Mostrando postagens com marcador Livraria. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Livraria. Mostrar todas as postagens

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2021

Livraria Ponto Literário da Editora Ciranda Cultural inaugura sua primeira loja conceito no Alpha Square Mall

 


O Alpha Square Mall segue expandindo seu mix de lojas e atuação na região de Alphaville. Uma recente novidade do mall é a livraria Ponto Literário, um espaço criado em parceria com a Editora Ciranda Cultural, que está no mercado há 32, com o objetivo de incentivar as famílias através da leitura.

         Além de apresentar títulos infantis, juvenis e adultos, a Ponto Literário é a primeira loja conceito da editora e se diferencia pelo ambiente, com estilo Garden do shopping, que proporciona acolhimento, bem-estar e descontração aos visitantes aliando à leitura. Para 2021, a expectativa é criar programações com experiências lúdicas no espaço.

         “A instalação da primeira loja conceito no mall foi em virtude do modelo diferenciado do empreendimento, com o jardim disponível para envolver e desconectar os apreciadores de boa leitura em meio ao vai e vem dos profissionais e empresários do office. A localização e o perfil do público também fizeram a diferença durante o processo de escolha do local”, explica Clecia Aragão, diretora e líder educadora da Editora Ciranda Cultural.

         Clecia revela, ainda, que investir no negócio em meio à pandemia foi uma oportunidade desafiadora, mas a ideia se tornou realidade principalmente pelo objetivo de inspirar famílias através de livros.

         O Alpha Square Mall está localizado no coração de Alphaville e, como medidas protetivas pelo novo coronavírus adotou uma série de cuidados para preservar a saúde dos colaboradores e dos visitantes. Intensificou a higienização das áreas comuns do mall; instalou demarcações no piso indicando a distância mínima entre as pessoas; disponibilizou totens com álcool em gel acionados por pedais em diferentes pontos, e criou uma estratégia inédita para promover o distanciamento em meio ao jardim: posicionou manequins transformados em obras de arte ocupando lugares nos bancos. São peças assinadas por artistas plásticos da região e de São Paulo que deram vida e estilo à ambientação.

         O Alpha Square Mall foi inaugurado em 2011 e tornou-se conhecido como o shopping jardim da região. Destaca-se pela arquitetura diferenciada, assinada por Pablo Slemenson, quem também idealizou o projeto arquitetônico do Shopping Cidade Jardim, na capital paulista, com um grande jardim central que possui teto retrátil, ambiente agradável e acolhedor, onde o visitante encontra opções de consumo, lazer e gastronomia.

Atualmente, o mix do empreendimento é composto por 72 lojas distribuídas em dois pisos -térreo e superior-, tais como Mundo Verde, Cacau Show, Latam, Manuia SPA, Akor, Bar do Alemão etc. Mais informações pelo www.alphasqaureon.com.br.

Alpha Square Mall

Site: www.alphasquaremall.com.br

Marketplace: www.alphasquareon.com.br

Redes sociais: @alphasquaremall no Instagram e Facebook

Telefone: 11 2664-0405

Avenida Sagitário, 138 – Barueri

Compartilhe:

quarta-feira, 31 de julho de 2019

As irmãs Carol e Talita Camargo e a nova Livraria do Comendador, em São Paulo

Carol e Talita Camargo - Foto divulgação
Capitaneada pelas irmãs Carol e Talita Camargo, a nova Livraria do Comendador, localizada na região dos Jardins, em S. Paulo, mostra que apesar de algumas livrarias terem fechado as portas, os livros moram no coração dos leitores e que se o empreendimento é feito com amor, dedicação e carinho, não tem como não dar certo.

Conexão Literatura: Poderia comentar sobre a ideia da Livraria do Comendador?


