Mostrando postagens com marcador Lovecraft. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Lovecraft. Mostrar todas as postagens

sexta-feira, 22 de janeiro de 2021

Já está disponível o e-book O LEGADO DE H. P. LOVECRAFT. Baixe o seu.

CONHEÇA OS SELECIONADOS DA ANTOLOGIA "O LEGADO DE H. P. LOVECRAFT"

Sinopse: Apaixonado por poemas e por histórias clássicas do terror gótico, autor que revolucionou o gênero dos contos de terror, com elementos fantásticos e de ficção científica, criador de O Chamado de Cthulhu e de um dos artefatos mais incríveis já criados numa história, o Necronomicon, um livro fictício de invocação de demônios. Agora faz parte da nossa coleção de e-books, sendo o primeiro "O Legado de Edgar Allan Poe". Autores talentosos e com seus incríveis contos e poemas estão nas páginas deste e-book, seguindo o legado do mestre Lovecraft.

"A emoção mais antiga e mais forte da humanidade é o medo, e o mais antigo e mais forte de todos os medos é o medo do desconhecido."
— H.P. Lovecraft

Tenha uma ótima leitura!

Ademir Pascale - Escritor e Editor

FICHA TÉCNICA:

 Título: O Legado de H. P. Lovecraft
 Organizador: Ademir Pascale
 Coautores:
 Camila de Nazaré Colares da Rocha - "Ranger de Dentes" e "Sonho"
 Cleber Gimenes Freitas e Erica Ribeiro de Almeida - "Man"
 Kátia de Souza Nascimento (Kátia Surreal) - "Rosa Negra" e "O vampiro do espelho"
 Sergio Ricardo Spitaleti (Ricardo Spitaleti) - "Quando abrir meus olhos"
 Fernando Antonio Prado Gimenez - "Rolando"
 Sidnei Fontoura Rodrigues (Sid Fontoura) - "O palco do terror"
 Roberto Schima - "HPL-46 Necronomicon"
 J.R. Araujo - "Transformação adiabática"
 Danilo Moura Seraphim (Danilo Seraphim) - "Espírito das Águas"
 Marcus Vinícius Silva Hemerly (Marcus Hemerly) - "À sete palmos da realidade"
 Dalvilson Donizete Policarpo (Policarpo) - "A Prenda"
 Cristiane de Mesquita Alves - "Retorno dos Gatos"
 Cida Simka e Sérgio Simka - "O segredo da velha igreja"
 Raquel de Castro dos Santos - "Lar" e "Partida"

 Nº de páginas: 73

PARA BAIXAR O E-BOOK GRATUITAMENTE: CLIQUE AQUI.

Compartilhe ;)

Compartilhe:

quarta-feira, 13 de janeiro de 2021

Saiu a lista dos selecionados da antologia O LEGADO DE H. P. LOVECRAFT. Confira

 


CONHEÇA OS SELECIONADOS DA ANTOLOGIA "O LEGADO DE H. P. LOVECRAFT"

Sinopse: Apaixonado por poemas e por histórias clássicas do terror gótico, autor que revolucionou o gênero dos contos de terror, com elementos fantásticos e de ficção científica, criador de O Chamado de Cthulhu e de um dos artefatos mais incríveis já criados numa história, o Necronomicon, um livro fictício de invocação de demônios. Agora faz parte da nossa coleção de e-books, sendo o primeiro "O Legado de Edgar Allan Poe". Autores talentosos irão compor o e-book com contos de terror, seguindo o legado do mestre Lovecraft. 

LISTA DOS AUTORES SELECIONADOS DA ANTOLOGIA "O LEGADO DE H. P. LOVECRAFT":

 1 -  Camila de Nazaré Colares da Rocha - "Ranger de Dentes" e "Sonho"
 2 -  Cleber Gimenes Freitas e Erica Ribeiro de Almeida - "Man"
 3 -  Kátia de Souza Nascimento (Kátia Surreal) - "Rosa Negra" e "O vampiro do espelho"
 4 -  Sergio Ricardo Spitaleti (Ricardo Spitaleti) - "Quando abrir meus olhos"
 5 -  Fernando Antonio Prado Gimenez - "Rolando"
 6 -  Sidnei Fontoura Rodrigues (Sid Fontoura) - "O palco do terror"
 7 -  Roberto Schima - "HPL-46 Necronomicon"
 8 -  J.R. Araujo - "Transformação adiabática"
 9 -  Danilo Moura Seraphim (Danilo Seraphim) - "Espírito das Águas"
10 - Marcus Vinícius Silva Hemerly (Marcus Hemerly) - "À sete palmos da realidade"
11 - Dalvilson Donizete Policarpo (Policarpo) - "A Prenda"
12 - Cristiane de Mesquita Alves - "Retorno dos Gatos"
13 - Cida Simka e Sérgio Simka - "O segredo da velha igreja"
14 - Raquel de Castro dos Santos - "Lar" e "Partida"

PARABÉNS. Entraremos em contato via e-mail com os selecionados.

