Livros que foram rejeitados pelas editoras - 15 motivos para você autor(a) continuar tentando

Tirando os youtubers famosos, a maioria dos escritores já tiveram seus livros rejeitados por algumas (ou inúmeras) editoras. Eu també...

Mostrando postagens com marcador PIRENÓPOLIS. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador PIRENÓPOLIS. Mostrar todas as postagens

segunda-feira, 20 de setembro de 2021

FLIPIRI 2021 - PIRENÓPOLIS/GO, DIAS 23, 24 E 25 DE SETEMBRO. ENTRADA FRANCA

 


PIRENÓPOLIS/GO, DIAS 23, 24 E 25 DE SETEMBRO. ENTRADA FRANCA.

 Festa Literária de Pirenópolis realiza edição híbrida com palestra     de Rossandro Klinjey, show de Toquinho, lançamentos de livros, oficinas, teatro e muito mais

 

*Atividades se estenderão por vários pontos da cidade, de escolas à Praça da Matriz 

*Encontro de Ilustradores vai reunir André Cerino, Romont Willy e Sérgio Pompeo 

*Oficinas para alunos, pais, professores e público em geral

 

Como um sopro de esperança diante da pandemia que assola a sociedade, a 11a FLIPIRI – Festa Literária de Pirenópolis volta a ser realizada em formato híbrido, com ações presenciais e virtuais, com o objetivo de propor a superação do difícil momento da humanidade por meio da literatura, sob o lema “E o mundo não acabou”. Durante três dias, de 23 a 25 de setembro, a cidade goiana de Pirenópolis, ou Piri para os habitués, recebe mais de 80 atividades gratuitas, entre lançamentos de livros, oficinas, debates, conversas, saraus e apresentações musicais e teatrais, que reafirmam o vigor e a necessidade da arte para os novos tempos.

 

A escolha do tema condutor da Flipiri deste ano busca promover uma reflexão sobre o momento atual da produção artística e das novas formas de convívio social. “É um título provocativo, para refletir sobre o papel da literatura nesse momento”, sugere o escritor e curador da festa, Maurício Melo Junior. “O artista não ficou parado nesta pandemia. Muita gente se dedicou a escrever e a criar novos mecanismos de veiculação. Não podemos fazer tudo o que sonhamos, mas estamos, mais uma vez, trazendo um instante precioso para Pirenópolis. Serão palestras, oficinas, livros, contações de histórias, teatro, música, tudo de bom que uma festa literária tem a oferecer”, resume. 

 

A Flipiri promoverá lançamentos de vários livros de autoras e autores de várias localidades, e das mais variadas vertentes, desde literatura infantil a musicalidade, com destaque especial à promoção das riquezas da região. Entre os convidados nacionais para o evento, estão o renomado escritor, psicólogo e professor Rossandro Klinjey, que apresentará a palestra-tema do evento “E o mundo não acabou”, e o cantor e compositor Toquinho, com um show de voz e violão em homenagem a Vinicius de Moraes.

 

Além disso, a Flipiri reafirma seu compromisso com a sensibilização de novos públicos, conforme diz o prefeito de Pirenópolis, Nivaldo Melo: “Através das atividades estamos construindo uma rede literária oportunizando o acesso ao livro e à vivência com autores por meio de oficinas de formação e estímulo a leitura”. A décima primeira edição do evento será realizada de forma híbrida, com atividades presenciais e on-line, como forma de democratizar ainda mais a participação estudantil.

 

No dia 23 de setembro haverá itinerância virtual nas escolas da cidade – e presencial para as escolas rurais. A Flipiri alcançará, deste modo, mais de 5 mil crianças e jovens, como parte do esforço de sensibilização de novos públicos. “Como aguardamos o retorno da nossa Flipiri. Os livros, o carisma dos autores, as oficinas com professores, as produções e recontos dos alunos. Serão dias de intensa programação e envolvimento das escolas urbanas e rurais, formando leitores e promotores da leitura", comemora a secretária de Educação do município, Márcia Aurea.

 

Com o gradual avanço da vacinação contra a Covid-19, a edição presencial da Flipiri se faz possível, mas não abre mão de um controle de acesso reforçado ao evento, observando rigorosamente as regras sanitárias vigentes de prevenção à doença pandêmica. Deste modo, a ocupação de lugares será restrita dentro do permitido pela legislação local com relação ao número de pessoas, haverá medição de temperatura e será disponibilizado álcool em gel em todos os locais onde acontecerão as atividades. As vagas, portanto, são limitadas e é necessário realizar inscrição prévia para participação em oficinas e palestras. Algumas atividades serão exclusivas para professores e alunos. Acompanhe no site do evento as informações sobre disponibilidade de vagas e formas de inscrição (www.flipiri.com.br).