Livraria do Comendador: A livraria, inaugurada em outubro de 2018, está situada em um charmoso casarão na região da Avenida Paulista - Rua Pamplona, 145. Destaca-se pelo clima bucólico de café literário ao dividir espaço com o aconchegante Zel Café, além de apresentar um convidativo deck ao ar livre que funciona como refúgio para os dias corridos da cidade. O local foi utilizado pela Fundação Instituto de Física Teórica, em 1952, para iniciar as atividades de pesquisa. Tombado pelo patrimônio histórico, a casa foi restaurada e o terreno de 6,5 mil metros quadrados cedeu espaço para a construção de uma torre comercial de 28 pavimentos. Hoje, o complexo abriga além do Instituto, o Zel Café, a Livraria do Comendador, o prédio comercial, o Centro de Pesquisa do Instituto, um bosque, um mirante e o revolucionário Domo Digital, configurado para servir como teatro, cinema, palco de eventos, pequenos shows e futuramente como um planetário. Batizado de Praça Pamplona, o complexo de uso misto, é inédito no Brasil por aliar ciência, tecnologia e entretenimento no mesmo endereço. A premissa para a construção do Zel Café era a existência de uma livraria no local, que hoje tem a administração das irmãs Talita e Carol Camargo, filhas de Ivo Camargo, nome conceituado no mercado editorial graças à sua expressiva atuação na editora Companhia das Letras e depois na empresa Ivo Camargo – Soluções Comerciais. Tanto a livraria quanto o café estão sob o domínio do Grupo Império, que nasceu em 2017. José Lauro Afonso Megale, mais conhecido como Comendador Laurinho dá o nome à Livraria e é dono dos dois negócios.

Imagem interna da Livraria do Comendador
Conexão Literatura: É verdade que alguns dos títulos da livraria levam temas que estão ligados ao lugar onde estão?

Livraria do Comendador: Definimos o acervo da nossa livraria como generalista. Trabalhamos com best-sellers, literatura de interesse geral, biografias, ficção e não-ficção, artes e arquitetura, HQs e revistas importadas e nacionais. Apresentamos também temas como café, gastronomia, física, ciência e cultura equina que fazem parte do contexto do casarão, mas que também estão presentes em qualquer outra livraria. Além disso, dispomos de uma área infantil com livros dedicados às crianças.

Conexão Literatura: Como analisa a situação do mercado editorial nos dias atuais?

Livraria do Comendador: Nós entendemos que estamos vivendo um momento de transformação. A crise das duas maiores redes de livrarias do Brasil abalou o mercado, mas também o obrigou a repensar a maneira de fazer e vender livros. Enquanto as editoras tiveram que enxugar o prelo de lançamentos semanais, os livreiros independentes se reinventaram para abrigar eventos, estimular autores e captar o público leitor e consumidor que se encontrou órfão no meio desta crise. Existe espaço no mercado para todos.

Conexão Literatura: Além dos livros, encontramos um leque de produtos bem interessantes na livraria, como placas, produtos de papelaria, ímãs, acessórios de presente, etc. Poderia comentar?

Livraria do Comendador: O principal foco de nossa loja é o livro, que é sempre o elemento central de uma boa livraria. Porém, comercializamos algumas outras opções com o intuito da agregar valor. Desta forma, além do nosso seleto acervo, é possível encontrar ímãs, chaveiros e itens de papelaria. O destaque fica por conta da nossa coleção exclusiva #useumclassico que tivemos a oportunidade de apresentar na Festa Literária Internacional de Paraty, a Flip, deste ano. A honrosa experiência em participar deste encontro literário tão importante do cenário cultural, nos deu a chance de levar ao público títulos selecionados, camisetas de nossa coleção exclusiva, além de ecobags, chaveiros e cadernos e ilustrados com três dos maiores nomes da literatura brasileira: Clarice Lispector, Machado de Assis e Euclides da Cunha, que foi o homenageado desta edição do evento. Também neste mês de julho, marcamos presença na 38ª Exposição Nacional do Mangalarga Marchador em Belo Horizonte (MG), considerada a maior exposição de equinos da América Latina. Desta vez, nossos produtos foram ilustrados com clássicos da raça equina. Todos os produtos estão à venda também na loja em São Paulo.

Alguns dos produtos comercializados na Livraria do Comendador
Conexão Literatura: Qual o horário de funcionamento da livraria?

Livraria do Comendador: A livraria funciona às segundas-feiras das 08:00 às 19:00, de terças às sextas-feiras das 08:00 às 20:00, e aos sábados e domingos das 08:00 às 16:00.

Conexão Literatura: Já pensaram em disponibilizar o local para lançamento de livros?

Livraria do Comendador: Nós realizamos lançamentos de livros na loja. Um dos últimos eventos foi marcado no dia 25/07 das 18:00 às 19:30 com o livro de crônicas afetivas “Debaixo dos Ipês”, de autoria da jornalista Marina Oliveira.

Conexão Literatura: Deseja encerrar com mais algum comentário?

