9 grupos no Facebook que todo bom leitor deve conhecer

Por Ademir Pascale Todos os dias são criados novos grupos no Facebook sobre assuntos e gostos diversos. Nós leitores e apaixonados...

Mostrando postagens com marcador Prêmio Jabuti. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Prêmio Jabuti. Mostrar todas as postagens

segunda-feira, 27 de setembro de 2021

A Câmara Brasileira do Livro confirma para o dia 25 de novembro a cerimônia do 63º Prêmio Jabuti


O número de obras inscritas na maior premiação do livro brasileiro cresceu 31% em 2021; as datas de divulgação das listas de finalistas estão definidas.

 

A cerimônia da grande referência entre as premiações do mercado editorial do Brasil está confirmada para 2021: o 63º Prêmio Jabuti acontece no dia 25 de novembro e, pelo segundo ano consecutivo, será totalmente online.

 

Nesta edição, a premiação — realizada pela Câmara Brasileira do Livro (CBL) desde 1958 — recebeu 3.422 inscrições. O total é 31% maior do que o número de obras inscritas em 2020.

 

“Ficamos muito contentes em notar que o Prêmio Jabuti, mesmo acontecendo de maneira virtual, só cresce em relevância. É o resultado de um trabalho que reconhece a potência da produção nacional, valoriza todos os elos da cadeia do livro e dá espaço para as vozes plurais que pensam o Brasil”, comenta Vitor Tavares, presidente da CBL. De acordo com Vitor, o novo formato da cerimônia de premiação trouxe ao Jabuti mais público, agilidade e um diálogo, a cada edição, mais amplo.

 

Além de ter definido a data da cerimônia de entrega das estatuetas, a CBL também destaca outros momentos determinantes: a divulgação dos dez finalistas de cada categoria acontece no dia 9 de novembro, a partir das 12h, no site https://www.premiojabuti.com.br/. Já a lista dos cinco finalistas de suas respectivas categorias será revelada no dia 16 do mesmo mês.

 

Mais sobre o 63º Prêmio Jabuti

 

Nesta edição, o editor e tradutor Marcos Marcionilo assume a curadoria da premiação. No conselho curador, juntam-se a ele especialistas e profissionais de múltiplas áreas do conhecimento: Ana Elisa Ribeiro, Bel Santos Mayer, Camile Mendrot e Luiz Gonzaga Godoi Trigo. Clique aqui para conhecer o perfil de cada um deles.

 

Em sua 63ª edição, o Prêmio Jabuti homenageia um dos mais célebres autores brasileiros: Ignacio de Loyola Brandão. Autor de 47 livros, além de inúmeras reportagens escritas no Brasil e em países como Itália e Alemanha, ele também coleciona prêmios, entre eles, cinco estatuetas do Jabuti.

 

Para Marcos Marcionilo, “termos eleito Ignacio de Loyola Brandão como Personalidade Literária lança luz sobre uma forma de criação muito própria, que não perde de vista o cotidiano em todos os seus impasses e marca a literatura ao se deixar atravessar pela história brasileira em seu anseio de se cumprir como destino, jamais como simulacro”.

 

Novos Eixos

 

Em 2021, o Prêmio reordenou o modo de organização de suas categorias. O Eixo Ensaios passa a se chamar Não Ficção. Já o Eixo Livro torna-se Produção Editorial. As categorias seguem organizadas em quatro eixos: Literatura, Não Ficção, Produção Editorial e Inovação.

 

Os(as) autores(as) vencedores(as) em cada uma das vinte categorias recebem a estatueta e o prêmio de R$5.000,00. O(a) vencedor(a) da categoria Livro no Ano será premiado(a) ainda com a estatueta e o valor de R$100.000,00. Caso a obra premiada seja uma coautoria, o prêmio em dinheiro é dividido, após a dedução dos impostos legais. Os editores das publicações premiadas são contemplados com a estatueta do Prêmio Jabuti.

 

Na categoria Livro Brasileiro Publicado no Exterior — uma parceria da CBL com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) —, há novidades da premiação para a editora nacional da obra vencedora. Além da estatueta, caso já seja filiada ao Projeto Brazilian Publishers, a editora será contemplada com uma Bolsa de Apoio à Tradução, no valor de R$5.000,00. Este montante poderá ser utilizado para traduzir uma nova obra de seu catálogo do português para qualquer outro idioma. Porém, se a editora brasileira vencedora não for associada ao projeto Brazilian Publishers, receberá a filiação completa por 12 meses.

 

Acesse o site https://www.premiojabuti.com.br/ e confira todos os detalhes da 63ª edição. 



Compartilhe:

domingo, 13 de junho de 2021

Boto cor-de-rosa seduz leitores de "No fundo do rio"


Paulo Stucchi, escritor finalista do Prêmio Jabuti 2020, cruza lenda do folclore brasileiro com fragmentos do nazismo em lançamento ambientado na Amazônia Oriental

Os leitores de Paulo Stucchi, escritor finalista do Prêmio Jabuti 2020, deixam a Alemanha nazista de A Filha do Reich e mergulham no Rio Jari para comemorar o lançamento de No fundo do rio, novo título do autor. Publicada pela Insígnia Editorial, a obra mistura a lenda do boto cor-de-rosa, cultura do folclore brasileiro, com um fragmento do Terceiro Reich localizado na Amazônia Oriental.

