Livros que foram rejeitados pelas editoras - 15 motivos para você autor(a) continuar tentando

Tirando os youtubers famosos, a maioria dos escritores já tiveram seus livros rejeitados por algumas (ou inúmeras) editoras. Eu també...

Mostrando postagens com marcador Marina Bueno Cardoso. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Marina Bueno Cardoso. Mostrar todas as postagens

terça-feira, 21 de agosto de 2018

"Descansar do mundo": Crônicas que reverenciam a cidade e suas diferenças


A jornalista Marina Bueno Cardoso lança pela Editora Penalux, no próximo dia 24 de setembro, seu segundo livro de crônicas com o sugestivo título “Descansar do Mundo”. O evento será no Bar Balcão, em São Paulo, a partir das 19hs.
O título da publicação parece nos fazer um convite ao distanciamento das despreocupações com a turbulência mundial e condição esquizofrênica do país na atualidade. Mas não é bem isso.  A proposta da cronista é que os leitores mergulhem no dia-a-dia da urbe e confrontem-se com as diferenças, encantos, injustiças, curiosidades, impaciência, sonhos, gentilezas, misérias, vitórias, ironias, espantos e tudo o mais que permeia a vida de quem mora na capital paulista. Suas crônicas sintetizam os muitos universos de SP e a necessidade de desprender-se momentaneamente das agruras e frenesi cotidiano, sugerida pelo título, revela-se por inteiro numa delas.
Com cuidadosa edição e ilustração de capa de tela de Gregório Gruber, “Descansar do Mundo” traz uma variedade de temas e abordagens, como ressalta o escritor e professor universitário João Anzanello Carascozza que assina o texto da orelha: “O livro abre com a primeira experiência da autora ante as tradições judaicas e finaliza com a dolorida narrativa da morte de sua mãe – e, entre essas duas margens, proporciona-nos numerosas experiências de fruição literária, oferecendo uma multiplicidade de temas e de tipos humanos que florescem na metrópole”.
É o jornalista, biógrafo e também cronista Ruy Castro quem escreve na quarta capa do livro: “Ao ler as crônicas de Marina Bueno Cardoso, sinto-me estranhamente à vontade dentro delas – em família com suas palavras, seu ritmo, seu universo. Crônica é conversa fiada e gosto de suas histórias e do jeito que ela conta. Marina é coisa rara, uma cronista paulistana. Como uma cronista que se preza, ela mete os pés pelas mãos – ou seja, sai a pé por São Paulo e nos traz seus personagens, cheiros, cores. Ou, como ela própria diria, coisa (s) da cidade que tem voz própria, calor entre as pessoas e onde tudo é possível, até o impossível.”

A autora circula pelo perímetro dos Jardins, Pinheiros, Vila Madelena, Santo Amaro, Brooklin e, apesar de estar nessas ilhas prósperas da cidade, dá voz a todas as tribos. Nenhuma delas passa ao largo da sua observação. Com olhar e ouvidos atentos, ela capta a emoção de personagens tão interessantes quanto diversos: ambulantes que fazem show de acrobacia nos faróis; profissionais low profile; o garagista que “arranha” no francês; os pernetas pedintes que não perderam seus sonhos.  Esses e outros tantos anônimos e famosos que dão vida à cidade têm lugar em seus textos.
“Também avulta dessa obra o apelo à memória que recupera preciosidades do passado (a história da pichação Cão Fila K26; o lanche na Vienense) e as atualiza com o conhecimento de hoje - outra qualidade rara na crônica tradicional, quase sempre enraizada no tempo presente”, ressalta Carrascoza, enfatizando: “Descansar do Mundo resulta, por sua pluralidade, num livro singular de crônicas.”


Livro: “DESCANSAR DO MUNDO”
Autora: Marina Bueno Cardoso
Gênero: CRÔNICAS – Editora Penalux
 140 PÁGS – ILUSTRAÇÃO DE CAPA DE TELA DE GREGÓRIO GRUBER
Lançamento: dia 24 de setembro (segunda-feira),
a partir das 19h, no Bar Balcão.

Rua Dr. Mello Alves, 150 - SP
Preço: R$ 38,00
Site: www.editorapenalux.com.br/loja

Trajetória
Marina Bueno Cardoso começou sua trajetória pela crônica como colaboradora do extinto Jornal da Tarde, do grupo O Estado de São Paulo, entre 1993 e 1995. Num longo intermezzo, dedicou-se à carreira profissional em Comunicação Corporativa e atuoucomo colaboradoraem revistas da Editora Abril e no suplemento Casa & Cia na Folha de São Paulo.  Em 2008 voltou a escrever crônica e a partir daí participou de oficinas literárias com escritores distintos como Marcelino Freire, Fabrício Carpinejar, Anna Rüshe, Noemi Jaffe e mais recentemente com Ronaldo Bressane.
 “Petit-Fours na Cracolândia”, seu primeiro livro, foi lançado pela Editora Patuá com Prefácio de Ignácio de Loyola Brandão, em 2015. Marina recebeu o Prêmio Paulo Setúbal com a crônica que deu título a publicação. Posteriormente, foi convidada por Maurício Machado, head do portal saopaulosao.com.br, a escrever crônicas quinzenais, replicadas pelo portal literário musarara.com.br, sob a batuta de Edson Cruz.   
 “Entre Perucas e Solidéus”, crônica que abre o livro “Descansar do Mundo” foi publicada nos portais mencionados e premiada pela Associação de Letras de São Joaquim da Boa Vista.
Compartilhe:

Baixe a Revista (Clique Sobre a Capa)

baixar

E-mail: ademirpascale@gmail.com

>> Para Divulgação Literária: Clique aqui

Curta Nossa Fanpage

Siga Conexão Literatura Nas Redes Sociais:

Posts mais acessados da semana

PARCEIRA AMAZON:

ANTOLOGIAS LITERÁRIAS

CONHEÇA A REVISTA PROJETO AUTOESTIMA

CONHEÇA A REVISTA PROJETO AUTOESTIMA
clique sobre a capa

LIVRO: O CLUBE DE LEITURA DE EDGAR ALLAN POE

LIVRO DESTAQUE

FUTURO! - ROBERTO FIORI

Leitores que passaram por aqui

Labels