Compartilhe ;)

 
Compartilhe:

segunda-feira, 28 de dezembro de 2020

Curte Terror? Envie o seu conto ou poema para a antologia (e-book) O LEGADO DE H. P. LOVECRAFT. Leia o edital

 


PARTICIPE DA ANTOLOGIA (E-BOOK): O LEGADO DE H. P. LOVECRAFT

Sinopse: Apaixonado por poemas e por histórias clássicas do terror gótico, autor que revolucionou o gênero dos contos de terror, com elementos fantásticos e de ficção científica, criador de O Chamado de Cthulhu e de um dos artefatos mais incríveis já criados numa história, o Necronomicon, livro fictício de invocação de demônios. Agora faz parte da nossa coleção de e-books, sendo o primeiro "O Legado de Edgar Allan Poe". Autores talentosos irão compor o e-book com contos ou poemas de terror. 

REGRAS PARA PARTICIPAÇÃO NA ANTOLOGIA DIGITAL "O LEGADO DE H. P. LOVECRAFT":

1 - Escrever um conto ou poema do gênero terror. Aceitaremos até 2 contos ou poemas por autor. Caso sejam aprovados, os 2 contos ou poemas serão publicados.

2 - SOBRE O CONTO ou POEMA: até 4 páginas, fonte Arial, tamanho 12, incluindo título.
     
3 - Tipo de arquivo aceito: documento do Word (arquivos em PDF serão deletados).

4 - O conto ou poema não precisa ser inédito, desde que os direitos autorais sejam do autor e não da editora ou qualquer outra plataforma de publicação.

5 - O conto ou poema não precisa ser inspirado em uma das obras de H. P. Lovecraft, mas deve seguir o gênero terror ou terror com elementos de ficção científica.

6 - Idade mínima do autor para participação na antologia: 18 anos completos. Menores poderão participar e caso o conto ou poema seja aprovado, enviaremos um arquivo (autorização) para o responsável pelo menor preencher.

7 - Envie o conto ou poema pré-revisado. Leia e releia antes de enviá-lo.

8 - Data para envio do conto: do dia 05/12/20 até 12/01/2021 (a data poderá ser prorrogada).

9 - Veja ficha de inscrição no final desse texto. Leia, copie as informações e preencha. Envie as informações da ficha + o conto ou poema para o e-mail: contato@edgarallanpoe.com.brEscreva no título do e-mail: LOVECRAFT

CUSTO PARA O AUTOR:

R$ 50,00 por conto ou poema. Caso o autor envie 2 contos ou poemas e tenha os dois selecionados, o valor será R$ 100,00. As informações para depósito serão informadas ao autor no e-mail que enviaremos caso o conto ou poema seja aprovado.
O valor servirá para cobrir os custos de leitura crítica e revisão, diagramação e divulgação da obra.

A antologia será digital (e-book) e gratuita para os leitores baixarem através de download, ela não será vendida. A antologia será amplamente divulgada nas redes sociais da Revista Conexão Literatura: Fanpage e Grupos do Facebook, Instagram e Twitter, que somam cerca de 150 mil seguidores.

O resultado será divulgado no site www.revistaconexaoliteratura.com.br e na fanpage www.facebook.com/conexaoliteratura, até o dia 14/01/2021 (a data poderá ser prorrogada).

OBS: Enviaremos certificado digital de participação para os autores selecionados.


NOSSOS CRITÉRIOS PARA AVALIAÇÃO:

A) - Criatividade;

B) - Textos preconceituosos, homofóbicos, racistas ou que usem palavras de baixo calão, serão desconsiderados;

C) - Seguir todas as regras para participação.

OBS.: Ademir Pascale, idealizador do concurso, disponibilizou para download uma apostila intitulada "Oficina Jovem Escritor", com dicas para quem está iniciando no mundo da escrita. Baixe gratuitamente, leia e pratique: CLIQUE AQUI.


FICHA DE INSCRIÇÃO DO AUTOR(A)

Nome completo do autor(a):

Seu Pseudônimo (caso use), para publicação na antologia:

Idade:

Título do conto ou poema:

E-mail 1:
E-mail 2 (caso tenha):

Biografia em terceira pessoa (escreva sobre você num máximo de 7 linhas):

Sinopse do seu conto (se for poema não precisará de sinopse). Escreva no máximo 10 linhas:


IMPORTANTE: Envie todas essas informações da ficha de inscrição para o e-mail: contato@edgarallanpoe.com.br. Escreva no título do e-mail: LOVECRAFT

O envio da ficha de inscrição + conto para o e-mail indicado significa que o autor(a) leu todas as informações e regras dessa página para participação na antologia.

Não fique fora dessa. O concurso cultural será amplamente divulgado nas redes sociais.

COMPARTILHE ;)

OBS.: para conhecer e participar de outras de nossas antologias: clique aqui.


Compartilhe:

sábado, 5 de dezembro de 2020

Participe da antologia (e-book) O LEGADO DE H. P. LOVECRAFT e envie o seu conto ou poema. Leia o edital


PARTICIPE DA ANTOLOGIA (E-BOOK): O LEGADO DE H. P. LOVECRAFT

Sinopse: Apaixonado por poemas e por histórias clássicas do terror gótico, autor que revolucionou o gênero dos contos de terror, com elementos fantásticos e de ficção científica, criador de O Chamado de Cthulhu e de um dos artefatos mais incríveis já criados numa história, o Necronomicon, um livro fictício de invocação de demônios. Agora faz parte da nossa coleção de e-books, sendo o primeiro "O Legado de Edgar Allan Poe". Autores talentosos irão compor o e-book com contos de terror, seguindo o legado do mestre Lovecraft. 