Prefaciado pelo autor, roteirista e músico Gustavo Rosseb, o livro transporta o leitor para os cantos sombrios do misticismo brasileiro. Os fatos históricos abrem espaço para o romance de Bruno e Cecile e a triste partida da protagonista que some misteriosamente no Rio Jari.

Dois anos depois, crente de que a mulher que amou foi levada pelo boto cor-de-rosa, Bruno retorna ao misterioso vilarejo de Guaiapis para descobrir a verdade sobre a lenda. Uma aventura pessoal que mistura caçada a um espírito lendário que mora nos rios da Amazônia, dor e vingança.

Durante a busca pela verdade na comunidade ribeirinha, o personagem se vê diante dos próprios traumas e dos mistérios escondidos no local que no passado foi um assentamento nazista. A construção da narrativa do autor aguça a curiosidade de quem se propõe a leitura: os capítulos se intercalam entre o passado e o presente, o que permite aprofundar nas dores dos personagens.

                        “Apesar de todos em Guaiapis terem ignorado meus gritos de ajuda, eu entendia Jair. Eu mesmo relutei em acreditar na crendice daquele povo sobre um ser que sai do rio e se transforma em ho­mem para levar consigo as mulheres; relutei até presenciar o que ocorrera a Cecile.
Ele a tirou de mim.”
(No fundo do rio, p. 42)

Este é o quarto livro de ficção com enredos históricos de Paulo Stucchi, que também é jornalista e psicanalistaAlém de A Filha do Reich, obra finalista do Prêmio Jabuti 2020 e ambientada na Alemanha durante a Segunda Guerra Mundial, o jornalista também é autor de O triste amor de Augusto Ramonet, que se passa no Chile de Salvador Allende durante o golpe de Estado de Pinochet, e de Menina – Mitacuña, contextualizada na Guerra do Paraguai.

Ficha técnica
Título: No fundo do rio
Autor: Paulo Stucchi
Editora: Insígnia Editorial
ISBN: 978-65-994042-6-9
Páginas: 240 páginas
Formato: 15,5 x 23 cm
Preço: R$ 44,90
Link de pré-venda: 
http://bit.ly/nofundodorio

SOBRE O AUTOR: Paulo Stucchi é jornalista e psicanalista. Formou-se em Comunicação Social pela Unesp Bauru. Especialista em Jornalismo Institucional pela PUC-SP e Mestre em Processos Comunicacionais, com ênfase em Comunicação Empresarial pela Universidade Metodista de São Paulo. Trabalhou como jornalista em revistas e jornais impressos. Divide seu tempo entre o trabalho de assessor de comunicação e sua paixão pela literatura, principalmente, romances históricos. Também é autor de Menina – Mitacuña, O Triste Amor de Augusto Ramonet, Natal sem Mamãe, A Fonte e A Filha do Reich, obra finalista do Prêmio Jabuti 2020.

Site do autor:
http://www.paulostucchi.com.br

Redes sociais:
https://www.facebook.com/escritorpaulostucchi/
https://www.instagram.com/paulostucchi/


Compartilhe:

sexta-feira, 7 de maio de 2021

Vem aí o 63º Prêmio Jabuti

 

Sempre plural e acompanhando o ritmo das transformações do mundo, a maior premiação do livro brasileiro consolida sua presença digital e seu diálogo com públicos diversos

 

Ao longo de sua história, o Prêmio Jabuti tornou-se referência entre as premiações do mercado editorial do Brasil e é um patrimônio do país. Sua relevância é resultado de um trabalho que, desde 1958, reconhece a potência da produção nacional, valoriza cada um dos elos que formam a cadeia do livro, dialoga com os seus mais diversos públicos e acompanha as mudanças da sociedade.

 

É com esse espírito que a Câmara Brasileira do Livro (CBL) anuncia os preparativos para o 63º Prêmio Jabuti, uma edição que consolida sua presença digital e fortalece sua pluralidade.

 

Nesta edição, o editor e tradutor Marcos Marcionilo assume a curadoria da premiação e traz consigo a experiência de uma trajetória de 42 anos no mercado editorial. Juntam-se a ele no conselho curador especialistas e profissionais de múltiplas áreas do conhecimento: Ana Elisa Ribeiro, Bel Santos Mayer, Camile Mendrot e Luiz Gonzaga Godoi Trigo. Clique aqui para conhecer o perfil de cada um deles.

 

“Mais uma vez, o Prêmio Jabuti nos dará um instantâneo dos dilemas e possibilidades de nosso tempo na perspectiva de quem pensa o Brasil”, ressalta Marcos Marcionilo, curador do 63º Prêmio Jabuti.

 

De acordo com Vitor Tavares, presidente da CBL, em 2021, algumas novidades fazem com que o acesso ao Jabuti seja ainda mais dinâmico. “O prêmio está cada vez mais digital, ágil e aberto ao diálogo. Dessa forma, ele consolida mudanças importantes do passado com o olhar para o presente e para o futuro, para onde as mais diversas comunidades do livro se encontram”, complementa.

