamentos.

Para não desistir do amor, publicado pelo selo Outro Planeta da Editora Planeta, externa inquietudes e dilemas cotidianos do autor e inunda com reflexões os leitores que, assim como ele, estão desacreditados no amor. “Como um pedido de socorro ou uma boia para aqueles que estejam tal como eu, se afogando, escrevi as próximas páginas, mas elas não são mais minhas”, anuncia, já na introdução.

Conhecido por suas crônicas, desta vez Matheus inova no gênero textual e se aventura, também, por poemas e aforismos. “Seu cheiro passou por mim”, “Nem todo sorriso é honesto”, “Eu precisei perder você para me ganhar” e “Expectador das felicidades alheias” intitulam alguns dos textos com a mesma sensatez que lhe rendeu mais de um milhão de seguidores nas redes sociais.

Acho que já me acostumei aos amores de uma noite. Mentira. Não me acostumei. Jamais vou me acostumar. Gos­to de ser profundo, de mergulhar de cabeça. E sobre a idealização de pessoas perfeitas, tenho tratado na terapia. Mas lembra-se do que eu disse sobre gostar de colorir o mundo? Então. Ainda não encontrei alguém que enxergue as cores da mesma maneira que eu, por isso, só me basta, às vezes, alguém que enxergue colo­rido em um mundo tão preto e branco. (Para não desistir do amor, p. 26)

Assim como a capa, representada por um girassol, alguns desses aforismos estão acompanhados de ilustrações botânicas. Nas imagens e nos textos, a analogia entre as pessoas e as plantas refletem vontades e características como o cuidado que deve permear os relacionamentos. “Aprendi que nem todas as sementes plantadas vingam mas, quando germinam, quase todas dão flor”.

De fato. Baiano de Feira de Santa, morador da capital paulista e prestes a completar 30 anos, Matheus Rocha é um jornalista que criou grande identificação com os leitores. Criador de Neologismo, extrapolou as redes sociais para se tornar também um sucesso de vendas e de crítica - com seis títulos publicados até o momento.

Ficha técnica

Título: Para não desistir do amor
Autor: Matheus Rocha
Editora: Planeta
ISBN: 978-65-5535-308-2      
Páginas:  128
Formato:  14x21cm
Preço: R$ 32,90
Link de venda: Amazon

Sinopse: Matheus Rocha é autor de “Pressa de ser feliz", “Não me julgue pela capa” e de “O cuidador de pássaros” (conto pandêmico). É autor destaque da coleção Outros Cronistas, do selo Outro Planeta.

Lançado em março de 2018, "Pressa de ser feliz" tem como tema a ansiedade. “Não me julgue pela capa” seguiu o sucesso do primeiro: crônicas destinadas ao público jovem, com ilustrações e textos afetivos, com os quais é impossível não se identificar. Nesse segundo livro, o mote foi a insegurança, algo bastante frequente nas preocupações dos leitores mais jovens, principal público do autor.

“Para não desistir do amor” é o terceiro livro físico de Matheus a sair pela editora Planeta. Nele, o autor retoma o tema que o fez conhecido nas redes sociais: amor, relacionamentos e autoestima.

Sobre o autor: Matheus Rocha nasceu em 1991 em Feira de Santana, na Bahia. Graduou-se em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo. Em 2012, reuniu seus textos de amor na internet e fundou o Neologismo, que inicialmente foi um Tumblr, depois fanpage do Facebook, blog e hoje passeia também pelo Instagram e pelo Twitter, reunindo mais de 1 milhão de seguidores. Matheus fala sobre amor, mas também amizade, sonhos e vida. Ele  publicou, fora da Planeta, os livros “No meio do caminho tinha um amor” e “Muito Amor, Por Favor”(coletânea). Na Planeta, seus livros são sucesso de vendas: "Pressa de ser feliz", "Não me julgue pela capa" e "O cuidador de pássaros", este último um conto digital publicado durante a pandemia de 2020.

Redes sociais:
Instagram: @matheusrocha
Facebook: Escritor Matheus Rocha
Twitter: neologismo
Tumblr: www.neologismo.tumblr.com

Compartilhe:

terça-feira, 17 de novembro de 2020

Maior fenômeno da poesia mundial nos últimos anos, a autora indiana-canadense inspira leitores a uma conversa interna em busca de aceitação e confiança em "meu corpo minha casa"

Rupi Kaur - Foto: Amrita Singh

A voz potente de uma das maiores poetas da atualidade, que vendeu mais de oito milhões de livros traduzidos para 20 idiomas, voltou. meu corpo minha casa é a terceira coletânea de Rupi Kaur. Desta vez, a best-seller traz o corpo como o templo sagrado, o espaço de conexão consigo e com o outro, único, insubstituível e pleno por essência.

Amor, sexo, abuso, trauma, perda, feminilidade, família e imigração. Rupi retoma temas presentes em outros jeitos de usar a boca e o que o sol faz com as flores em uma profusão de sentimentos, expressados em fragmentos poéticos e ilustrações – assim como nos palcos. “Depois de tanto tempo separados, minha mente e meu corpo enfim voltam a se encontrar”, resume.

Publicada pela Editora Planeta e com tradução de Ana Guadalupe, a obra lançada mundialmente de forma simultânea é dividida em quatro partes: mente, coração, repouso e despertar. Os textos transitam por dilemas e questões como a esperança em meio à angústia, a violência no amor, o equilíbrio diante das obrigações, a aceitação nos dilemas.