 

A realização da FLIPIRI – Festa Literária de Pirenópolis é do Instituto Cultural Casa de Autores (ICA) e da Secretaria de Educação/Prefeitura de Pirenópolis. O evento tem co-realização do Sesc-GO, com apoio das Secretarias de Cultura de Pirenópolis, Secretarias de  Educação e de Cultura do Estado de Goiás, Academia Pirenopolina de Letras, Artes e Múscia (Aplam), Radar, Saneago e pousadas Quinta Santa Bárbara e Villaê e Vinícola Assunção.

 

HOMENAGENS POÉTICAS

 

Nesta décima primeira edição, a Flipiri homenageia os poetas Afonso Félix de Sousa (1925-2002) e Vinicius de Moraes (1913-1980), o nosso poetinha. A escolha de celebrar Afonso Félix vem de sua enorme contribuição para as letras e a ausência de um reconhecimento à altura de sua obra. “Queremos falar sobre a importância dele para a literatura brasileira”, reafirma o curador Maurício Melo.

 

Contemporâneo de João Cabral de Melo Neto e integrante da terceira geração de modernistas da literatura nacional, Félix foi um poeta multipremiado e fundador da Associação Nacional de Escritores (ANE). Para celebrá-lo, a Flipiri realiza uma roda de conversa com autores da região.

 

A homenagem a Vinicius de Moraes vem por ocasião dos 40 anos da morte do saudoso compositor e escritor carioca, completos no ano passado. “Embora ele seja conhecido como poeta da paixão, ele era o poeta da esperança também”, justifica o curador. Vinicius deixou uma contribuição inigualável para a literatura e para a música brasileira a partir de seus sonetos, poemas e canções.

 

Na noite de sexta-feira (24), durante a abertura oficial da Flipiri, as cerimonialistas Régia Diniz e Liduína Bartholo recitam poemas de ambos os homenageados. Na sequência, o cantor e compositor Toquinho apresenta o show em tributo ao seu antigo parceiro de composição e dos palcos. Poeta e violão encontram-se mais uma vez em forma de saudade para proclamar a esperança por dias melhores. No repertório, estão previstos clássicos da dupla como Canto de Ossanha, Chega de Saudade, Insensatez e Garota de Ipanema. Ambas as atividades são promovidas pelo Sesc-GO.

 

CONFERÊNCIA DE ABERTURA

 

O sentimento universal de terra arrasada deflagrada com a pandemia da Covid-19 inspirou o tema da FLIPIRI e, portanto, da conferência de abertura “E o mundo não acabou”. Para abrir o evento, a organização da festa literária convidou um dos mais proeminentes autores e educadores do desenvolvimento humano, o professor Rossandro Klinjey.

 

Klinjey é palestrante, escritor, psicólogo clínico mestre em saúde coletiva, empreendedor e educador focado no desenvolvimento de competências socioemocionais. Fenômeno nas redes sociais, reunindo mais de cem milhões visualizações de seus vídeos, o paraibano foi consultor do programa “Encontro”, com Fátima Bernardes, e é também um autor prolífico, tendo lançado obras como “As cinco faces do Perdão”, “Help: me eduque!” e “Eu escolho ser feliz”.

 

Na conferência, Rossandro abordará a questão psicossocial da nossa sociedade com vistas à superação dessa percepção apocalíptica de que o mundo estaria piorando. O professor propõe caminhos para a compreensão desse sentimento no mundo complexo de hoje. 

 

ESTÍMULO A AUTORES LOCAIS

 

Dentre os lançamentos, rodas de conversas e saraus poéticos, a Festa Literária de Pirenópolis reserva uma grande porção das atividades para estimular a produção artística local. Na tarde de sexta-feira (24), a Flipiri reúne autores estreantes da cidade, que estão lançando seus primeiros livros, dentro da Coleção Arterial. A coleção é um projeto que visa desenvolver a capacidade de escrita em jovens autores, além de propiciar o lançamento de iniciativas independentes e autorais.