 

 

Confira o que muda em 2021

 

O ambiente das inscrições passa a ser o Portal de Serviços da CBL. Autores(as) e editores(as) que já possuem cadastro podem efetuar o login com o usuário preexistente, ou adicionar um novo, e selecionar “Prêmio Jabuti”. Já os novos usuários precisarão efetuar um cadastro, criar um login e uma senha antes de selecionar “Prêmio Jabuti” e dar sequência à inscrição. O prazo para participar será de 6 de maio, a partir das 12h, até as 18h do dia 1º de julho de 2021 (horário de Brasília). 

 

Pelo quinto ano consecutivo, os valores das inscrições não foram alterados. E, excepcionalmente em 2021, haverá um desconto de 10% para todas as inscrições realizadas nos primeiros 30 dias, das 12h do dia 6 de maio até as 23h59 do dia 4 de junho de 2021 (horário de Brasília). A promoção é válida para todos os participantes, autores(as) independentes, editoras, editores, associados e não associados da CBL, e também para todos os tipos de inscrição, obra individual ou coleção.

 

“Cada uma das mudanças promove mais amplo acesso ao maior prêmio do livro do brasileiro. Usar a plataforma da CBL acelera o processo das inscrições de todos os que já solicitaram o ISBN, ficha catalográfica ou outro serviço, já que todas as informações ficam disponíveis em um único lugar e nos perfis de cada usuário. E a decisão de manter o mesmo valor de inscrição e oferecer o desconto são uma forma de ajudar ainda mais todos os profissionais do livro diante das dificuldades enfrentadas pelo setor”, destaca Vitor Tavares, presidente da CBL.

 

Categorias e vencedores(as)

Em 2021, o Eixo Ensaios passa a se chamar Eixo Não Ficção, e o Eixo Livro torna-se Eixo Produção Editorial. Dessa maneira, as categorias do 63º Prêmio Jabuti ficam organizadas nos 4 eixos: Literatura, Não Ficção, Produção Editorial e Inovação.

 

Os(as) autores(as) vencedores(as) de cada categoria recebem a estatueta e o prêmio de R$5.000,00. O(a) vencedor(a) da categoria Livro no Ano será premiado(a) com a estatueta e o valor de R$100.000,00. Caso a obra premiada seja uma coautoria, o prêmio em dinheiro é dividido, após a dedução dos impostos legais. Os editores das publicações premiadas são contemplados com a estatueta do Prêmio Jabuti.

 

Na categoria Livro Brasileiro Publicado no Exterior — uma parceria da CBL com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) —, há novas formas de premiação para a editora nacional da obra vencedora. Além da estatueta, caso já seja filiada ao Projeto Brazilian Publishers, a editora será contemplada com uma Bolsa de Apoio à Tradução, no valor de R$5.000,00. Este montante poderá ser utilizado para traduzir uma nova obra de seu catálogo do português para qualquer outro idioma. Caso ainda não faça parte do BP, a editora brasileira premiada será contemplada com um ano de participação integral no projeto que promove a literatura brasileira no mercado internacional. Conheça todas as iniciativas do Brazilian Publishers clicando aqui.

 

“Essas mudanças reafirmam o interesse constante do Prêmio Jabuti em encarar os desafios postos aos produtores e mediadores de cultura: além de premiar, é preciso impulsionar e ampliar a participação e a inclusão do máximo de agentes culturais. A hora é de insistir na cultura democrática como direito e como caminho”, afirma Marcos Marcionilo.

 

Consulta pública de jurados

Mais uma vez, o público poderá autoindicar ou recomendar nomes para a composição do júri do Prêmio Jabuti, por meio da consulta pública que será de 06 de maio de 2021 a 06 de junho de 2021. Basta preencher o formulário disponível no site www.premiojabuti.com.br. Os indicados são verificados e validados pelo Conselho Curador, que também é responsável por selecionar profissionais de todo o país para complementar o júri.

 

Personalidade Literária

A cada ano, o Prêmio Jabuti celebra as figuras fundamentais da arte e do pensamento em um país ávido por inclusão e representatividade. Em 2021, Ignácio de Loyola Brandão receberá a homenagem. Em sua bagagem, um dos mais célebres autores brasileiros carrega muitas histórias, 47 livros, além de inúmeras reportagens escritas no Brasil e em países como Itália e Alemanha. Ele também coleciona prêmios, entre eles, cinco estatuetas do Jabuti.

 

“É uma honra celebrar a vida e a obra de um autor que, em suas mais diversas formas de escrita, retrata tão bem o Brasil e toda a sua complexidade. Através de sua literatura abrangente, ele sempre nos convida a refletir sobre temas essenciais e que definem o nosso país”, ressalta Vitor Tavares, presidente da CBL.

 

“A reação de Ignácio de Loyola Brandão ao convite para ser nossa Personalidade Literária em 2021 foi emocionada e comovente. Sua presença e sua história em nossa cena literária justificam a escolha por se tratar de um autor o tempo todo atento a pensar literariamente o que foi, o que é e o que deve ser o Brasil. Sua obra acende em seus leitores e leitoras a chama de uma esperança crítica”, nos conta Marcos Marcionilo.