REGRAS PARA PARTICIPAÇÃO NA ANTOLOGIA DIGITAL "O LEGADO DE H. P. LOVECRAFT":

1 - Escrever um conto ou poema do gênero terror. Aceitaremos até 2 contos ou poemas por autor. Caso sejam aprovados, os 2 contos ou poemas serão publicados.

2 - SOBRE O CONTO ou POEMA: até 4 páginas, fonte Arial, tamanho 12, incluindo título.
     
3 - Tipo de arquivo aceito: documento do Word (arquivos em PDF serão deletados).

4 - O conto ou poema não precisa ser inédito, desde que os direitos autorais sejam do autor e não da editora ou qualquer outra plataforma de publicação.

5 - Idade mínima do autor para participação na antologia: 18 anos completos. Menores poderão participar e caso o conto ou poema seja aprovado, enviaremos um arquivo (autorização) para o responsável pelo menor preencher.

6 - Envie o conto ou poema pré-revisado. Leia e releia antes de enviá-lo.

7 - Data para envio do conto: do dia 05/12/20 até 12/01/2021 (a data poderá ser prorrogada).

8 - Veja ficha de inscrição no final desse texto. Leia, copie as informações e preencha. Envie as informações da ficha + o conto ou poema para o e-mail: contato@edgarallanpoe.com.br. Escreva no título do e-mail: LOVECRAFT

CUSTO PARA O AUTOR:

R$ 50,00 por conto ou poema. Caso o autor envie 2 contos ou poemas e tenha os dois selecionados, o valor será R$ 100,00. As informações para depósito serão informadas ao autor no e-mail que enviaremos caso o conto ou poema seja aprovado.
O valor servirá para cobrir os custos de leitura crítica e revisão, diagramação e divulgação da obra.

A antologia será digital (e-book) e gratuita para os leitores baixarem através de download, ela não será vendida. A antologia será amplamente divulgada nas redes sociais da Revista Conexão Literatura: Fanpage e Grupos do Facebook, Instagram e Twitter, que somam cerca de 150 mil seguidores.

O resultado será divulgado no site www.revistaconexaoliteratura.com.br e na fanpage www.facebook.com/conexaoliteratura, até o dia 14/01/2021 (a data poderá ser prorrogada).

OBS: Enviaremos certificado digital de participação para os autores selecionados.


NOSSOS CRITÉRIOS PARA AVALIAÇÃO:

A) - Criatividade;

B) - Textos preconceituosos, homofóbicos, racistas ou que usem palavras de baixo calão, serão desconsiderados;

C) - Seguir todas as regras para participação.

OBS.: Ademir Pascale, idealizador do concurso, disponibilizou para download uma apostila intitulada "Oficina Jovem Escritor", com dicas para quem está iniciando no mundo da escrita. Baixe gratuitamente, leia e pratique: CLIQUE AQUI.


FICHA DE INSCRIÇÃO DO AUTOR(A)

Nome completo do autor(a):

Seu Pseudônimo (caso use), para publicação na antologia:

Idade:

Título do conto ou poema:

E-mail 1:
E-mail 2 (caso tenha):

Biografia em terceira pessoa (escreva sobre você num máximo de 7 linhas):

Sinopse do seu conto (se for poema não precisará de sinopse). Escreva no máximo 10 linhas:


IMPORTANTE: Envie todas essas informações da ficha de inscrição para o e-mail: contato@edgarallanpoe.com.br. Escreva no título do e-mail: LOVECRAFT

O envio da ficha de inscrição + conto para o e-mail indicado significa que o autor(a) leu todas as informações e regras dessa página para participação na antologia.

Não fique fora dessa. O concurso cultural será amplamente divulgado nas redes sociais.

COMPARTILHE ;)

OBS.: para conhecer e participar de outras de nossas antologias: clique aqui.



Compartilhe:

quinta-feira, 20 de agosto de 2020

Intrínseca lança e-book de Território Lovecraft com capa inspirada no pôster da série da HBO

       TERRITÓRIO LOVECRAFT,de Matt Ruff
 A aguardada parceria de Jordan Peele, diretor de Corra!, com J.J. Abrams, autor de S. e criador e diretor de tantas produções audiovisuais incríveis, estreou na HBO no dia 16 de agosto e está sendo recebida com entusiasmo por público e crítica. Partindo de um contexto real, que expõe o racismo estrutural e legalizado nos Estados Unidos, durante a década de 1950, a adaptação do romance de Matt Ruff chega à TV em meio à explosão de protestos em defesa da vida de pessoas negras.  Lançado pelo clube de assinaturas da editora, o intrínsecos, em janeiro de 2020, o livro chegou em março às livrarias de todo o país e agora ganha uma nova edição, exclusiva em e-book, com capa inspirada na arte da série.