Casa
mergulho na nascente do meu corpo
e chego a outro mundo
eu tenho tudo
de que preciso aqui dentro
não há motivo para procurar
em outro lugar
(meu corpo minha casa, p. 160)

Poeta, ilustradora e performer indiana, radicada no Canadá, Rupi Kaur mostra mais uma vez por que virou a principal referência em poesia urbana, gênero que ela mesma inaugurou, e se tornou um dos maiores destaques no mercado literário no Brasil. Por aqui, a autora vendeu mais de 500 mil exemplares nos últimos três anos – um recorde no gênero.

Os relatos das experiências pessoais a partir de uma perspectiva feminista inspiram anônimos e celebridades também nas redes sociais. No Instagram, são mais de 4 milhões de seguidores que interagem com as fotos pessoais e poemas publicados frequentemente por Rupi. home body, título original do lançamento, segue o mesmo caminho.

FICHA TÉCNICA:
Título: 
meu corpo minha casa
Autora: Rupi Kaur
Assunto: ficção/poesia
Editora:
 Planeta
ISBN: 978-65-5535-199-6
Páginas: 192 páginas
Formato: 14 x 21 cm
Preço: R$ 39,90 
Link de pré-venda: https://amzn.to/38wu4hJ

Sinopse: Da autora #1 do The New York Times, a terceira coletânea de poesias de Rupi Kaur, maior fenômeno da poesia mundial nos últimos anos. Um dos temas mais frequentes na obra de Rupi é a importância que há em crescer e estar sempre em movimento. Em “meu corpo minha casa”, ela leva leitoras e leitores a uma jornada de reflexão através da intimidade e dos sentimentos mais fortes, visitando o passado, o presente e o potencial que existe em nós. Os poemas dessa coletânea, ilustrada pela autora, inspiram uma conversa interna em cada uma, em cada um, lembrando que precisamos nos preencher de amor, de aceitação e de confiança em nossas relações familiares e de comunidade. E, sempre, que precisamos estar de braços abertos para as mudanças em nossas vidas.

Sobre a autora: Rupi Kaur é poeta, artista e performer. Quando estudante universitária de vinte e um anos, Rupi escreveu, ilustrou e publicou de maneira independente seu primeiro livro de poesia “outros jeitos de usar a boca”. Depois veio o irmão “o que o sol faz com as flores”. Essas coletâneas venderam mais de oito milhões de cópias e foram traduzidas para mais de vinte idiomas. “meu corpo minha casa” é sua terceira coletânea de poesia. Os poemas de Rupi falam de amor, perda, trauma, cura, feminilidade e imigração. Ela se sente em casa quando produz arte ou declama seus poemas num palco. Saiba mais: www.rupikaur.com.

Redes sociais
Instagram: planetadelivrosbrasil
Facebook: planetadelivrosbrasil
Linkedin: editora-planeta-do-brasil 
Twitter: PlanetaLivrosBR

Site: https://www.planetadelivros.com.br

Compartilhe:

Os segredos de Mariana Rios

Em "Basta sentir", obra com nota de abertura pelo padre Fábio de Melo, a prestigiada atriz conta sua história desde o início da carreira e revela o método que a permitiu conquistar tudo que sempre sonhou

Poucos sabem, mas entre os muitos desejos e sonhos desta jovem atriz e cantora que cresceu em Araxá, interior de Minas Gerais, havia um em especial: uma rasteirinha com miçangas bordadas de uma famosa marca da cidade. Era uma sandália cara que a família não podia comprar, mas isso não abalou a vontade de ter, muito menos de desistir deste sonho.

Os anos passaram e, depois de muita batalha, veio o reconhecimento. Aos 22 anos, após passar no teste para o elenco de Malhação, Mariana Rios foi convidada para fazer a primeira campanha publicitária. O cliente? Justamente a marca das rasteiras que tanto amava. Um ano depois, ela comprou uma franquia da grife e pôde ter toda a coleção no próprio guarda-roupa. 

É com esta e outras histórias de vida que a atriz, cantora e apresentadora Mariana Rios, seguida por mais de 9 milhões de fãs nas redes sociais, mostra a forte relação entre os sonhos e os sentimentos no livro Basta sentir – Como realizar seus sonhos de maneira simples e prática, lançamento da Editora Planeta.

Na quarta capa da obra, o prefaciador Pe. Fábio de Melo deixa uma mensagem que reforça as palavras trazidas por Mariana nas 192 páginas: “O ser humano é a conjugação de infinitos mistérios... Dispense os postulados da razão, recrute os do coração”, disse ele.

Basta Sentir é um guia para resgatar a autoestima e a esperança por dias melhores e mais felizes. O método revelado por Mariana é preciso: tem sete pilares com atividades práticas que vão ajudar o leitor a enfrentar desafios e ativar ferramentas internas que já possui, mas precisam ser colocadas em ação – como a meditação.

“Não é milagre, nem merecimento, nem abracadabra: é poder dirigido.
 De onde ele vem? De nenhum lugar externo, uma vez que já existe em cada
um de nós. Você não precisa adquirir esse poder. Você já o tem, mas
deve entendê-lo, utilizá-lo, dirigi-lo e reforçá-lo quando o primeiro
de seus objetivos se concretiza!” 
(Basta sentir, página 15)

Mariana Rios Botelho tem 35 anos de idade, é cantora, compositora, atriz e soma em sua carreira papéis que marcaram o cinema e a televisão brasileira em novelas, como Malhação, Salve Jorge, Araguaia e Além do Horizonte. Além dos 9 milhões de seguidores, tem uma audiência que ultrapassa 1 milhão de views em vídeos no YouTube e Instagram e, por meio deles, inspira as pessoas com suas músicas e postagens sobre crescimento pessoal e mensagens motivacionais.