 

Acesse o site premiojabuti.com.br e confira todos os detalhes da 63ª edição.

Compartilhe:

segunda-feira, 16 de dezembro de 2019

Livros vencedores do Jabuti são opções para presentear crianças e jovens


'A AVÓ AMARELA' E 'HISTÓRIAS GUARDADAS PELO RIO' LEVARAM O PRÊMIO, RESPECTIVAMENTE, NAS CATEGORIAS INFANTIL E JUVENIL

Quem procura opções de presentes na época de festas pode se inspirar nos vencedores do Prêmio Jabuti 2019, que selecionou o melhor da produção editorial brasileira do ano passado. Para as crianças, a opção é “A Avó Amarela” (Editora Ôzé), que ganhou na categoria infantil. Já “Histórias Guardadas pelo Rio” (Edições SM) levou o prêmio entre as obras juvenis. A premiação, promovida pela Câmara Brasileira do Livro, aconteceu em 28 de novembro, em São Paulo.

Publicado pela Editora Ôzé, “A Avó Amarela” é um retrato de uma figura querida por tantos: as avós. Escrita por Júlia Medeiros e ilustrada por Elisa Carateto, a obra acompanha um final de semana na casa da matriarca da família. Pelo olhar da neta, a imagem da avó vai sendo formada a partir de conclusões que beiram a poesia e de cenas como os tradicionais almoços de domingo, carregadas de sentimentalidade.

“É um livro que nos arrebata e desconcerta em sua prosa poética cheia de mineirice”, destaca a jurada Gabriela Romeu. De acordo com ela, em uma combinação de texto e imagem, a obra “carrega vestígios de saudade e inaugura silêncios”.

Já “Histórias Guardadas pelo Rio”, escrito por Lucia Hiratsuka e publicado pelas Edições SM, venceu o Jabuti na categoria Juvenil.  Na cidade de Pedro, personagem principal do livro, todos têm uma prática comum: pescar histórias que nadam pelo rio. Depois de coletadas, as histórias são trocadas, colecionadas e até negociadas. Mesmo sendo algo que todos ao seu redor fazem, o menino, por mais que tente, não consegue pescar. A partir daí, Pedro busca entender o segredo por trás da arte da pesca.

 A procura do protagonista, por meio do encontro com outras pessoas, de conselhos e enigmas, vai completando um mapa, explica Peter O’Sagae, jurado da categoria Juvenil. “Esse mapa corre pelos cuidados serenos do manancial humano de cada um contar a si mesmo, uma capacidade viva de somar e compartilhar momentos frágeis”.
Compartilhe:

sábado, 30 de novembro de 2019

‘Uma História de Desigualdade’ é o Livro do Ano do 61º Prêmio Jabuti


CONCEIÇÃO EVARISTO FOI A HOMENAGEADA DA NOITE

São Paulo, 29 de novembro de 2019 – Em cerimônia conduzida por Lázaro Ramos, a Câmara Brasileira do Livro (CBL) anunciou, na noite de 28 de novembro, os vencedores do 61º Prêmio Jabuti. A obra “Uma História da Desigualdade: a Concentração de Renda entre os Ricos no Brasil 1926 - 2013”, escrito por Pedro H. G. Ferreira de Souza e editado pela Hucitec Editora, foi escolhida como o Livro do Ano. O autor levou para casa a estatueta do Jabuti e o prêmio em dinheiro de R$ 100 mil.

Na cerimônia, também foram conhecidos os ganhadores das 19 categorias do Jabuti, que receberam o troféu e R$ 5 mil. 

A escritora Conceição Evaristo, Personalidade Literária do Ano, foi ovacionada pela plateia, durante homenagem realizada especialmente para ela. A noite contou ainda com uma apresentação da cantora Fabiana Cozza, que emocionou a todos com sua bela voz.

Para conhecer a relação de vencedores: clique aqui.
Compartilhe:

sexta-feira, 29 de novembro de 2019

'Uma História de Desigualdade' é o Livro do Ano do 61º Prêmio


VENCEDORES DAS 19 CATEGORIAS ACABAM DE SER REVELADOS EM CERIMÔNIA NO AUDITÓRIO IBIRAPUERA, EM SÃO PAULO
CONCEIÇÃO EVARISTO FOI HOMENAGEADA COMO ‘PERSONALIDADE LITERÁRIA’ DO ANO

São Paulo, 28 de novembro de 2019 – A Câmara Brasileira do Livro (CBL) acaba de anunciar os vencedores do 61º Prêmio Jabuti, em cerimônia realizada no Auditório Ibirapuera, em São Paulo. “Uma História da Desigualdade: a Concentração de Renda entre os Ricos no Brasil 1926 - 2013” (Hucitec Editora Ltda), de Pedro H. G. Ferreira de Souza, é o Livro do Ano. O autor levou para casa a estatueta do Jabuti e o prêmio em dinheiro de R$ 100 mil.

Na cerimônia, também foram conhecidos os ganhadores das 19 categorias do Jabuti, que receberam o troféu e R$ 5 mil. A relação de vencedores está disponível em https://www.premiojabuti.com.br/premiados-por-edicao/premiacao/?ano=2019.