Território Lovecraft apresenta o leitor a Atticus Turner, um soldado de 22 anos, veterano da Guerra da Coreia e fã de H. P. Lovecraft. Ao descobrir que o pai desapareceu, ele volta à Chicago, sua cidade natal, para, com o tio e uma amiga, partir em uma missão de resgate. Uma viagem que poderia ser trivial, não fosse o fato de Atticus ser um rapaz negro no auge da segregação racial nos Estados Unidos. No percurso até a mansão do herdeiro da propriedade que mantinha um dos ancestrais de Atticus escravizado, o grupo enfrentará sociedades secretas, rituais sanguinolentos e o preconceito de todos os dias.

Atticus encontrará o pai acorrentado, mantido prisioneiro por uma confraria secreta, que orquestra um ritual cujo principal personagem é o próprio jovem. Sua única esperança de salvação, no entanto, pode ser a semente da destruição de toda a sua família. E esta é apenas a primeira parada de uma jornada impressionante. Estruturado ao mesmo tempo como uma coletânea de contos e um romance, Território Lovecraft apresenta, além de personagens memoráveis, elementos sobrenaturais, como casas assombradas e portais para outras realidades, objetos enfeitiçados e livros mágicos. O livro faz um retrato caleidoscópico do racismo — o fantasma que até hoje assombra o mundo.
“Neste romance fantástico, Ruff retrata o racismo de forma ainda pior do que qualquer horror concebido por Lovecraft.”  Booklist
MATT RUFF nasceu na cidade de Nova York. Aos cinco anos, decidiu que seria autor de ficção, e passou a infância e a adolescência aprendendo a contar histórias. Hoje é autor aclamado pela crítica, vencedor de diversos prêmios. Território Lovecraft é seu primeiro livro publicado pela Intrínseca.

TERRITÓRIO LOVECRAFT, de Matt Ruff

Tradução: Thais Paiva
Páginas: 352
Editora: Intrínseca
Livro impresso: R$ 59,90
E-BOOK: R$ 39,90
Compartilhe:

quinta-feira, 26 de março de 2020

TERRITÓRIO LOVECRAFT, de Matt Ruff


Território Lovecraft é uma jornada fantástica e assustadora, que será adaptada para série na HBO com produção de Jordan Peele, o diretor de Corra!
Partindo de um contexto real e expondo o racismo estrutural dos Estados Unidos da década de 1950, Território Lovecraft une ficção histórica, fantasia e pulp noir em uma coletânea de contos premiados com o Endeavour Awards e finalista do World Fantasy Award. O sucesso extrapolou as páginas dos livros e ganhou as telas de TV. Baseada na obra de Matt Ruff, a série Lovecraft Country será produzida por Jordan Peele e J.J. Abrams e tem estreia prevista ainda para este ano na HBO. Lançado pela Intrínseca no clube de assinaturas intrínsecos em janeiro, o livro chega em março às livrarias de todo o país em uma bela edição com capa dura e pintura trilateral.

Território Lovecraft apresenta o leitor a Atticus Turner, um soldado de 22 anos, veterano da Guerra da Coreia e fã de H. P. Lovecraft. Ao descobrir que o pai desapareceu, ele volta à Chicago, sua cidade natal, para, com o tio e uma amiga, partir em uma missão de resgate. Uma viagem que poderia ser trivial, não fosse o fato de Atticus ser um rapaz negro no auge da segregação racial nos Estados Unidos. No percurso até a mansão do herdeiro da propriedade que mantinha um dos ancestrais de Atticus escravizado, o grupo enfrentará sociedades secretas, rituais sanguinolentos e o preconceito de todos os dias.

Atticus encontrará o pai acorrentado, mantido prisioneiro por uma confraria secreta, que orquestra um ritual cujo principal personagem é o próprio jovem. Sua única esperança de salvação, no entanto, pode ser a semente da destruição de toda a sua família. E esta é apenas a primeira parada de uma jornada impressionante. Estruturado ao mesmo tempo como uma coletânea de contos e um romance, Território Lovecraft apresenta, além de personagens memoráveis, elementos sobrenaturais, como casas assombradas e portais para outras realidades, objetos enfeitiçados e livros mágicos. O livro faz um retrato caleidoscópico do racismo — o fantasma que até hoje assombra o mundo.

MATT RUFF nasceu na cidade de Nova York. Aos cinco anos, decidiu que seria autor de ficção, e passou a infância e a adolescência aprendendo a contar histórias. Hoje é autor aclamado pela crítica, vencedor de diversos prêmios. Território Lovecraft é seu primeiro livro publicado pela Intrínseca.

"Neste romance fantástico, Ruff retrata o racismo de forma ainda pior do que qualquer horror concebido por Lovecraft."
- Booklist

Tradução: Thais Paiva
Páginas: 352
Editora: Intrínseca
Livro impresso: R$ 59,90
E-BOOK: R$ 39,90
Compartilhe:

sábado, 15 de junho de 2019

Contos de H. P. Lovecraft disponíveis para download

Cthulhu, criatura criada por H. P. Lovecraft
E não são somente os contos de Edgar Allan Poe que a Universidade de Adelaide, na Austrália, disponibilizou para download. H. P. Lovecraft também está entre os autores e teve todos os seus contos disponibilizados gratuitamente.  Os formatos disponíveis para download são: Zip, ePub e Kindle. Corre lá para baixar: clique aqui.
Compartilhe:

sexta-feira, 2 de março de 2018

O Terror! Dois Gigantes da Literatura do Horror e do Medo, Lado a Lado

H. P. Lovecraft
Quando se fala em literatura de terror, ou mesmo de horror, nos dias de hoje, quem não é aficionado por estes gêneros literários pode não se lembrar de Howard Philips Lovecraft. Americano, de Boston, nascido em 1890, é um dos maiores expoentes da Literatura Fantástica de Horror que já surgiram. Muito pobre, sofreu de uma doença muito rara, que fazia com que sua pele fosse sempre gelada ao toque, de acordo com L. Sprague de Camp, escritor de Ficção Científica e seu biógrafo.