Livraria do Comendador:  As pessoas não deixaram de ler e nem de consumir livros, então, enxergamos na Comendador uma oportunidade para abrir caminhos para que este leitor se sinta sempre conectado com o livro. 

Livraria do Comendador
Curta a fanpage da Livraria do Comendador: clique aqui.

Endereço:
Rua Pamplona, 145 - Casarão - Subsolo, São Paulo - SP, CEP: 01405-000
Horário de atendimento:
Segundas-feiras das 08:00 às 19:00, de terças às sextas-feiras das 08:00 às 20:00, e aos sábados e domingos das 08:00 às 16:00.
 
Compartilhe:

terça-feira, 1 de janeiro de 2019

Robert E. Howard é destaque da primeira edição do ano da Revista Conexão Literatura (nº 43, janeiro/2019)

Chegamos em nossa primeira edição do ano com Robert E. Howard em destaque. Era certo que Howard um dia estamparia uma das nossas capas, afinal ele foi o criador de Conan – O Bárbaro. Confesso que tenho dezenas de exemplares de Conan, coleção que iniciei na juventude. Infelizmente, como a maioria dos grandes escritores e gênios, Howard viveu pouquíssimo tempo: apenas 30 anos, mas deixou um legado para a eternidade. Saiba mais nas linhas da nossa edição.

Contos, dicas de livros, entrevistas e matérias especiais aguardam por você, assim como uma entrevista que Sérgio Simka fez comigo, referente ao lançamento da obra “Possessão Alienígena” (Devir). E para os fãs de Edgar Allan Poe, nesse primeiro trimestre estarei lançando a obra “O Clube de Leitura de Edgar Allan Poe”, pela Editora Selo Jovem. Fiquem ligados sobre mais informações em nossas redes sociais.

Para divulgar o seu livro ou anunciar em nosso site e próxima edição, acesse: www.revistaconexaoliteratura.com.br/p/midia-kit.html
Para baixar a edição da Revista Conexão Literatura nº 43: clique aqui

Assine a nossa newsletter e receba em seu e-mail notícias atualizadas sobre o mundo da literatura. Chegará um e-mail para você confirmar a inclusão:

Insira o endereço do seu e-mail:



Ademir Pascale - Editor-Chefe
Contato: pascale@cranik.com
Twitter: @ademirpascale
http://www.revistaconexaoliteratura.com.br
Compartilhe:

terça-feira, 21 de agosto de 2018

Cepe inaugura sua maior livraria


Instalada no Mercado Eufrásio Barbosa, em Olinda, será inaugurada nesta quarta-feira, às 15h, a nova livraria da Cepe conta com área de mais de 100 metros quadrados para abrigar publicações e eventos

Para abrigar e exibir de forma adequada centenas de livros que a Cepe já editou - sem falar das publicações mensais, como a Revista Continente e o Suplemento Pernambuco -, faltava um espaço grande. Com mais de 100 metros quadrados de área, será inaugurada nesta quarta-feira, 22 de agosto, às 15h, a Livraria da Cepe no Mercado Eufrásio Barbosa, em Olinda. Na ocasião também será lançado o livro Ideias Subversivas: na matemática e nas ciências para jovens de 8 a 80 anos, de Décio Valença, publicado pela Cepe Editora.

A ação já parte da proposta de conceito do espaço que, além de livraria, se destinará também à promoção Instalada no Mercado Eufrásio Barbosa, em Olinda, será inaugurada nesta quarta-feira, às 15h, a nova livraria da Cepe conta com área de mais de 100 metros quadrados para abrigar publicações e eventos

Para abrigar e exibir de forma adequada centenas de livros que a Cepe já editou - sem falar das publicações mensais, como a Revista Continente e o Suplemento Pernambuco -, faltava um espaço grande. Com mais de 100 metros quadrados de área, será inaugurada nesta quarta-feira, 22 de agosto, às 15h, a Livraria da Cepe no Mercado Eufrásio Barbosa, em Olinda. Na ocasião também será lançado o livro Ideias Subversivas: na matemática e nas ciências para jovens de 8 a 80 anos, de Décio Valença, publicado pela Cepe Editora.

A ação já parte da proposta de conceito do espaço que, além de livraria, se destinará também à promoção de eventos como oficinas e lançamentos literários.