 

Como parte do viés de valorização da literatura regional, a Editora Mais Amigos apresenta publicações dentro do projeto de apresentar cidades e unidades da federação ao público infanto-juvenil, principalmente estudantes dos anos iniciais do Ensino Fundamental. Durante a Flipir, serão lançados dois: “Venha conhecer Goiás”, de Dani de Brito; e “Venha conhecer Pirenópolis”, de Íris Borges, com ilustrações de Sérgio Pompeo.

 

As publicações mostram panoramas das regiões a partir de uma linguagem leve, poética e informativa. Embora seja um projeto voltado sobretudo para aborda os estados, a cidade de Pirenópolis foi contemplada por sua singularidade e pela sua relação com a editora, a autora e o ilustrador com o charmoso município goiano.

 

Iris Borges, autora mineira radicada em Brasília e apaixonada por Piri, foi a idealizadora da Flipiri, inspirada no projeto da Flip, em Paraty (RJ). E, depois, de tanto tempo pensando sobre a cidade e realizando o evento que colocou a região na rota do livro e da leitura, resolveu colocar no papel o seu amor por Pirenópolis. “Tive muito prazer em fazer esse livro e queria muito que ele fosse ilustrado por um artista local”, relata Iris, que incumbiu o artista plástico Sérgio Pompeo da missão de apresentar de modo lúdico as imagens da cidade.

 

EDUCAÇÃO E INFÂNCIA

 

Um dos traços mais característicos da Flipiri é o de contribuir com a formação de leitores e sensibilização de novos públicos. Por isso, grande parte da programação será reservada à promoção do livro e da leitura entre crianças e jovens. Desse modo, a festa realiza uma série de atividades com estudantes, que envolvem tanto programas de leitura, contação de histórias e brincadeiras lúdicas.

 

Para professores, educadores, pais e mães, também há um programa especialmente dedicado a promover novas metodologias e estratégias para se ensinar tanto em sala de aula como em casa. Será uma série de oficinas formativas temáticas, que abordam os benefícios da leitura, ensino de conhecimentos lógicos e fundamentais, métodos para contar história e demais possibilidades de aprimoramento do ensino.

 

Para o nicho infanto-juvenil também haverá lançamentos literários específicos, acompanhados de mesa de autógrafos e atividades recreativas. Dentre as atividades, estão a contação de história do livro “A menina cata-vento”, seguido de confecção de um catavento de papel; e o lançamento dos livros “No reino da mijolândia", da autora Fernanda Camargo; e "Pedroca, o professor Pipoca" do autor Alexandre Parente.

 

Além dessas atividades, haverá espetáculos teatrais para crianças, saraus literários e o já tradicional encontro de ilustradores. Confira em detalhes a programação da 11a Flipiri em www.flipiri.com.br. 

 

SERVIÇO:

11ª FLIPIRI – FESTA LITERÁRIA DE PIRENÓPOLIS

ENTRADA FRANCA

 

Data: 23 a 25 de setembro de 2021

Local: Centro Histórico de Pirenópolis

Realização: Instituto Cultural Casa de Autores e Secretaria de Educação/Prefeitura Municipal de Pirenópolis

Co-realização: Sesc-GO

Apoio: Secretaria Municipal de Cultura de Pirenópolis, Secretaria de Educação do Estado de Goiás, Secretaria de Cultura do Estado de Goiás, Academia Pirenopolina de Letras, Artes e Música (Aplam)Saneago, Radar, Villaê, Quinta Santa Bárbara e Vinícola Assunção

Apoio de divulgação: Agitapirenópolis, Visite Brasília, Rádio Meya Ponte, Rádio Atividade FM, Rede Sucesso News FM e Ciranda da Arte

Curadoria: Maurício Melo Junior

Coordenação Geral: Iris Borges

Produção: Leda Alves

Compartilhe:

Baixe a Revista (Clique Sobre a Capa)

baixar

E-mail: ademirpascale@gmail.com

>> Para Divulgação Literária: Clique aqui

Curta Nossa Fanpage

Siga Conexão Literatura Nas Redes Sociais:

Posts mais acessados da semana

PARCEIRA AMAZON:

ANTOLOGIAS LITERÁRIAS

CONHEÇA A REVISTA PROJETO AUTOESTIMA

CONHEÇA A REVISTA PROJETO AUTOESTIMA
clique sobre a capa

LIVRO: O CLUBE DE LEITURA DE EDGAR ALLAN POE

LIVRO DESTAQUE

FUTURO! - ROBERTO FIORI

Leitores que passaram por aqui

Labels