Em cada uma das 19 categorias havia cinco finalistas, revelados pela CBL em 31 de outubro. As obras concorrentes foram avaliadas por três jurados especialistas em nas diferentes áreas, indicados pelos leitores, mercado editorial e validados pelo Conselho Curador do Prêmio Jabuti. Para o Livro do Ano, prêmio máximo da noite, concorreram as obras vencedoras dos Eixos Literatura e Ensaios.

A escritora Conceição Evaristo, escolhida como Personalidade Literária 2019, foi homenageada pela importância da sua obra, e também porque traz uma reflexão muito importante para sociedade.  

O curador Pedro Almeida comemora. Após três anos como membro do conselho curador, Almeida pôde aproveitar toda sua experiência de 26 anos como editor e no próprio Jabuti para compor um conselho, o que possibilitou a formação de um corpo de jurados especialistas nos mais diferentes nichos de literaturas. “Toda a credibilidade de uma premiação está na seleção dos jurados, e conseguimos reunir nesta edição um time dos sonhos”, explica. Na cerimônia da premiação, seu discurso apontou para uma questão: “Quando foi a última vez em que um escritor negro recebeu uma grande homenagem por sua obra, em vida? Eu vasculho em minha memória e só consigo pensar em Machado de Assis. E isso aconteceu há mais de 100 anos. Há algo muito errado nisso”.

Para Vitor Tavares, presidente da CBL, “o momento é de muitos desafios, mas também de muitas oportunidades. O Prêmio Jabuti, com seus 61 anos de existência, continua sendo um importante meio para a disseminação da leitura e para o reconhecimento de toda cadeia de produção literária no País”.

Conheça a relação de vencedores:

Eixo: Literatura

Conto
1º Lugar - Título: Um beijo por mês | Autor(a): Vilma Arêas | Editora(s): Luna Parque

Crônica
1º Lugar - Título: Pós-F: para além do masculino e do feminino | Autor(a): Fernanda Young | Editora(s): LeYa

Histórias em Quadrinhos
1º Lugar - Título: Graphic MSP - Jeremias: Pele | Autor(a): Rafael Calça, Jefferson Costa | Editora(s): Mauricio de Sousa, Panini

Infantil
1º Lugar - Título: A Avó Amarela | Autor(a): Júlia Medeiros, Elisa Carareto | Editora(s): Ôzé Editora

Juvenil
1º Lugar - Título: Histórias guardadas pelo rio | Autor(a): Lucia Hiratsuka | Editora(s): Edições SM

Poesia
1º Lugar - Título: Nuvens | Autor(a): Hilda Machado | Editora(s): Editora 34

Romance
1º Lugar - Título: O pai da menina morta | Autor(a): Tiago Ferro | Editora(s): Todavia

Eixo: Ensaios

Artes
1º Lugar - Título: Arte popular brasileira: olhares contemporâneos | Autor(a): Germana Monte-Mór, Vilma Eid | Editora(s): Editora WMF Martins Fontes, Instituto do Imaginário do Povo Brasileiro

Biografia, Documentário e Reportagem
1º Lugar - Título: Jorge Amado: uma biografia | Autor(a): Joselia Aguiar | Editora(s): Todavia

Ciências
1º Lugar - Título: A caminho de Marte: a incrível jornada de um cientista brasileiro até a NASA | Autor(a): Ivair Gontijo | Editora(s): Editora Sextante

Economia Criativa
1º Lugar - Título: 101 dias com ações mais sustentáveis para mudar o mundo | Autor(a): Marcus Nakagawa | Editora(s): Editora Labrador

Humanidades
1º Lugar - Título: Uma história da desigualdade: a concentração de renda entre os ricos no Brasil 1926 - 2013 | Autor(a): Pedro H. G. Ferreira de Souza | Editora(s): Hucitec Editora Ltda

Eixo: Livro

Capa

1º Lugar - Título: Revela-te, Chico: uma fotobiografia | Capista: Augusto Lins Soares | Editora(s): Bem-Te-Vi Produções Literárias
Ilustração

1º Lugar - Título: Chão de peixes | Ilustrador(a): Lúcia Hiratsuka | Editora(s): Pequena Zahar

Impressão

1º Lugar - Título: Roberto Landell de Moura, o precursor do rádio | Responsável: Rodrigo Moura Visoni | Editora(s): Tamanduá
Projeto Gráfico

1º Lugar - Título: Clarice | Responsável: Felipe Cavalcante | Editora(s): Global Editora
Tradução

1º Lugar - Título: Sobre isto | Tradutor(a): Leticia Mei | Editora(s): Editora 34
Eixo: Inovação

Fomento à Leitura

1º Lugar - Título: Leia para uma Criança | Responsável: Dianne Cristine Rodrigues Melo | Editora(s): Itaú Social
Livro Brasileiro Publicado no Exterior

1º Lugar - Título: A resistência | Autor(a): Julián Fuks | Editora(s): Companhia das Letras, Charco Press
Compartilhe:

quarta-feira, 13 de novembro de 2019

Prêmio Jabuti promove bate-papo entre Conceição Evaristo e Rodrigo Casarin


MEDIADO POR MARCOS MARCIONILO, EVENTO SERÁ REALIZADO UMA SEMANA ANTES DA HOMENAGEM À ESCRITORA

A escritora mineira Conceição Evaristo, Personalidade Literária do Ano pelo Prêmio Jabuti, tem um bate-papo marcado com o jornalista literário Rodrigo Casarin no Sesc Pinheiros, em 21 de novembro, às 19h30. Com mediação de Marcos Marcionilo, membro do conselho curador do Jabuti, o encontro antecipa a homenagem que será prestada à escritora, na cerimônia de premiação do Jabuti, no dia 28, no Auditório Ibirapuera. Com entrada gratuita, o bate-papo “Cada Pessoa Tem/É Um Livro” será seguido de uma sessão de autógrafos.