FICHA TÉCNICA:
Título: Basta sentir – Como realizar seus sonhos de maneira simples e prática
Autora: Mariana Rios
Editora: Planeta | Selo Academia
ISBN: 978-65-5535-285-6 | 978-65-5535-207-8 (ebook)
Páginas: 192 páginas
Formato: 14 x 21 cm
Preço: R$ 39,90
Links de venda: https://amzn.to/3kbVZ8J

Sinopse: E se houvesse uma maneira de transformar seus sonhos em realidade? E se, além disso, o processo dependesse exclusivamente de você, com as ferramentas internas que já possui?  Ainda criança, criei meu próprio método para concretizar o que eu desejava. E você verá, através de minhas histórias pessoais, como isso foi possível. Conquistei muito mais do que imaginava e, ao constatar que as coisas estavam dando certo para mim, comecei a dividir minha experiência com outras pessoas para que elas pudessem modificar a vida delas.

Agora, chegou o momento de compartilhar o meu tesouro com você. Afinal, o mundo se tornará um lugar mais tranquilo se todos nós formos capazes de ter a vida que idealizamos! Prepare-se para começar uma jornada incrível de autoconhecimento e realização. Você pode conseguir tudo que deseja. Basta sentir!

Sobre a autora: Mariana Rios iniciou a carreira artística aos 7 anos em sua cidade natal, Araxá, Minas Gerais, cantando em mensagens publicitárias para empresas da região. Dali para apresentações em bares e festivais de música foi um pulo. Aos 18 anos, mudou-se para o Rio de Janeiro, onde fez formação em Teatro. 

Sua projeção para todo o Brasil veio com a personagem Yasmin, em Malhação (2008), que lhe rendeu diversos prêmios por sua atuação. Depois disso, viriam outros papeis importantes em produções da TV Globo. Ao longo dessa trajetória, Mariana nunca deixou os palcos de lado. Continuou gravando álbuns e realizando shows por todo o Brasil. A inspiração para este livro vem de sua história pessoal na qual a realização dos sonhos, através de um processo específico, tem um papel fundamental. 

Redes sociais
Instagram: planetadelivrosbrasil
Facebook: planetadelivrosbrasil
Linkedin: editora-planeta-do-brasil
Twitter: PlanetaLivrosBR

Site: https://www.planetadelivros.com.br

Compartilhe:

sexta-feira, 21 de agosto de 2020

Em um ano tão atípico como 2020, "O Algoritmo da Vitória", da Editora Planeta, ensina o leitor a virar o jogo na vida e nos negócios

De autoria do ex-tenista e um dos maiores nomes da educação executiva do país, José Salibi Neto, em conjunto com a jornalista especializada em economia e negócios, Adriana Salles Gomes, obra ensina as lições dos melhores técnicos esportivos do mundo para aplicar no comando de um time, na carreira e na vida