Lovecraft era imensamente culto. Conhecia um grande número de línguas, inclusive quatro africanas: Swahili, Damora, Zulu e Zani. Certa vez, descreveu com detalhes um quarteirão pouco conhecido de Paris, em sua obra The Music of Erich Zann. Perguntaram-lhe quando havia visitado Paris, ao que Lovecraft respondeu:

— Com Poe, num sonho.

Stephen King afirmou que Lovecraft foi "o maior praticante do século XX do conto de horror clássico". Joyce Carol Oates, atualmente uma das personalidades favoritas ao Prêmio Nobel de Literatura, disse que H. P. Lovecraft, como Edgar Allan Poe no século XIX, tem exercido "uma influência incalculável sobre sucessivas gerações de escritores de ficção de horror".

As histórias de Lovecraft têm como uma de suas características o cuidado extremo com a parte científica. Em sua novela de mais de 120 páginas Nas Montanhas da Loucura (At the Mountains of Madness), boa parte da história descreve em detalhes a expedição que deveria trazer amostras biológicas e geológicas da Antártida. O Universo de Lovecraft abrange um panteão de formas de vida monstruosas e seres fantásticos, que vieram do espaço profundo antes do Homem ter sido criado. Tal obra foi nomeada genericamente com o nome de Cthulhu Mithos pelo escritor August Derleth.

Hoje em dia, temos um escritor de obras de terror que, no que concerne à qualidade literária, está em pé de igualdade. Stephen Edwin King recebeu em 2016 a fortuna de 34 milhões de dólares, colocando-o na terceira posição em termos de rendimentos pela venda de seus livros. Mas não é isso que o coloca lado a lado com H. P. Lovecraft.

Lovecraft escrevia em primeira pessoa, sempre. A maioria do que escreveu em suas histórias é descritivo. Há pouca ação. Mas a descrição da parte científica, que sempre seus contos e novelas possuem, aliada à minúcia em escrever sobre detalhes de ambientação, em que cada objeto pode ser uma fonte de horror, além de falar sobre os seres sobrenaturais e supraterrenos que existem em suas histórias, o fazem talvez o mais importante escritor no gênero de Horror que já surgiu, ao lado de Edgar Alan Poe.

Stephen King é outro prodígio. Autor de dezenas de contos, novelas e romances, sofreu um acidente em 1999, sendo atropelado por um motorista distraído, e quase veio a falecer. No mesmo ano, após três cirurgias que salvaram sua vida, já estava escrevendo mais e mais.

John D. McDonald, famoso escritor de Literatura Fantástica, nos fala que King escreve aos 30 anos melhor do que ele próprio escreveu aos 30 ou 40 anos. Segundo ele, Stephen King não escreve apenas para agradar o leitor. Escreve para satisfazer a si mesmo. McDonald diz ainda que ele próprio segue esta fórmula, que, quando isto ocorre, fatalmente o leitor será agradado.

King nos conta, no prefácio de uma de suas principais antologias, Sombras da Noite (Night Shift, de 1977), que faz, às vezes, palestras para pessoas que se interessam pela escrita e literatura. Perguntam-lhe sempre “Por que ele prefere escrever sobre assuntos tão horríveis?”. Ao que Stephen King responde: “Por que presume que eu tenha outra escolha?”

O fato é este escritor é tão famoso e tão bem-sucedido por um fato inusitado: King escreve histórias que, embora muito bem narradas, poderiam ser banais, se não fosse por um detalhe: ele coloca sempre o elemento surpreendente, terrível, que dá aos seus textos a qualidade do arrepiante. A violência em suas obras por vezes é súbita, apanha o leitor de surpresa. Suas mortes são sempre violentas ou, ao estilo gore, bem desagradáveis. Seus personagens podem estar vivendo suas vidas comuns, bastante normais, próprias de um cidadão de estilo de vida nada exótico. E, de repente, cometem assassinatos hediondos, com requintes absurdos de crueldade. O elemento sobrenatural surge, por vezes. É algo que beira as raias da loucura, como no caso de uma colônia de ratos e morcegos canibais inteligentes, que obedecem às ordens de uma única criatura bizarra: um rato gigante assassino (Turno do CemitérioGraveyard Shift —, publicado em Sombras da Noite). Ou então, a volta de um astronauta de uma missão no espaço, onde seres alienígenas se instalam em sua mão: nada mais que olhos na superfície de sua pele. Eles não suportam a luz do dia e qualquer que seja o ambiente em que se encontram, seja ele dentro de uma residência, ou ao ar livre, é intolerável, às vistas deles. O astronauta sente em sua atormentada mente o que os alienígenas percebem, que é muito mais revoltante para ele do que qualquer coisa que possa aguentar. Isso traz consequências drásticas e violentas. É o conto Eu sou o umbral da porta (Y Am the Doorway), publicado também em Sombras da Noite.