Na primeira parte da programação, Conceição e Casarin falam de como se aproximaram da leitura; da importância desta na formação profissional e pessoal de cada um; e da relação da leitura no cotidiano e na vida profissional de ambos, entre outros temas. Após responderem as perguntas do público, a escritora fará uma sessão de autógrafos.

Para participar, os interessados devem retirar os ingressos no local, com uma hora de antecedência.

Serviço:
Bate-papo  “Cada Pessoa Tem/É Um Livro
Quando: 21 de novembro, às 19h30
Local: Sesc Pinheiros - Rua Pinheiros, 195
Compartilhe:

quinta-feira, 3 de outubro de 2019

Confira os 10 finalistas de todas as categorias do 61º Prêmio Jabuti

CERIMÔNIA DE PREMIAÇÃO ACONTECERÁ EM 28 DE NOVEMBRO

A Câmara Brasileira do Livro (CBL) acaba de divulgar os 10 finalistas de cada categoria do 61º Prêmio Jabuti, uma seleção do melhor da produção editorial brasileira de 2018. Para conferir a lista completa, que traz os livros em ordem alfabética, clique aqui. Os vencedores de cada uma das 19 categorias e o ganhador do Livro do Ano serão conhecidos em 28 de novembro no Auditório Ibirapuera Oscar Niemeyer.

- Mesmo para nós, que estamos envolvidos no processo há tanto tempo, a emoção é enorme porque o resultado só nos foi revelado poucos minutos antes de subir no site – conta Pedro Almeida, curador do Prêmio Jabuti 2019 e integrante do conselho curador desde 2016. – Neste ano, montamos um time incrível de jurados, com representantes de todas as regiões do país e o resultado está aqui: 188 finalistas, oriundos de 112 selos editoriais diferentes, e ainda 4 autores independentes. Não poderíamos estar mais felizes com tanta diversidade.

A 61ª edição do Prêmio Jabuti teve mais de 2.000 inscrições. Os 57 avaliadores têm formações diversas e todos conhecem profundamente o ambiente do livro. A seleção dos indicados é um guia com representantes do melhor da Literatura e da produção editorial do país.

Uma segunda fase da apuração está marcada para 31 de outubro, quinta-feira, quando uma nova lista, com cinco finalistas por categoria, será divulgada também na plataforma online do prêmio - www.premiojabuti.com.br.

Nesta edição, os prêmios seguem organizados em quatro eixos: Literatura, Ensaios, Livro e Inovação. Além disso, só haverá um grande vencedor do Jabuti, que poderá ser tanto de Ficção quanto Não Ficção. Concorrem ao prêmio de Livro do Ano, no valor de R$ 100 mil, os vencedores das categorias dos Eixos Ensaios e Literatura.

Confira os 10 finalistas de cada categoria:

Literatura

Conto

Título: Alguns humanos | Autor(a): Gustavo Pacheco | Editora(s): Tinta-da-china Brasil

Título: Bagageiro | Autor(a): Marcelino Freire | Editora(s): José Olympio

Título: Das pequenas corrupções cotidianas que nos levam à barbárie e outros contos | Autor(a): Rodrigo Novaes de Almeida | Editora(s): Editora Patuá

Título: Kafkianas | Autor(a): Elvira Vigna | Editora(s): Todavia

Título: Nequice lapso na função supressora | Autor(a): Camila Passatuto | Editora(s): Editora Penalux

Título: O sol na cabeça | Autor(a): Geovani Martins | Editora(s): Companhia das Letras

Título: Os animais domésticos e outras receitas | Autor(a): Luana Cnhaiderman | Editora(s): Editora Perspectiva

Título: Reserva natural | Autor(a): Rodrigo Lacerda | Editora(s): Companhia das Letras

Título: Sebastopol | Autor(a): Emilio Fraia | Editora(s): Alfaguara / Companhia das Letras

Título: Um beijo por mês | Autor(a): Vilma Arêas | Editora(s): Luna Parque

Crônica

Título: A arte de querer bem | Autor(a): Ruy Castro | Editora(s): Estação Brasil

Título: A Invenção dos Subúrbios | Autor(a): Daniel Francoy | Editora(s): Edições Jabuticaba

Título: A rua do tempo: uma escrita fora do mapa | Autor(a): Eduardo Carvalho | Editora(s): Editora Jaguatirica

Título: A vida pela bola | Autor(a): Luiz Guilherme Piva | Editora(s): Editora Iluminuras

Título: O que eu tô fazendo da minha vida? | Autor(a): Daniel Bovolento | Editora(s): Editora Planeta