 “Inspirado e apaixonado pelo esporte e pelo impacto da alta performance, Salibi aproveitou sua vivência nesse ambiente para ir investigar o segredo do espírito campeão. Uma oportunidade para quem pretende empreender e conhecer melhor o caminho da vitória!”— Gustavo “Guga” Kuerten. Tenista tricampeão de Roland Garros
O Brasil poderia melhorar seu desempenho nos esportes de uma maneira mais fácil, rápida e barata do que depender de políticas e financiamento adequados? Mas será que a ausência desses recursos financeiros é o que justifica a falta de resultados expressivos e em maior volume na prática dos esportes no país?  José Salibi Neto e Adriana Salles Gomes fizeram-se essas e outras perguntas, um tanto quanto pragmáticas, antes da Rio 2016 e conduziram uma investigação de cinco anos ao redor do mundo em busca de respostas. A conclusão: o técnico, por si só, é capaz de elevar as chances do sucesso nos esportes. Mas trata-se de um tipo de técnico com determinados comportamentos.
Portanto, nesse sentido, nunca foi tão pertinente o questionamento sobre qual o relação entre o fatídico 7x1 da Alemanha sobre o Brasil na Copa do Mundo de 2014 e a Pandemia que assusta o planeta? Assim como, no primeiro episódio, o povo alemão descobriu do que realmente é feita a vitória: de tempo, dedicação, estrutura, conhecimentos táticos-estratégicos, requisitos que só um bom técnico com sua forma de estrategiar é capaz de reunir e fazer uso com maestria, levando um time à vitória.  Virar o jogo nos negócios e na vida, em tempos tão complexos como esses vividos em 2020, é possível a todos desde que se baseiem nos mesmos requisitos. Para isso, nada melhor do que entender como funciona a forma de pensar e elaborar estratégias dos técnicos de primeira grandeza para modelar em busca da própria jogada mestra. E é essa a proposta da obra.
Em O Algoritmo da Vitória, recente lançamento do selo Planeta Estratégia, entusiastas dos mais variados esportes vão entender os elementos que os técnicos acionam para criar e sustentar o espírito campeão. E, embora sejam características específicas da seara esportiva, podem inspirar líderes a melhorar o desempenho de suas equipes, profissionais a cuidar da sua carreira e até pais a preparar melhor os filhos para o futuro do trabalho.
Para testar a hipótese do papel decisivo do técnico no êxito dos atletas, os autores pesquisaram atletas de desempenho excepcional como Tom Brady, Cristiano Ronaldo, Raí, Gustavo Kuerten, Usain Bolt e Michael Phelps, entre muitos, e ficou evidente o impacto do técnico mesmo sobre os mais talentosos entre os talentosos. Então, entrevistaram e pesquisaram técnicos de primeira linha, entre os quais Bob Bowman, o único a treinar Michael Phelps; Brad Gilbert, que teve como pupilo o tenista André Agassi; os dois técnicos colecionadores de títulos do vôlei mundial – os brasileiros Bernardinho e José Roberto Guimarães –; Phil Jackson, o lendário coach dos lendários Chicago Bulls e Los Angeles Lakers etc. 
Em esportes que vão do futebol ao atletismo, do boxe ao hóquei no gelo, da ginástica artística ao pólo aquático, do ciclismo ao surfe, José Salibi Neto e Adriana Salles Gomes encontraram e mapearam 8 elementos comuns aos técnicos mais vitoriosos. Assim, surgiu o “Algoritmo da Vitória”, com 8 lições poderosas – muitas das quais surpreendentes – que transcendem o universo esportivo e podem ser seguidas por todos que quiserem melhorar desempenho, seja no jogo mental, na comunicação, em proporcionar um ambiente de crescimento, na criação de um espírito de equipe e de estratégia.
Além de proporcionar deliciosas histórias dos esportes, este livro também é um alento num cenário que exige dedicação, perseverança e construção de futuro de todos nós. Como disse Philip Kotler, “pai” do marketing, “nunca vi um livro melhor do que este sobre coaches e seu papel em obter o maior esforço de atletas e times. Seus achados são relevantes em todas as áreas da vida”.
SOBRE OS AUTORES
O jovem tenista José Salibi Neto venceu muitos torneios. Mas, ao lhe garantir uma bolsa de estudos na Universidade da Carolina do Sul (USC), Estados Unidos, o tênis fez com que enveredasse pelo mundo dos negócios. Salibi cofundou a HSM, que se tornou a empresa líder em educação executiva, fez MBA na USC e seu nome é associado à introdução dos principais conceitos da gestão contemporânea por aqui. Hoje, como um dos maiores palestrantes do país e mentor de líderes, dedica-se a ajudar empresas e profissionais a atingir seu potencial máximo. É coautor dos livros Gestão do amanhã e O novo código da cultura.
Embora não tenha sido atleta de alto rendimento, Adriana Salles Gomes é torcedora apaixonada, jornalista formada pela Universidade de São Paulo (USP) e diretora editorial das revistas HSM Management e MIT Sloan Review Brasil. Entre seus livros anteriores estão os inovadores guias de viagem Fuja no Fim de Semana, Fuja de Casa com as Crianças, Fique em São Paulo e Fuja por um Ano – Sabáticos.
LINKS DE VENDA
FICHA TÉCNICA
Título: O algoritmo da vitória – Lições dos melhores técnicos esportivos do mundo para você aplicar em seu time, sua carreira e sua vida
Autores: José Salibi Neto e Adriana Salles Gomes
320 páginas
R$ 59,90
Editora Planeta
Selo Planeta Estratégia
Compartilhe:

terça-feira, 21 de abril de 2020

[Resenha] História Bizarra da Literatura Brasileira


Título Original: História Bizarra da Literatura Brasileira 

Autor: Marcel Verrumo 

Páginas: 328 

Editora: Planeta 

Ano Lançamento: 2017 

Os mistérios, as tragédias e os fatos emocionantes e bizarros envolvendo nossos livros clássicos e seus autores. 

A partir de um olhar curioso e engraçado, História bizarra da literatura brasileira é um mergulho nos mistérios, nas tragédias, nos fatos emocionantes, divertidos e, claro, nas bizarrices envolvendo nossos livros clássicos e seus autores. 

A partir de uma vasta pesquisa, o autor mostra todos os grandes nomes da nossa literatura, porém com um olhar que os tira do pedestal de “pensadores intocáveis” e apresenta o seu lado mais humano, comum e, claro, bizarro. 

O leitor vai descobrir o que aconteceu com a carta de Pero Vaz de Caminha, escrita para livrar um ladrão do exílio e desaparecida por séculos. Vai se assustar com o famoso escritor romântico que previu que iria morrer e se emocionar com a trajetória da esposa de Guimarães Rosa, uma heroína que salvou a vida de centenas de judeus durante a 2ª Guerra Mundial. 

Prepara-se, pois os personagens da capa deste livro são apenas algumas das muitas bizarrices escondidas por trás das linhas de nossa literatura. 

Impressões: 

Ler os grandes clássicos da literatura brasileira é sempre uma viagem prazerosa, além de conhecer os escritores envolvidos que deixaram suas marcas na história literária do Brasil. 

A obra em si é um compilado do qual reúne inúmeros fatos, curiosidades e logicamente, bizarrices. O autor fez um excelente trabalho de pesquisa, tanto dos autores como de suas obras em questão. 

O livro segue uma linha do tempo, partindo desde o descobrimento do Brasil até os dias de hoje. São capítulos curtos, porém fluídos e de grande interação com os leitores. 

É uma incrível descoberta conhecer os “bastidores” e a vida de autores e autoras que deram vozes com suas obras que marcam uma geração até os dias hoje. O leitor vai conhecer por exemplo, a emocionante trajetória de vida do autor Guimarães Rosa e sua esposa. Já no sentido da bizarrice, determinado autor previu sua própria morte. 

