Autor(a) divulgue o seu livro, conheça o Pacote Divulgação Para Autores

Autor(a), saiba como divulgar o seu livro conosco, acesse: http://www.revistaconexaoliteratura.com.br/2020/09/autora-divulgue-o-seu-livro-co...

Mostrando postagens com marcador Moçambique. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Moçambique. Mostrar todas as postagens

sexta-feira, 15 de março de 2019

Editora Malê lança Do Índico e do Atlântico, coletânea que reúne quatorze contos de escritores moçambicanos e brasileiros

Conceição Evaristo - Foto divulgação
Mia Couto, Conceição Evaristo, João Anzanello Carrascoza, Miguel Sanches Neto, Lília Momplé, Marcelo Moutinho e Eliana Alves Cruz participam da obra.

A Editora Malê lança no dia 26 de março, às 19 horas, na Livraria Leonardo da Vinci, localizada no Rio de Janeiro, a coletânea Do Índico e do Atlântico: contos brasileiros e moçambicanos.  Publicado simultaneamente em Moçambique, pela Editorial Fundza, o livro tem como objetivo a divulgação da literatura contemporânea brasileira em Moçambique e da literatura contemporânea moçambicana no Brasil.  A obra foi organizada pelo editor da Malê, Vagner Amaro, e contou com a colaboração do escritor moçambicano Dany Wambire na seleção dos escritores moçambicanos.   Do Índico e do Atlântico reúne contos brasileiros de Conceição Evaristo, Marcelo Moutinho, João Anzanello Carrascoza, Rafael Gallo, Eliana Alves Cruz, Cristiane Sobral e Miguel Sanches Neto e contos moçambicanos de Mia Couto, Lilia Momplé, Alex Dau, Diogo Araújo Vaz, Dany Wambire, Carlos dos Santos e Daniel da Costa.  Durante o lançamento haverá uma roda de conversas com Marcelo Moutinho, Eliana Alves Cruz e o escritor moçambicano Alex Dau, sobre os contos do livro e a literatura brasileira e moçambicana.
 
Serviço:
Lançamento de Do Índico e do Atlântico: contos brasileiros e moçambicanos
Data: 26/03
Horário: 19h
Local: Livraria Leonardo da Vinci. Marquês do Herval - Av. Rio Branco, 185 - Centro, Rio de Janeiro.
Contato: imprensa@editoramale.com.br

Título: Do Índico e do Atlântico: contos brasileiros e moçambicanos
Organização: Vagner Amaro
Autores: Conceição Evaristo, Marcelo Moutinho, João Anzanello Carrascoza, Rafael Gallo, Eliana Alves Cruz, Cristiane Sobral e Miguel Sanches Neto; Mia Couto, Lilia Momplé, Alex Dau, Diogo Araújo Vaz, Dany Wambire, Carlos dos Santos e Daniel da Costa.
Assunto: Literatura brasileira - contos; Literatura moçambicana - contos.
Páginas: 139
ISBN: 978-859-2736-38-5
Compartilhe:

quarta-feira, 25 de abril de 2018

Com livro de contos inédito, moçambicano Dany Wambire retorna ao Flipoços

Dany Wambire - Foto divulgação
 Autor afirma que escreveu livro inédito como um presente ao festival literário

 "Meu novo livro é um presente ao Flipoços, porque o festival mudou a minha vida". Essa é a fala do jornalista e escritor moçambicano Dany Wambire, que retorna à 13ª edição do Festival Literário de Poços de Caldas, o Flipoços e lança o livro inédito "A mulher sobressalente", pela Editora Malê.

No dia 01 de maio às 16h30 ele participa da mesa "Escrever em Moçambique: onde se buscam as matérias-primas do escritor", ao lado também escritor de Moçambique, Manuel Mutimucuio.

A obra de contos a ser lançada em Poços de Caldas traz personagens que são homens e mulheres com destinos malfadados, obrigando o leitor a rememorar uma sociedade que oscila entre o passado e o futuro, deixando-o com um nó na garganta a cada desfecho das narrativas.

O conto que dá título ao livro traz como personagem a  Quinita, que foi abusada sexualmente pelo cunhado, com a anuência da família, inclusive da própria irmã, até que engravidasse e desse à luz um menino. O destino de Quinita, desse modo, tinha sido programado para servir como moeda de troca ao corrigir o passado do pai endividado pelo vício da bebida e da irmã que só paria meninas, ou seja, pagar dívidas contraídas pelo pai e salvar o casamento da irmã.