Título: Onde se amarra a terra vermelha | Autor(a): Marco Aurélio Cremasco | Editora(s): Nave Editora

Título: Perambule | Autor(a): Fabrício Corsaletti | Editora(s): Editora 34

Título: Pós-F: para além do masculino e do feminino | Autor(a): Fernanda Young | Editora(s): LeYa

Título: Refúgio no sábado | Autor(a): Míriam Leitão | Editora(s): Intrínseca

Título: Velhos são os outros | Autor(a): Andréa Pachá | Editora(s): Intrínseca

Histórias em Quadrinhos

Título: Ânsia eterna | Autor(a): Verônica Berta | Editora(s): SESI-SP Editora

Título: Bendita cura - Volume 1 | Autor(a): Mário César | Editora(s): EntreQuadros

Título: Cangaço overdrive | Autor(a): Zé Wellington, Walter Geovani | Editora(s): Draco

Título: Eles estão por aí | Autor(a): Bianca Pinheiro, Greg Stella | Editora(s): Todavia

Título: Graphic MSP - Jeremias: Pele | Autor(a): Rafael Calça, Jefferson Costa | Editora(s): Panini, Mauricio de Sousa

Título: O idiota: o clássico de Fiódor Dostoiévski em quadrinhos | Autor(a): André Diniz | Editora(s): Quadrinhos na Cia / Companhia das Letras

Título: Quem matou o Caixeta? | Autor(a): Rainer Petter | Editora(s): Editora Avec

Título: Raul | Autor(a): Alexandre De Maio | Editora(s): Editora Elefante

Título: Saudade | Autor(a): Melissa Garabeli, Phellip William | Editora(s): Autor Independente

Título: Todos os Santos | Autor(a): Marcello Quintanilha | Editora(s): Veneta

Infantil

Título: A Avó Amarela | Autor(a): Júlia Medeiros, Elisa Carareto | Editora(s): ÔZé Editora

Título: Casa de passarinho | Autor(a): Ana Rosa Costa, Odilon Moraes | Editora(s): Editora Positivo

Título: Chão de peixes | Autor(a): Lúcia Hiratsuka | Editora(s): Pequena Zahar

Título: Donana e Titonho | Autor(a): Ninfa Parreiras | Editora(s): Paulinas

Título: Enreduana | Autor(a): Mariana Massarani | Editora(s): Companhia das Letrinhas / Companhia das Letras

Título: Minha família Enauenê | Autor(a): Maria Rita Valadão Carelli | Editora(s): FTD Educação

Título: O galo gago | Autor(a): Antonio Carlos Secchin | Editora(s): Editora Rocco

Título: Olavo | Autor(a): Odilon Moraes | Editora(s): Jujuba Editora

Título: Papo reto e papo curvo | Autor(a): João Luiz Guimarães, Rosinha Bezerra | Editora(s): Editora do Brasil

Título: Segredos de uma vida no museu | Autor(a): Ana Rapha Nunes | Editora(s): Editora InVerso

Juvenil

Título: 80 degraus | Autor(a): Luís Dill | Editora(s): Palavras Projetos Editoriais

Título: A coisa brutamontes | Autor(a): Renata Penzani | Editora(s): Companhia Editora de Pernambuco

Título: A grande assembleia dos bichos pestilentos e peçonhentos | Autor(a): Ivan Jaf | Editora(s): Trioleca Casa Editorial

Título: Antonino Peregrino | Autor(a): Osvaldo Costa Martins | Editora(s): Autor Independente

Título: As novas aventuras de Guaracy | Autor(a): Paulo Virgilio D'Auria | Editora(s): Autor Independente

Título: Clarice | Autor(a): Roger Mello | Editora(s): Global Editora

Título: História guardadas pelo rio | Autor(a): Lúcia Hiratsuka | Editora(s): Edições SM

Título: Horas Mortas | Autor(a): Antônio Schimeneck | Editora(s): Ama Livros

Título: O Cão e o Curumin | Autor(a): Cristino Wapichana | Editora(s): Editora Melhoramentos

Título: O dia em que a minha vida mudou por causa de um pneu furado em Santa Rita do Passa Quatro | Autor(a): Keka Reis | Editora(s): Seguinte / Companhia das Letras

Poesia

Título: Aquenda: o amor às vezes é isso | Autor(a): Luna Vitrolira | Editora(s): Livre

Título: Carvão : : capim | Autor(a): Guilherme Gontijo Flores | Editora(s): Editora 34

Título: Enclave | Autor(a): Marcelo Labes | Editora(s): Editora Patuá

Título: Fundo Falso | Autor(a): Mônica de Aquino | Editora(s): Relicário Edições

Título: Graphophobia | Autor(a): Glauco Mattoso | Editora(s): Editora Patuá

Título: Lua na jaula | Autor(a): Ledusha Spinardi | Editora(s): Todavia

Título: Nenhum mistério | Autor(a): Paulo Henriques Britto | Editora(s): Companhia das Letras

Título: Nuvens | Autor(a): Hilda Machado | Editora(s): Editora 34

Título: Os postais catastróficos | Autor(a): Ismar Tirelli Neto | Editora(s): 7Letras