O leitor vai sentir inúmeras emoções durante toda sua jornada literária, partindo das bizarrices até chegar em situações engraçadas e até emocionantes. Uma montanha russa de sentimentos em cada página lida. 

Marcel Verrumo trouxe um outro diferencial para sua obra. Colocando uma pequena biografia de cada autor mencionado, deixando assim um convite mais que especial para leitores de primeira viagem, conhecer esses autores consagrados. 

Partindo dessa iniciativa, conhecemos um outro lado dos protagonistas dessa obra. Outro ponto que vale ser mencionado por parte do autor é mostrar toda sociedade do Brasil até os dias de hoje. Uma evolução e revolução não apenas na literatura. 

Uma obra que vale ser lido em um final de semana, descontraído e fácil leitura. Servindo para todas idades.


Compartilhe:

domingo, 23 de fevereiro de 2020

"Não me julgue pela capa", por Matheus Rocha

Um livro sobre amor-próprio, autoconfiança e, claro, felicidade

Este livro só quer te mostrar que você não está sozinho. Que eu, Matheus, também sinto o mesmo peito acelerado que você, as mesmas crises que envolvem um bilhão de sentimentos e sensações, que passo noites inteiras sem dormir, que tenho inseguranças gritantes pelos motivos mais diversos, por mais que eu não tenha beijado as mesmas bocas, por mais que eu não tenha levado as mesmas injeções, por mais que eu não tenha tirado as mesmas notas vermelhas que você. E, como ansioso, sei que, às vezes, isso é tudo que a gente precisa ouvir – que não está só. Então, só quero reforçar: você não está sozinho. Escrevi este livro para encontrar pessoas parecidas comigo. Que bom que, agora, eu encontrei você.

“Este livro se propõe a nos oferecer um olhar amoroso sobre [a ansiedade,] esse mal que tanto nos aflige.
Aliás, Matheus Rocha só isto tem feito: lançar amorosidades sobre o cotidiano.” – PADRE FÁBIO DE MELO

Editorial: Outro Planeta
Tema: Autoajuda
Coleção: Outros
Número de páginas: 256
https://www.planetadelivros.com.br
Compartilhe:

segunda-feira, 17 de fevereiro de 2020

Só você pode curar seu coração quebrado, livro de Jey Leonardo


Do cronista com mais de 600 mil seguidores nas redes sociais

Quanto maior o coração, maior também será a quantidade de cacos quando ele, porventura, for despedaçado.
Quem muito ama tudo sente.

A decisão de ser vulnerável carrega o preço de romper suas convicções mais românticas. Às vezes, você tem todos os motivos para decidir se fechar, mas, por razões que até mesmo você desconhece, algo ainda te faz continuar sendo um coração aberto.

Pessoas sensíveis muitas vezes são punidas por serem intensas. Como se o próprio fato de ser sensível já não fosse um castigo suficiente. Só quem é intenso sabe o peso que leva nas costas por ser assim. É como se você tivesse asas que não fossem capazes de te fazer chegar até as nuvens.

Editorial: Outro Planeta
Tema: Romance contemporâneo
Coleção: Outros
Número de páginas: 1912
https://www.planetadelivros.com.br
Compartilhe:

Ainda dá - A Força da Persistência, Mario Sergio Cortella e Paulo Jebaili


Buscar a excelência é um horizonte, mas, acima de tudo, uma atitude. Com a genialidade de sempre, Cortella ilumina os caminhos para darmos esse passo adiante e Jebaili inspira com histórias reais de quem perseguiu e conseguiu realizar seus sonhos.

A expressão “ainda dá” concentra uma série de significados. Tem a ver com esperança, com persistência e com competência. Traz em si também um elemento de temporalidade. É a partir dessa conjunção de aspectos que Cortella e Jebaili tratam neste livro da busca da excelência, aquele esforço de ir além, de ultrapassar limites, de avançar, de fazer melhor do que o feito até então. Afinal, qualquer atividade vai demandar energia e, sobretudo, tempo – um ativo que se torna cada vez mais precioso à medida que passa.
Por isso, quem ambiciona uma vida gratificante e revestida de sentido não pode limitar-se a fazer por fazer. Cumprir tabela é um modus operandi típico da mediocridade. Buscar a excelência é um horizonte, mas, acima de tudo, uma atitude. Com a genialidade de sempre, Cortella ilumina os caminhos para darmos esse passo adiante e Jebaili inspira com histórias reais de quem perseguiu e conseguiu realizar seus sonhos.

Editorial: Planeta
Tema: Filosofia
Coleção: Outros
Número de páginas: 144
https://www.planetadelivros.com.br

Sobre Mario Sergio Cortella
Filósofo, escritor, com mestrado e doutorado em educação e professor titular da PUC-SP, com docência e pesquisa na pós-graduação em Educação. É professor-convidado da Fundação Dom Cabral. Foi Secretário Municipal de Educação de São Paulo (1991 - 1992), tendo sido antes Assessor Especial e Chefe de Gabinete do prof. Paulo Freire. Comentarista da Rádio CBN nos programas Academia CBN e Escola da Vida. Possui mais de 30 livros publicados.
Compartilhe:

segunda-feira, 20 de janeiro de 2020

Um Planeta de Histórias no seu bolso!


Os fragmentos reunidos nesta coletânea mostram o essencial de  Nicolau Maquiavel, autor de O príncipe e um dos maiores pensadores de todos os tempos. Em um mundo cada vez mais polarizado e político,
é leitura obrigatória.