Lovecraft e King: dois gênios, o primeiro, extremamente culto, mas sempre tendo vivido na miséria; outro, um magnífico contador de histórias que lutou para sobreviver — sobreviveu a duras penas, vivendo com sua esposa Tabitha em um trailer quando jovem, e tendo o suficiente apenas para subsistir, por um longo período em que dava aulas em uma Universidade. Venceu de maneira primorosa, em termos financeiros.

Mas ambos possuem um talento raro: conseguiram uma legião fiel de leitores fãs de seus contos, noveletas, novelas e romances. Esse é um ponto a considerar: em um mundo duro e, às vezes injusto, foram além das expectativas.

Sobre o autor: Roberto Fiori é um escritor de Literatura Fantástica. Natural de São Paulo, reside atualmente em Vargem Grande Paulista, no Estado de São Paulo. Graduou-se na FATEC – SP e trabalhou por anos como free-lancer em Informática. Estudou pintura a óleo. Hoje, dedica-se somente à literatura, tendo como hobby sua guitarra elétrica. Estudou literatura com o escritor, poeta, cineasta e pintor André Carneiro, na Oficina da Palavra, em São Paulo. Mas Roberto não é somente aficionado por Ficção Científica, Fantasia e Horror. Admira toda forma de arte, arte que, segundo o escritor, quando realizada com bom gosto e técnica apurada, torna-se uma manifestação do espírito elevada e extremamente valiosa.

Sobre o livro “Futuro! – contos fantásticos de outros lugares e outros tempos”, do autor Roberto Fiori:

Sinopse: Contos instigantes, com o poder de tele transporte às mais remotas fronteiras de nosso Universo e diferentes dimensões.
Assim é “Futuro! – contos fantásticos de outros lugares e outros tempos”, uma celebração à humanidade, uma raça que, através de suas conquistas, demonstra que deseja tudo, menos permanecer parada no tempo e espaço.

Dizem que duas pessoas podem fazer a diferença, quando no espaço e na Terra parece não haver mais nenhuma esperança de paz. Histórias de conquistas e derrotas fenomenais. Do avanço inexorável de uma raça exótica que jamais será derrotada... Ou a fantasia que conta a chegada de um povo que, em tempos remotos, ameaçou o Homem e tinha tudo para destruí-lo. Esses são relatos dos tempos em que o futuro do Homem se dispunha em um xadrez interplanetário, onde Marte era uma potência econômica e militar, e a Terra, um mero aprendiz neste jogo de vida e morte... Ou, em outro mundo, permanece o aviso de que um dia o sistema solar não mais existirá, morte e destruição esperando pelos habitantes da Terra.
Através desta obra, será impossível o leitor não lembrar de quando o ser humano enviou o primeiro satélite artificial para a órbita — o Sputnik —, o primeiro cosmonauta a orbitar a Terra — Yuri Alekseievitch Gagarin — e deu-se o primeiro pouso do Homem na Lua, na missão Apollo 11.
O livro traz à tona feitos gloriosos da Humanidade, que conseguirá tudo o que almeja, se o destino e os deuses permitirem. 

Para adquirir o livro:
Diretamente com o autor: spbras2000@gmail.com
Livro Impresso:
Na editora, pelo link: Clique aqui.
No site da Submarino: Clique aqui.
No site das americanas.com: Clique aqui.

E-book:
Pelo site da Saraiva: Clique aqui.
Pelo site da Amazon: Clique aqui.
Compartilhe:

sexta-feira, 26 de janeiro de 2018

O universo lovecraftiano é revisitado pela Argonautas Editora em "Herdeiros de Dagon"

Sinopse: Depois do sucesso de Ascensão de Cthulhu, o universo lovecraftiano é revisitado pela Argonautas Editora. Em Herdeiros de Dagon, a imaginação de H. P. Lovecraft é expandida sob a ótica de talentosos autores. Seus personagens percorrem cenários sombrios, de atmosfera lúgubre, deparando-se com horrores inomináveis, a degeneração e a loucura inevitável. Leia este tomo se tiver coragem, incauto leitor!

Autores: Gustavo Melo Czekster, Mariana Portella, Duda Falcão, Guilherme da Silva Braga, Marcelo Augusto Galvão, Andrio Santos, A. S. Franskowiak, José Francisco Botelho, Carlos Ferreira e Carlos Silva. Prefácio: Daniel Dutra

Editora: Argonautas / Brochura 12×18 cm / Número de páginas: 116

HERDEIROS DE DAGON
R$ 25,00 – Com o envio incluído! Encomende o seu! argonautaseditora@gmail.com
Site: https://argonautaseditora.wordpress.com
Compartilhe:

sexta-feira, 19 de maio de 2017

Conheça o livro Guerras Cthulhu

Há uma guerra sendo travada nos bastidores da humanidade. Conheça essas histórias em contos inspirados em Lovecraft.


