Entrevista com Georgina Célia Maksoud, autora do livro "Sem medo de viver"

Georgina Célia Maksoud - Foto divulgação Georgina Célia Maksoud nasceu no início dos anos 50 no Guarujá, onde cresceu acalentando o sonho d...

Mostrando postagens com marcador Júlio Hermann. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Júlio Hermann. Mostrar todas as postagens

sábado, 17 de fevereiro de 2018

Conheça "Tudo que acontece aqui dentro", novo livro do autor Júlio Hermann

JÚLIO HERMANN nasceu em Gramado, no Rio Grande do Sul, e quase se tornou cronista esportivo, mas a desilusão com uma derrota na Libertadores mostrou que ele não teria estômago para enfrentar muitas outras. Em 2015, começou a publicar crônicas na internet e esperava ser lido pelos amigos e algumas dezenas de pessoas, que logo se tornaram centenas, milhares e centenas de milhares depois de um tempo. Seus temas sempre são os seus amores e relacionamentos, e o que aprende com cada um deles. Mesmo com suas dúvidas, ele acredita que isto tudo é apenas o começo, e cada aprendizado nos leva a melhores possibilidades.
Ele escreve nos sites: www.juliohermann.com e www.entretodasascoisas.com.br

ENTREVISTA:

Conexão Literatura: Poderia contar para os nossos leitores como foi o seu início no meio literário?


Júlio Hermann: As palavras sempre fizeram parte de mim. Antes de eu escrever sobre relacionamentos e comportamento, eu já me aventurava nas crônicas esportivas. Nos primeiros anos da adolescência, eu costumava escrever todos os dias, ainda que somente para mim. Em 2015, fui convidado a escrever semanalmente em um blog e nunca mais parei, assinando colunas em outros ao longo do tempo. Até que em 2016 acabei criando o site que leva o meu nome e conheci a Faro, que apostou em um guri que ainda tinha 18 anos.

Conexão Literatura: Você é autor do livro “Tudo que acontece aqui dentro” (Faro Editorial). Poderia comentar?

Júlio Hermann: O meu livro de estreia é justamente a representação das fibras de nossos corações eternizadas nas páginas de um livro. Tem angústia, dor, aflição. Mas, ao mesmo tempo, tem uma alegria genuína, momentos bonitos e uma saudade única que faz sorrir. Depois de um tempo eu entendi que acreditar no amor não tem exatamente a ver com ser feliz em um relacionamento, mas ter a profunda consciência de que sem eles somos só carne.

Conexão Literatura: Como foram as suas pesquisas e quanto tempo levou para concluir seu livro?


Júlio Hermann: O processo de escrita do livro durou um pouco menos de um ano. O que eu busquei passar para quem o lê é a minha verdade. Eu sempre digo que espero que as palavras cheguem nas pessoas tão sinceramente quanto saíram de mim. A pesquisa passou por analisar e compreender o que essa geração tem sentido e passado em suas vidas.

Conexão Literatura: Poderia destacar um trecho do qual você acha especial em seu livro?

Júlio Hermann: "Me disseram, veja bem, me disseram lá no início que não valia a pena amar. Mas amor é tudo o que eu levo depois de precisar desconstruir uma realidade inteira durante o caminho."

Conexão Literatura: Como o leitor interessado deverá proceder para adquirir o seu livro e saber um pouco mais sobre você e o seu trabalho literário?

Júlio Hermann: O Tudo que acontece aqui dentro está disponível nas principais livrarias do país, tanto nas lojas físicas como nas virtuais. Então, é fácil encontrar. Para me acompanhar, a melhor forma é acessando o www.juliohermann.com e curtindo minha página no facebook. Lá, todas as semanas tem conteúdos inéditos.

Conexão Literatura: Existem novos projetos em pauta?

Júlio Hermann: Existe um segundo livro em construção. Uma história com conflitos novos em que nós, enquanto a lemos, poderemos reconstruir nossos mundos de um modo novo, assim como as personagens.

Perguntas rápidas:

Um livro: Amor de todo Amor
Um (a) autor (a): Joseph Ratzinger, por ensinar sobre o amor de uma maneira que eu nunca vi alguém o fazer.
Um ator ou atriz: Mel Gibson
Um filme: Little Boy
Um dia especial: Eu gosto de todos os dias 02.

Conexão Literatura: Deseja encerrar com mais algum comentário?

Júlio Hermann: Tenham sempre em mente que o mais importante na vida é o amor. Ele deve estar na frente de tudo. Quando as coisas dão errado, ele sustenta o resto. Acima de tudo, ainda, ele é correção e desejo de melhorar o outro através de uma ternura que não se expressa de outra forma. É pegar o próprio coração e dizer “toma, eu sou só isso, mas estou aqui para ser para você”. Por mais que machuque às vezes, vale a pena. O Papa Emérito, Bento XVI, dizia que “no coração de todo homem existe o desejo de uma casa”. O amor, no fim das contas, é justamente isso: aquilo que nos dá abrigo.
Compartilhe:

Baixe a Revista (Clique Sobre a Capa)

baixar

E-mail: ademirpascale@gmail.com

>> Para Divulgação Literária: Clique aqui

Curta Nossa Fanpage

Siga Conexão Literatura Nas Redes Sociais:

Posts mais acessados da semana

ANTOLOGIAS LITERÁRIAS

POEME-SE

CONHEÇA A REVISTA PROJETO AUTOESTIMA

LIVRO: O CLUBE DE LEITURA DE EDGAR ALLAN POE

LIVRO DESTAQUE

CEDRIK - ROBERTO FIORI

Leitores que passaram por aqui

Labels