Editorial: No Bolso
Tema: Romance literário
Coleção: Outros
Número de páginas: 240
https://www.planetadelivros.com.br/
Compartilhe:

domingo, 19 de janeiro de 2020

O aguardado livro de Edward Snowden


Eterna vigilância - Como montei e desvendei o maior sistema de espionagem do mundo

Em 2013, Edward Snowden, ex-analista da CIA (Agência Central de Inteligência) que também trabalhou como agente da NSA (Agência Nacional de Segurança), chocou o mundo ao desmascarar detalhes dos serviços secretos americanos. Snowden revelou que o governo dos Estados Unidos estava sigilosamente desenvolvendo meios para coletar todos os telefonemas, mensagens de texto e e-mails enviados em qualquer país do mundo. O resultado seria um sistema sem precedente de vigilância em massa capaz de se intrometer na vida particular de qualquer pessoa. Uma invasão à privacidade de pessoas e países que feria as liberdades individuais dos cidadãos e de governos. As revelações causaram um mal-estar diplomático entre os Estados Unidos e nações aliadas. Entre os inúmeros documentos que vazou, apareceram vários apontando para o monitoramento de mensagens da então presidenta Dilma Rousseff e seus principais assessores e outros mostrando que o governo americano espionava o Ministério de Minas e Energia, a Petrobras e as descobertas do pré-sal.

Pivô de um escândalo de proporções globais, Snowden virou da noite para o dia o homem mais procurado do planeta. Considerado inimigo público pelo governo americano e herói por milhões de pessoas, acabou buscando asilo na Rússia, onde vive até hoje. Em Eterna vigilância, ele conta como ajudou a criar este sistema de espionagem mundial e também como atuou para desvendá-lo ao se dar conta dos perigos deste projeto. Afirma não ser contra que os governos coletem informações por medidas de segurança, mas alerta para o risco de se vigiar pessoas da hora em que nascem até a hora que morrerem. E alerta para que todos, homens e mulheres de todas as idades e em todos os países, tenham muito cuidado ao dar um telefonema, mandar uma mensagem de áudio ou digitar dados de sua conta bancária.

Editorial: Planeta
Tema: Atualidade
Coleção: Outros
Número de páginas: 288
https://www.planetadelivros.com.br/

Compartilhe:

Divertida e emocionante, a autobiografia Eu, Elton John vai levar o leitor a uma jornada íntima com uma lenda viva


Elton John é o cantor e compositor de maior e mais duradouro sucesso de todos os tempos. Embalada em altos e baixos, sua vida é extraordinária. Na sua primeira e única autobiografia, ele conta essa história em suas próprias palavras e com a honestidade – e o humor – que lhe é peculiar.

Nesses setenta anos, não faltam momentos engraçados e outros tantos de partir o coração. Ele lembra detalhes da sua infância crescendo em um subúrbio de Londres e o relacionamento difícil com os pais. Batizado Reginald Dwight, era um garoto que, embora tímido, sonhava com o estrelato. Com 23 anos, fez seu primeiro show nos Estados Unidos. Vestido com um brilhante macacão amarelo, uma camiseta com estrelas e botas com asas, enfrentou uma plateia atônita com aquela figura – e aquela performance. Elton John estava chegando e o mundo da música nunca mais seria o mesmo.

No livro Eu, Elton John, ele narra episódios dramáticos desde a rejeição precoce de seu trabalho com o parceiro de composição Bernie Taupin aos momentos de perder o controle como um superstar; das tentativas de suicídio ao secreto vício em drogas por mais de uma década. Elton John se lembra de episódios marcantes de suas amizades com John Lennon, Freddie Mercury e George Michael e até mesmo o dia em que dançou música disco com a Rainha da Inglaterra.

Ele também escreve em detalhes como superou uma vida de vícios e fundou a sua Fundação para a Aids. Revela que encontrou o verdadeiro amor com David Furnish, se lembra de férias inesquecíveis com o estilista italiano Versace e da tristeza em cantar no funeral de sua amiga, a princesa Diana. Não faltam, é claro, detalhes de algumas de suas composições que entraram para a história. E, por fim, identifica o momento em que percebeu que queria ser pai – e viu sua vida mudar mais uma vez.

Divertida e emocionante, a autobiografia Eu, Elton John vai levar o leitor a uma jornada íntima com uma lenda viva.

Editorial: Planeta
Tema: Atualidade
Coleção: Outros
Número de páginas: 344
Formato único
Brochura com orelhas
R$ 71.90
https://www.planetadelivros.com.br/
Compartilhe:

terça-feira, 21 de maio de 2019

Eu te amo mas sou feliz sem você - 2º edição, Jaime Jaramillo


Aprenda a praticar o desapego

Quando um parceiro nos abandona, um parente próximo morre ou perdemos uma grande soma de dinheiro, nossa vida desmorona. Sem o status ou aquela pessoa querida, parece que nada mais tem importância. Mas, diferentemente do que costumamos pensar, essa sensação que nos aflige nada tem a ver com amor, e sim com apego.

Neste livro sensível e estimulante, Jaime Jaramillo nos faz enxergar como o apego é o oposto do amor, já que este é um sentimento que não cria obrigações nem expectativas. Ele nos ensina o desapego, para que possamos experimentar o mundo através do verdadeiro amor, sem dependermos de mais nada nem de ninguém para sermos felizes, apenas de nós mesmos.