Para adquirir:
Guerras Cthulhu, na Amazon: http://amzn.to/2rt4lPh


Compartilhe:

quinta-feira, 6 de outubro de 2016

10 antologias de terror nacionais para ler no Halloween


Finalmente chegou outra vez o mês do Halloween, pessoal! E junto com o Halloween, agora temos outra data especial neste mês: AllHallow’sRead, o feriado, criado pelo Neil Gaiman, cujo propósito é ler e dar de presente livros de terror para aproveitar o clima de Halloween com literatura. (Veja aqui o próprio Gaiman explicando o AllHallow’sRead)
Porém, como já são indicados com frequência os clássicos de terror internacionais, desta vez a lista de indicações de leituras para o Halloween não vai ser com clássicos, mas com contemporâneos. Para ser mais específico, contemporâneos nacionais. Porque, sim, há muita coisa boa no cenário nacional atual de terror que vale a pena conhecer.
Algo que vem crescendo nos últimos anos no mercado literário nacional é a publicação de antologias de todos os estilos, desde poesia, contos policiais, crônicas, eas que compõem esta lista que são as de contos de terror.E apenas a classificação de antologias de terror já abrange muita coisa, pois aqui veremos antologias em homenagem a autores consagrados como Edgar Allan Poe, Stephen King e Lovecraft, antologias com temas sobre vampiros, fantasmas, zumbis e até mesmo contos de fadas mais sangrentos, além de uma antologia com contos de um só autor nacional que lançou no ano passado um livro com diversos de seus contos – e que, aliás, é o primeiro da lista:
  1. Mausoléu – Duda Falcão
            Esta antologia, com uma capa ilustrada em um estilo que lembra aqueles quadrinhos antigos de terror e um design muito bem elaborado (todas as páginas têm a ilustração de um morcego que voa quando você folheia o livro!) traz diversos contos do escritor Duda Falcão, o qual conheci através de publicações nas antologias Poe 200 anos e Autores fantásticos. Os contos variam entre várias áreas do terror, como já diz na capa, trazendo desde lobisomens, zumbis, fantasmas até outras criaturas.
Porém, o que mais me chamou atenção neste livro não foi a presença de seres sobrenaturais nas narrativas, mas as diversas e bem utilizadas referências à literatura clássica de terror. Recomendo principalmente a leitura dos contos “Relíquia”, “A Pena do Corvo”, “Museu do terror”, e “Humanos, monstros e máquinas”: nos dois primeiros vemos referências a Edgar Allan Poe, um contando sobre o gato preto e outro sobre um narrador mais do que obcecado com Poe – um conto que vale a pena do corvo ler e reler. Em “Museu do Terror” vemos um cenário fantástico onde há peças retiradas de diversas obras da ficção, o que torna esta narrativa uma incrível obra de meta-ficção, e no último dos contos mencionados, que é o último conto do livro, vemos ninguém mais ninguém menos do que Mary Shelley, Percy Shelley, Byron, Polidori e o Doutor Frankenstein como os protagonistas. Claro que há outros contos muito bons neste livro, mas a leitura destes citados acima já é um bom começo para o mês do Halloween – ou qualquer outro mês do ano.
  1. Poe 200 anos - Ademir Pascale e Maurício Montenegro (org)
Uma das obras mais cativantes desta lista, esta antologia, organizada por Ademir Pascale e Maurício Montenegro, é uma homenagem a Edgar Allan Poe, a qual traz ótimos contos de diversos escritores inspirados na obra de Poe. Já fiz uma resenha deste livro anteriormente, analisando conto por conto aqui. É incrível como os autores, cada um com seu estilo próprio, conseguiram captar a atmosfera de Poe, incluindo narradores perturbados e obsessivos, ou narrativas mais fantásticas onde elementos de contos do autor americano surgem de maneira quase surreal. Enfim, uma leitura essencial para fãs de terror e/ou de Poe –e perfeita para a época do Halloween.
  1. Nevermore - Ademir Pascale (org)