O projeto arquitetônico foi concebido para destacar a estrutura antiga do mercado em contraste com uma pegada mais moderna. Assinado pela dupla de arquitetas Maria Eduarda Campos e Mariana Asfora, o ambiente é amplo graças ao pé direito altíssimo e original, de quase dez metros, que foi preservado. "Também quisemos mostrar a coberta antiga", acrescenta Maria Eduarda.

A cor branca das paredes e pilares também foi mantida, o que contribui mais ainda para a sensação de amplitude. Em contraste, o tom escuro da madeira do balcão e das estantes, assim como o colorido e alegre sofá em formato de L, com oito metros e 12 cores em listras, um convite ao relaxamento para a leitura. Lembrando os tempos idos, uma antiga máquina de impressão está exposta na entrada da livraria. Há também rampa de acessibilidade para cadeirantes e pessoas com problemas de locomoção.

Serviço:
Inauguração da Livraria da Cepe Editora
Quando: 22 de agosto (quarta-feira), às 15h
Onde: Mercado Eufrásio Barbosa (Avenida Doutor Joaquim Nabuco, Varadouro)
Compartilhe:

quarta-feira, 30 de maio de 2018

Otávio Bravo na nova edição da Revista Conexão Literatura, nº 36 (Junho/18)

Nesta nova edição da Revista Conexão Literatura, destacamos o escritor Otávio Bravo, autor da trilogia "Travessuras da minha menina má" (Editora Chiado), confira entrevista exclusiva que fizemos com ele. Eudes Cruz nos presenteia com a resenha do livro "Mãos secas com apenas duas folhas", da autora Paula Febbe. Já Rafael Botter resenhou o livro "Estado Terminal", do autor Dylan Ricardo, além disso também dá uma nova dica da NetFlix, a série pós-apocalíptica "The Rain"

Ótimas dicas de livros aguardam por você na Livraria Conexão Literatura, assim como os contos das autoras Míriam Santiago e Mblannco, entrevista com os escritores Diego Favero, Anália Souza, Bárbara Kristina, Marcelo Pereira e Piaza Merighi.

Editor ou autor, não fique de fora: para participar ou anunciar em nossa próxima edição de nº 37 (julho, 2018), acesse a página em nosso site: http://www.revistaconexaoliteratura.com.br/p/midia-kit.html

Tenham uma ótima leitura e até a próxima edição!
Para baixar a edição da Revista Conexão Literatura nº 36: clique aqui

Assine a nossa newsletter e receba em seu e-mail notícias atualizadas sobre o mundo da literatura:

Insira o endereço do seu e-mail:



Compartilhe:

sábado, 27 de janeiro de 2018

O Livreiro: uma história de amor aos livros

Como uma família que começou alugando 10 livros na sala de casa construiu uma das principais livrarias do Brasil

Sinopse: Impulsionada pela necessidade de complementar a renda da família, Eva Herz – imigrante judia que veio para o Brasil fugindo da perseguição nazista – decidiu investir na compra de alguns best-sellers para alugar a seus compratriotas alemães em São Paulo. A engenhosa iniciativa deu origem, em 1947, à Biblioteca Circulante, que posteriormente se estabeleceria no cenário nacional como Livraria Cultura, marco artístico e cultural da cidade e referência quando o assunto é leitura.

Em O livreiro, Pedro Herz, filho mais velho do casal Eva e Kurt, faz um relato biográfico de como a família se firmou na nova cidade e, mais do que isso, fundou uma das principais livrarias do país. Uma história de empreendedorismo que rendeu a Pedro experiências marcantes – como conhecer o pai de Anne Frank durante os anos em que viveu na Suíça; ter o poeta Vinicius de Moraes autografando o livro Falso mendigo em um engraçado episódio que se deu em 1978; além de vivenciar umas das mais significativas manifestações da sociedade civil brasileira pelo fim do regime militar durante o lançamento, na Livraria Cultura, da obra O que é isso companheiro?.

Um livro inspirador, que apresenta a trajetória admirável do empreendedor cultural Pedro Herz, e vai além, promovendo importantes reflexões sobre o futuro da leitura no Brasil e sobre a história de uma livraria que, nas palavras do escritor e jornalista Ignácio de Loyola Brandão, “só São Paulo faria”.

Pedro Herz
Editorial: Planeta
Número de páginas: 240
Compartilhe:

terça-feira, 26 de setembro de 2017

Em entrevista Gustavo Drago faz um balanço da Editora Drago na Bienal do Livro Rio e comenta sobre a abertura das Livrarias Drago

Gustavo Drago e autoras - Foto Divulgação
ENTREVISTA:

Conexão Literatura: A Drago Editorial, editora da qual você comanda, participou da última Bienal do Livro Rio. Pudemos acompanhar através de fotos e informações nas redes sociais os diversos lançamentos e tardes de autógrafos. No total, quantos autores passaram pelo stand da Drago?