Editorial: Academia
Tema: Ciências humanas e sociais
Autoajuda
Coleção: Outros
Número de páginas: 160
www.planetadelivros.com.br
Compartilhe:

sábado, 27 de abril de 2019

As filhas do capitão, de María Dueñas

O novo romance da aclamada autora de 'O tempo entre costuras'

Nova York, 1936. A pequena taberna El Capitán é inaugurada na rua Catorze, um dos redutos da colônia espanhola que então reside na cidade. A morte acidental de seu proprietário, o inconsequente Emilio Arenas, força suas indomáveis filhas a tomarem conta do negócio, enquanto nos tribunais é negociado o pagamento de uma promissora indenização.

Abatidas e atormentadas pela necessidade urgente de sobrevivência, as temperamentais Victoria, Mona e Luz Arenas irão trilhar seus caminhos entre arranha-céus, compatriotas espanhóis, adversidades e amores, determinadas a transformar um sonho em realidade.

De leitura ágil, envolvente e tocante, As filhas do capitão acompanha a história dessas três jovens forçadas a atravessar um oceano, se estabelecer em uma deslumbrante cidade e lutar para encontrar seu caminho. Uma homenagem às mulheres que resistem quando os ventos sopram em sentido contrário e a todos os que viveram – e vivem – a aventura, muitas vezes épica e quase sempre incerta, da emigração.

Editorial: Planeta
Tema: Romance histórico
Coleção: Outros
Número de páginas: 496
https://www.planetadelivros.com.br
Compartilhe:

sexta-feira, 26 de abril de 2019

Astrofísica para apressados, do autor Neil deGrasse Tyson

Entenda os mistérios do universo e seu lugar no espaço

Quem nunca olhou para o céu numa noite estrelada e se perguntou: que lugar ocupo no espaço? O que tudo isso significa? Como funciona? Em Astrofísica para apressados, o aclamado astrofísico e pesquisador Neil deGrasse Tyson responde a essas e outras perguntas que certamente todos já fizeram sobre o universo.
De forma clara e sucinta, Tyson traduz o cosmos numa obra organizada em capítulos enxutos, escritos para quem tem pressa, mas que oferecem conhecimentos fundamentais sobre todas as principais ideias e descobertas relacionadas ao universo.
Um guia para todos aqueles que apreciam ciência, astrofísica e se interessam pelos mistérios do espaço universal, tão bem revelado ao público por este autor best-seller.

Editorial: Planeta
Tema: Ciência
Coleção: Outros
Número de páginas: 192
https://www.planetadelivros.com.br
Compartilhe:

quinta-feira, 25 de abril de 2019

Descobri que estava morto, de J.P. Cuenca

Um suspense alucinante sobre a notícia real da morte de J.P. Cuenca

A obra, que marca a estreia do novo selo literário da Editora Planeta, Tusquets, no Brasil, é um romance baseado na noticia real do registro de seu óbito em uma delegacia do Rio de Janeiro. Após uma discussão com vizinhos, em 2011, Cuenca recebe a noticia de que estava morto: um cadáver foi identificado com sua certidão de nascimento em um edifício invadido no bairro carioca da Lapa. Assim, começa a investigação real que deu origem a este livro.

“Este é um livro alucinado e alucinante que seduz o leitor do princípio ao fim. Como um bom thriller, começa com o autor-personagem indo atender a uma ocorrência numa delegacia. O registro era por conflito banal de vizinhança, mas descobre o personagemescritor, que assina João Paulo Cuenca, que existem na delegacia documentos comprobatórios de sua morte ocorrida anos antes.”
- SERGIO SANT´ANNA

Editorial: Tusquets
Tema: Romance contemporâneo
Coleção: Outros
Número de páginas: 240
https://www.planetadelivros.com.br
Compartilhe:

quarta-feira, 24 de abril de 2019

21 grandes batalhas que mudaram o Brasil, do autor Luiz Octavio de Lima


Uma aula de história do Brasil

Sabinada, Emboabas, Canudos, Palmares e Cabanagem são nomes pelos quais ficaram conhecidos alguns dos conflitos mais marcantes da história do Brasil. Neste livro, da nova Coleção 21, estão reunidas, com muita informação e clareza, as narrativas destes episódios agudos. São histórias que se desenrolam desde os tempos que sucederam o Descobrimento até a fase mais dramática dos movimentos guerrilheiros da década de 1970, com aspectos e personagens ainda pouco conhecidos. Uma estimulante viagem de norte a sul pelo nosso território, que permitirá ao leitor compreender melhor como se formou – inclusive geograficamente – a nação dos tempos atuais.

Editorial: Planeta
Tema: História
Coleção: Fuera de Colección
Número de páginas: 256
https://www.planetadelivros.com.br
Compartilhe:

terça-feira, 23 de abril de 2019

A saideira - Uma dose de esperança depois de anos lutando contra a dependência, da autora Barbara Gancia


“Há pessoas cujas vidas imploram para ser escritas. O problema é que, para que isso aconteça, essa pessoa precisa estar viva. E Barbara Gancia preferia flertar com a morte, a bordo de copos e mais copos e ao volante de carros suicidas.