As histórias de Wambire, portanto, não são apenas singulares. São histórias que nos remetem para um mundo que parece inverosímil. Mas que não o é. Daí a importância da literatura que produz.

Já no dia 05 de maio, o autor  participa da homenagem ao Dia da Língua Portuguesa, em um bate-papo com  os autores João Pinto Coelho (Portugal), Manuel Mutimucuio (Moçambique) e Andrea Del Fuego (Brasil). A mediação será da professora e escritora Susana Ventura.

Esta é a segunda vez que o autor vem ao Flipoços. Em 2017 ele foi um dos membros da comitiva de autores moçambicanos e passou os nove dias do festival em Poços de Caldas, onde lançou o livro "A adubada fecundidade e outros contos", participou de debates e oficinas, inclusive com estudantes da zona rural do município.

"Estou feliz por participar desta grade festa que é o Flipoços. Um evento literário que me marca por ter sido minha porta para o Brasil e também por ser multicultural e multirracial. O meu novo livro é um presente que dou ao festival, por ter mudado um pouco a minha pessoa sem que eu saiba dizer como, mas depois de ter estado em Poços de Caldas em 2017, decidi escrever este livro e retornar para lança-lo com exclusividade", declarou o autor.

Para a curadora do Flipoços, Gisele Corrêa Ferreira, receber o autor novamente é uma honra para o festival. "Em 2017 tivemos essa parceria com os autores moçambicanos e foi um grande sucesso. Temos grande apreço por manter a língua portuguesa viva e fazer este intercâmbio. Estou muito contente em receber a obra que o Dany fez também como uma homenagem e um presente a nós. É gratificante saber que o Flipoços tem este papel na vida das pessoas", pontuou.

Sobre o autor

Dany Wambire tem 28 anos e é natural da província de Manica, centro de Moçambique. Tem dezenas de textos publicados na imprensa de Moçambique e em inúmeras antologias, no Brasil e em Portugal.  É mestre em Comunicação e Licenciado em Ensino de História. Dany Wambire atualmente é professor na Beira. O escritor coordena também na Associação Literária Kulemba e dirige a revista SOLETRAS.

"A adubada fecundidade e outros contos", seu livro de estreia, foi distinguido com menção honrosa no Prémio Internacional José Luís Peixoto (2013). "O curandeiro contratado pelo meu edil", colectânea de crónicas, é a sua segunda obra publicada. A terceira é infanto-juvenil e intitula-se "Quem manda na selva".

O Flipoços
O Flipoços 2018 e a 13ª Feira Nacional do Livro de Poços de Caldas são realizados pela GSC Eventos Especiais e acontecem de 28 de abril a 06 de maio no Espaço Cultural da Urca. O Flipoços 2018 conta com o patrocínio do DME, BDMG Cultural, Codemge,Pólen um produto Suzano, Climepe, Fibrax, e Prefeitura de Poços de Caldas. Parceiro Cultural Sesc Minas, Instituto Camões, Editoras Sextante, Dublinense, Malê, Faro Editorial, Aletria, Leya, Trilha Educacional, Edições Sesc São Paulo. A programação oficial do Flipoços 2018 está no ar pelo site www.flipocos.com Agendamentos podem ser feitos com Maíra pelo coordenacao@gsceventos.com.br ou pelo telefone (35) 3697 1551. 
Compartilhe:

Baixe a Revista (Clique Sobre a Capa)

baixar

E-mail: ademirpascale@gmail.com

>> Para Divulgação Literária: Clique aqui

Curta Nossa Fanpage

Siga Conexão Literatura Nas Redes Sociais:

Posts mais acessados da semana

CONHEÇA A REVISTA PROJETO AUTOESTIMA

CONHEÇA A REVISTA PROJETO AUTOESTIMA
clique sobre a capa

DO INCISIVO AO CANINO - BERT JR.

MAFRA EDITIONS

ANTOLOGIAS LITERÁRIAS

LIVRO: O CLUBE DE LEITURA DE EDGAR ALLAN POE

DIVULGUE O SEU LIVRO

FUTURO! - ROBERTO FIORI

Leitores que passaram por aqui

Labels