Gustavo Drago: Primeiramente, bom dia! É sempre um prazer estar por aqui. Nós recebemos mais de 30 autores, entre nossos autores e autores convidados, no stand da editora. E algumas celebridades também, como o Tadeu Schmidt – apresentador do Fantástico – e o Jornalista e Economista Luiz Carlos Prestes Filho. Foram inúmeros lançamentos e tardes de autógrafo, que principalmente no feriado e finais de semana, lotaram o nosso stand.

Conexão Literatura: Qual título foi o mais vendido da Drago na Bienal do Livro Rio?

Gustavo Drago: Foram vários os títulos que venderam bem, com destaque para os três livros da série Neo Noir da autora Fernanda W. Borges (Orgasmos Fatais, o Reverso do Destino e Sob o Signo de Escorpião), para Rogério Silva que esgotou a tiragem de “O Sino” em apenas duas horas, para George Ornelas que fez uma enorme fila de leitores ansiosos para adquirirem seu romance “Amores e Crimes” e para as autoras novatas Giovanna Lobato e Anália Souza (Perdidamente e A Força) que mostraram o poder dos novos autores nacionais. 

Conexão Literatura: Falando sobre vendas, novos contatos e parcerias, a Drago ficou feliz com o resultado?

Gustavo Drago: Sim e não. No quesito “novos contatos”, acho que valeu o investimento. Fortalecemos em muito nossa marca no mercado editorial; essa era a nossa principal intenção. Quanto à venda dos nossos livros, tínhamos noção que não conseguiríamos recuperar todo o capital investido, principalmente porque o país encontra-se em crise econômica (e de honestidade dos nossos políticos) e foi cobrado um valor alto de entrada, mais estacionamento. Por exemplo, para uma família tradicional (dois filhos, marido e mulher) ir à Bienal, com o ingresso custando R$ 23,00, mais a taxa de estacionamento — acho que era R$ 24,00 —, sobra pouco para a compra de livros. Só para entrar no evento o gasto já seria, nesse caso, pra lá dos R$ 100,00... fora a refeição, que lá dentro também estava a um preço superfaturado. Não é à toa que várias editoras boicotaram o evento. Acaba restringindo boa parte das vendas e direcionando outra parte apenas para os livros sensações do momento. Uma pena, pois levamos um verdadeiro arsenal de obras nacionais da melhor qualidade. 

Gustavo Drago fechando parceria no stand da Editora Autografia
Conexão Literatura: Faz poucos dias que você anunciou a abertura de livrarias que levarão o nome Drago. Poderia comentar?

Gustavo Drago: Sim, verdade. Eu, em parceria com Rodrigo Bahia, estamos inaugurando 3 livrarias físicas próprias. A primeira a ser inaugurada será dia 12 de outubro, em Salvador, na Bahia. A segunda será no American Outlet Shopping, em Feira de Santana, também na Bahia. E a terceira será em Maceió, na Av. Oceânica. Algumas terão cafeteria e espaço para lançamentos e tardes de autógrafos. A franquia está aberta para novos investidores, nossa intenção é, em um prazo de 3 anos, estarmos com nossas livrarias em todas as grandes cidades e estados do Brasil. O projeto é ousado, pois sabemos da potência da nossa logomarca, do nome Drago e da publicidade que fazemos em cima da nossa Guerreira. Assim como sabemos da nossa capacidade e dedicação de valorizar de fato o autor nacional. E vale lembrar uma coisa: todas as livrarias físicas da rede serão especializadas em literatura nacional e abrirá as portas para outras editoras que têm a proposta de publicar novos talentos.

Conexão Literatura: Notamos que a Drago Editorial está crescendo rapidamente. Qual o segredo do sucesso?

Gustavo Drago
: Simples: fazer um trabalho sério e profissional, em prol dos nossos autores nacionais. Também sou autor, então trato todos como parceiros de escrita. Em breve, certamente estaremos com diversos Best Sellers no mercado, pois após a publicação das obras, damos suporte de carreira a todos os nossos autores e investimos em marketing naquelas obras com mais potencial de mercado.