Em sua fase de esbórnia, Barbara viveu vários filmes de ação, cheios de alçapões invisíveis, quedas no abismo e ataques de ratos. Mas nenhum tão emocionante quanto sua luta pela sobriedade. Um dia, finalmente, depois de muitas recaídas, Barbara conseguiu parar a história. O resultado é A saideira, um livro que só ela poderia ter escrito. E cuja leitura encerra lições para todos nós que, tantas vezes, achamos que os prazeres que a vida nos oferecia estavam sendo dados de graça.” – Ruy Castro, escritor

Editorial: Planeta
Tema: Atualidade
Coleção: Outros
Número de páginas: 280
https://www.planetadelivros.com.br
Compartilhe:

Circe - Feiticeira. Bruxa. Entre o castigo dos Deuses e o amor dos homens, Madeline Miller


Uma releitura corajosa e atual da trajetória de Circe, a poderosa – e incompreendida – feiticeira da Odisseia de Homero

Na casa do grande Hélio, divindade do Sol e o mais poderoso da raça dos titãs, nasce uma menina. Circe é uma garotinha estranha: não parece ter herdado uma fração sequer do enorme poder de seu pai, muito menos da beleza estonteante de sua mãe, a ninfa Perseis. Deslocada entre deuses e seus pares, os titãs, Circe procura companhia no mundo dos homens, onde enfim descobre possuir o poder da feitiçaria, sendo capaz de transformar seus rivais em monstros e de aterrorizar os próprios deuses.

Sentindo-se ameaçado, Zeus decide bani-la a uma ilha deserta, onde Circe aprimora suas habilidades de bruxa, domando perigosas feras e cruzando caminho com as mais famosas figuras de toda a mitologia grega: o engenhoso Dédalo e Ícaro, seu filho imprudente, a sanguinária Medeia, o terrível Minotauro e, é claro, Odisseu.

E os perigos são muitos para uma mulher condenada a viver sozinha em uma ilha isolada. Para proteger o que mais ama, Circe deverá usar toda a sua força e decidir, de uma vez por todas, se pertence ao reino dos deuses ou ao dos mortais que ela aprendeu a amar.

Personagens vívidos e extremamente cativantes, aliados a uma linguagem fascinante e um suspense de tirar o fôlego, fazem de Circe um triunfo da ficção, um épico repleto de dramas familiares, intrigas palacianas, amor e perda. Acima de tudo, é uma celebração da força indomável de uma mulher em meio a um mundo comandado pelos homens.

Editorial: Minotauro Brasil
Editora Planeta
Tema: Fantasia
Coleção: Outros
Número de páginas: 368
Compartilhe:

terça-feira, 8 de janeiro de 2019

Lampião e Maria Bonita - Uma história de amor entre balas, por Wagner Barreira

Um legítimo romance de aventura

Lampião é um sujeito raríssimo cuja história não se encerra. Circunscrito a seu ambiente, o semiárido nordestino, Virgulino Ferreira da Silva, bandido, assassino, terrível, encontrou Maria da Déa, casada, inquieta, aventureira. A união da dupla e a vida entre seus seguidores apresentou ao país, preocupado em ser moderno, uma forma diferente, assustadora e sedutora de viver. Gênio militar inato, galanteador, sábio, pernóstico, malvado, justo... Quantas pessoas foram capazes de reunir tantos defeitos e qualidades? Quantas mulheres abandonaram tudo para seguir o grande amor?

Testemunhada, contada, recontada, reescrita, a vida e o amor de Lampião e Maria Bonita, um legítimo romance de aventura, só podem ser projetados como ficção coletiva, erguido sobre as fundações deixadas por tantos outros narradores que se aventuraram a contar seu romance. A saga dos dois é uma história verdadeira que, até hoje, alimenta a mística do cangaço e continua mexendo com o imaginário popular.

Editorial: Planeta
Tema:
História
Coleção: Outros
Número de páginas: 224

Acesse: https://www.planetadelivros.com.br
Compartilhe:

segunda-feira, 7 de janeiro de 2019

30 anos de escritos em "O melhor do Cortella - Trilhas do pensar: ideias, frases e inspirações"


Sinopse: Um dos mais populares intelectuais brasileiros, Mario Sergio Cortella está completando 30 anos da publicação de seu primeiro livro – Descartes: A paixão pela razão. Grande frasista e dono de uma enorme capacidade de síntese, Cortella coleciona ideias e pensamentos nos quase 40 livros que publicou. Essa trilogia da Planeta apresenta as melhores frases de Cortella divididas por temas. O primeiro volume apresenta ideias sobre filosofia, política, religião, ciências e artes.

Alguns temas deste volume:
• Pensar e existir
• Escolhas, erros e acertos
• Participação x omissão
• Os seres e o mundo
• Tecnologia: espaço e memória

Mario Sergio Cortella:
Filósofo, escritor, com mestrado e doutorado em educação e professor titular da PUC-SP, com docência e pesquisa na pós-graduação em Educação. É professor-convidado da Fundação Dom Cabral. Foi Secretário Municipal de Educação de São Paulo (1991 - 1992), tendo sido antes Assessor Especial e Chefe de Gabinete do prof. Paulo Freire. Comentarista da Rádio CBN nos programas Academia CBN e Escola da Vida. Possui mais de 30 livros publicados.

Acesse: https://www.planetadelivros.com.br

Compartilhe:

Baixe a Revista (Clique Sobre a Capa)

baixar

E-mail: ademirpascale@gmail.com

>> Para Divulgação Literária: Clique aqui

Curta Nossa Fanpage

Siga Conexão Literatura Nas Redes Sociais:

Posts mais acessados da semana

ANTOLOGIAS LITERÁRIAS

POEME-SE

CONHEÇA A REVISTA PROJETO AUTOESTIMA

LIVRO: O CLUBE DE LEITURA DE EDGAR ALLAN POE

LIVRO DESTAQUE

CEDRIK - ROBERTO FIORI

Leitores que passaram por aqui

Labels