Depois de Poe 200 anos, um dos organizadores da primeira antologia, Ademir Pascale, organizou outra antologia em homenagem a Poe, esta chamada Nevermore. Com uma edição muito bonita, de capa dura e um design bem elaborado, esta antologia contém menos contos do que a anterior, mas narrativas de ótima qualidade e muito interessantes para fãs do autor, as quais, assim como na antologia anterior, trazem referências a contos de Poe, algumas de forma mais direta, como “A Maldita Casa dos Usher”, e outras de forma mais indireta, como “O Olho da Gárgula”.
  1. Ascensão de Cthulhu                                                          
            Já é clássico ver escritores de terror se aventurando no misterioso universo de Lovecraft, criando novas versões e eventos em torno da mitologia do famoso Cthulhu – e não tinha como ser diferente no cenário da literatura de terror nacional. Neste livro, sete grandes autores contam eventos relacionados ao universo de Lovecraft, cada um com seu estilo narrativo, mas ainda remetendo à atmosfera de um dos grandes mestres do terror, que já influenciou e continuar a influenciar muitos autores talentosos.
  1. The King
Ok, depois de uma antologia em homenagem a Lovecraft, duas em homenagem a Poe, quem mais faltava homenagear? O rei do terror moderno, é claro, Stephen King! Esta antologia, lançada em dois volumes, contém um total de quarenta e quatro contos, nos quais diversos autores narram eventos contendo situações inexplicáveis ou obscuras a ocorrer em situações cotidianas, no estilo do King.
  1. Horas Sombrias - Alfer Medeiros (org)
Com mais de 500 páginas, esta antologia traz 96 contos curtos – de em média uma a sete páginas cada conto – perfeito para quem não tem muito tempo para ler romances inteiros ou contos maiores e quer doses rápidas de terror. Ou mesmo para quem quer ler diversas histórias sombrias e sangrentas em sequência, sem se demorar muito em nenhuma delas.
Este livro traz terror dos mais variados estilos, desde narrativas cheias de sangue, terror mais psicológico, suspense e narradores perturbados e obsessivos,cujas mentes vêem o normal no que se costuma considerar pérfido e doentio.
  1. Necrópole – Histórias de Vampiros
Essa antologia, lançada em 2005, é o primeiro volume da coleção deterror chamada Necrópole. O livro foi idealizado e escrito por cinco jovens escritores, Alexandre Heredia, Camila Fernandes, Gianpaolo Celli, Giorgio Cappelli e Richard Diegues, no NecroZine, um periódico de contos de terror, através do qual os cinco publicavam seus trabalhos em eventos culturais. Esta antologia traz 5 contos, um de cada autor, todos eles com o tema de vampiros.
Dentre todas as antologias desta lista, esta é a com menos contos, porém, seus contos são mais longos, tendo em média 20 a 30 páginas cada um, além de uma breve sinopse antecedendo-os. As histórias têm abordagens de vampiros no mundo contemporâneo e misturam realidade e ficção, trazendo-nos uma realidade onde as criaturas da noite andam por entre os humanos – e não só como fantasias no Halloween.
  1. Necrópole – Histórias de Fantasmas

            Para quem já leu o volume sobre vampiros ou se interessou pela coleção Necrópole, este é o segundo volume que, assim como o anterior, contém contos dos mesmos cinco autores do primeiro livro e mais dois e outros escritores, porém desta vez sobre fantasmas – o tema preferido de escritores como Dickens, Henry James, e muitos outros autores de obras clássicas de terror.  A mesma coleção também inclui um terceiro volume sobre bruxas, “Necrópole – Volume III: Histórias de Bruxaria”.
  1. Histórias envenenadas – Contos de fadas de terror
            Certo que ler os contos de fadas originais, não as versões que muitos conhecem hoje em dia, já pode ser uma leitura bem sombria para o Halloween. Entretanto, nesta antologia você encontra trinta narrativas que trazem releituras macabras de contos de fadas tradicionais, misturas de mais de um conto de fada em um só texto, em estilo Once upon a time, mas com um toque de terror e suspense, e até contos com histórias originais, isto é, sem serem baseadas em contos de fadas antigos, mas ainda no clima de contos de fadas.
Esta antologia agradou tanto ao público que teve um volume dois, onde há releituras de histórias como A Bela Adormecida, João e Maria e até uma Cinderela versão vampira. Perfeito pra quem gosta de contos de fadas e terror.
  1. Zumbis – Quem disse que eles estão mortos?
Uma das primeiras antologias nacionais a reunir contos de zumbis, este livro lançado em 2010 é frequentemente indicado quando o assunto é livros nacionais de zumbis – um tópico que, no cenário nacional, se tornou mais frequente de alguns anos para cá. Organizada por Ademir Pascale, o mesmo organizador de Poe 200 anos e Nevermore, esta antologia traz contos de diversos autores com distintas abordagens do tema de zumbis, construindo climas de suspense, terror e ação. Uma boa leitura para outubro, não?
Extra: Entre contos– desafios de fantasmas, cemitérios e bruxas
Além de publicações de contos de terror em antologias, o site Entre contos, onde todo mês há um desafio com um tema diferente, tem algumas seções bem interessantes para ler no Halloween, que foram temas de alguns dos mais disputados desafios do site. Como esses desafios já acabaram, vocês podem ler qualquer um dos contos concorrentes e ver quais foram os contos vencedores.
E é isso aí, essas são as dicas de leituras para o All Hallow’s Read deste ano. Então, acha que faltou alguma antologia de terror nessa lista? Conhece mais algum site interessante com mais contos de terror atuais para ler no Halloween? Comente e deixe suas indicações. E boas leituras!

Publicado originalmente em Literatortura.
Compartilhe:

Baixe a Revista (Clique Sobre a Capa)

baixar

E-mail: ademirpascale@gmail.com

>> Para Divulgação Literária: Clique aqui

Curta Nossa Fanpage

Siga Conexão Literatura Nas Redes Sociais:

Receba nossas novidades por e-mail (você receberá um email. Basta confirmar ):

Posts mais acessados da semana

Anuncie e Divulgue Conosco

CLUBE DO LIVRO UNIÃO

LIVRO: O CLUBE DE LEITURA DE EDGAR ALLAN POE

LIVRO DESTAQUE

FUTURO! - ROBERTO FIORI

SROMERO PUBLISHER

Leitores que passaram por aqui

Labels