Conexão Literatura: Como os autores interessados deverão proceder para enviarem seus originais para análise da editora?

Gustavo Drago: basta enviar o original, em formato Word, para o email: originais@dragoeditorial.com Mas sugiro que visitem o nosso site primeiro: www.dragoeditorial.com e não deixem de ler a nossa proposta de publicação, que encontra-se na página: http://www.dragoeditorial.com/publique-conosco/

Conexão Literatura: Deseja encerrar com mais algum comentário?

Gustavo Drago: Primeiramente, agradecer a todo o suporte que tivemos da Revista Conexão Literatura... e segundo, pedir para que todos os autores e leitores acompanhem o nosso crescimento, pois viemos para implementar um verdadeiro império literário, voltado somente aos autores nacionais, e capaz de bater de frente com qualquer editora grande e com qualquer Best Seller internacional. Parece Utopia? Não... o futuro provará que não! 

Compartilhe:

segunda-feira, 10 de julho de 2017

Escritora abre livraria virtual com ênfase na novíssima geração

A Boa Prosa pretende diminuir a distância entre leitores e escritores independentes
Com o objetivo de incentivar a cena dos autores independentes do Brasil, a escritora Irka Barrios acaba de lançar a livraria virtual A Boa Prosa, especializada na literatura da novíssima geração.

A decisão de empreender no mercado editorial veio a partir das dificuldades que os independentes enfrentam para manter seus livros ao alcance dos leitores. "Depois que eu comecei a escrever e conhecer vários autores independentes eu notei que as obras acabavam se perdendo depois do lançamento, porque as editoras pequenas não têm muita entrada nas grandes livrarias", observa Irka.

Romances, contos, crônicas, poesia, literatura infanto-juvenil e obras acadêmicas compõem a estante da A Boa Prosa. No acervo de cerca de 15 livros, publicados por editoras como a Patuá, Oito e Meio, Bestiário, Biografias e Profecias e Penalux, há espaço para escritores estreantes e para revelações da literatura brasileira, como Bruno Ribeiro, André Timm e Roberto Menezes.

Com o ambiente exclusivo no mercado digital, a ideia é diminuir a distância entre leitores e escritores de todo o país. Para os autores, a livraria é um intermediário que pode contribuir com a venda direta. "Após um lançamento, uma parte dos livros fica com o autor e outra, com a editora que o publicou. Os leitores que não acompanham as novidades do mercado literário ficam sem saber a efervescente produção literária que o Brasil atravessa porque, para encontrar esses lançamentos, é preciso ir até a editora ou acompanhar o autor", explica Irka, ressaltando que sempre há lançamentos na A Boa Prosa.

A personalização é outro valor pensado por Irka para o empreendimento, que entrega todas as obras autografadas por cada escritor. Um projeto que deve ser implementado em breve é a entrega de minicontos personalizados aos clientes da livraria, oportunizando que cada leitor contribua com a narrativa de um texto exclusivo. 

Serviço:
A Boa Prosa: livraria virtual com ênfase nos autores da novíssima geração brasileira
Site: aboaprosa.com.br
Email: contato@aboaprosa.com.br

Sobre a escritora:
Irka Barrios é natural de Tuparendi, no Rio Grande do Sul. Foi premiada com a segunda colocação no concurso Brasil em Prosa (Amazon/Jornal O Globo, 2015). Participa de diversos projetos de coletâneas de contos, como "Língua Rara" (Ed. Outsider, 2017), "Onsiciente contemporâneo" (Ed. Bestiário, 2016) e "Contos para ler a três" (Ed. Bestiário, 2016). Está em entre os 10 autores selecionados pela Amazon para participar do pitching Vendendo Sua Ideia na Festa Literária de Paraty 2017.


Compartilhe:

Baixe a Revista (Clique Sobre a Capa)

baixar

E-mail: ademirpascale@gmail.com

>> Para Divulgação Literária: Clique aqui

Curta Nossa Fanpage

Siga Conexão Literatura Nas Redes Sociais:

Receba nossas novidades por e-mail (você receberá um email. Basta confirmar ):

Posts mais acessados da semana

Anuncie e Divulgue Conosco

CLUBE DO LIVRO UNIÃO

LIVRO: O CLUBE DE LEITURA DE EDGAR ALLAN POE

LIVRO DESTAQUE

FUTURO! - ROBERTO FIORI

SROMERO PUBLISHER

Leitores que passaram por aqui

Labels