Título: um corpo negro | Autor(a): Lubi Prates | Editora(s): nosotros, editorial

Romance

Título: A biblioteca elementar | Autor(a): Alberto Mussa | Editora(s): Record

Título: A tirania do amor | Autor(a): Cristovão Tezza | Editora(s): Todavia

Título: Cloro | Autor(a): Alexandre Vidal Porto | Editora(s): Companhia das Letras

Título: Enterre seus mortos | Autor(a): Ana Paula Maia | Editora(s): Companhia das Letras

Título: Entre as mãos | Autor(a): Juliana Leite | Editora(s): Record

Título: Eufrates | Autor(a): André de Leones | Editora(s): José Olympio

Título: Manual da demissão | Autor(a): Julia Wähmann | Editora(s): Record

Título: Mauricéa | Autor(a): Adrienne Myrtes | Editora(s): Selo Demônio negro

Título: Nunca houve um castelo | Autor(a): Martha Batalha | Editora(s): Companhia das Letras

Título: O pai da menina morta | Autor(a): Tiago Ferro | Editora(s): Todavia

Ensaios

Artes

Título: A fotografia como escrita pessoal: Alair Gomes e a melancolia do corpo - outro | Autor(a): Alexandre Santos | Editora(s): Editora da UFRGS

Título: Arte popular brasileira: olhares contemporâneos | Autor(a): Vilma Eid (org.), Germana Monte-Mór (org.) | Editora(s): Editora WMF Martins Fontes, Instituto do Imaginário do Povo Brasileiro

Título: Coleção Fundação Edson Queiroz | Autor(a): Aracy A.Amaral, Regina Teixeira de Barros | Editora(s): Edições Pinakotheke

Título: Cultura visual: imagens na modernidade | Autor(a): Erika Zerwes, Iara Lis Schiavinatto | Editora(s): Cortez Editora

Título: Espaço em obra: cidade, arte, arquitetura | Autor(a): Guilherme Wisnik, Julio Mariutti | Editora(s): Edições Sesc São Paulo

Título: Histórias afro-atlânticas: [vol. 1] catálogo | Autor(a): Adriano Pedrosa, Lilia Moritz Schwarcz, Tomás Toledo, Ayrson Heráclito, Hélio Menezes | Editora(s): MASP, Instituto Tomie Ohtake

Título: Nova história do cinema brasileiro, volumes 1 e 2 | Autor(a): Fernão Pessoa Ramos, Sheila Schvarzman | Editora(s): Edições Sesc São Paulo

Título: Patrimônio colonial latino - americano: urbanismo, arquitetura, arte sacra | Autor(a): Percival Tirapeli | Editora(s): Edições Sesc São Paulo

Título: Projetos culturais e de ensino das artes visuais em diferentes contextos | Autor(a): Leonardo Mèrcher | Editora(s): InterSaberes

Título: TPN - teatro popular do Nordeste: o palco e o mundo de Hermilo Borba Filho | Autor(a): Luís Reis | Editora(s): Cepe Editora

Biografia, Documentário e Reportagem

Título: A guerra: a ascensão do PCC e o mundo do crime no Brasil | Autor(a): Bruno Paes Manso, Camila Nunes Dias | Editora(s): Todavia

Título: À sombra dos viadutos em flor | Autor(a): Cadão Volpato | Editora(s): SESI-SP Editora

Título: Borboletas e Lobisomens | Autor(a): Hugo Studart | Editora(s): Francisco Alves Editora

Título: Carolina: uma biografia | Autor(a): Tom Farias | Editora(s): Malê

Título: Jorge Amado: uma biografia | Autor(a): Joselia Aguiar | Editora(s): Todavia

Título: O livro de Jô: uma autobiografia desautorizada - volume 2 | Autor(a): Jô Soares, Matinas Suzuki Jr. | Editora(s): Companhia das Letras

Título: O Tiradentes: uma biografia de Joaquim José da Silva Xavier | Autor(a): Lucas Figueiredo | Editora(s): Companhia das Letras

Título: Paletó e eu: memórias de meu pai indígena | Autor(a): Aparecida Vilaça | Editora(s): Todavia

Título: Povo xambá resiste: 80 anos da repressão aos terreiros em Pernambuco | Autor(a): Marileide Alves | Editora(s): Cepe Editora

Título: Wander Piroli: uma manada de búfalos dentro do peito | Autor(a): Fabrício Marques | Editora(s): Conceito Editorial

Ciências

Título: A caminho de Marte: a incrível jornada de um cientista brasileiro até a NASA | Autor(a): Ivair Gontijo | Editora(s): Editora Sextante

Título: Ciência e pseudociência: por que acreditamos apenas naquilo em que queremos acreditar | Autor(a): Ronaldo Pilati | Editora(s): Editora Contexto

Título: Ciência para educação: uma ponte entre dois mundos | Autor(a): Augusto Buchweitz, Mailce Borges Mota, Roberto Lent | Editora(s): Editora Atheneu

Título: Geofísica: uma breve introdução | Autor(a): Fernando Brenha Ribeiro, Eder Cassola Molina | Editora(s): Edusp

Título: Hipnotizados: o que os nossos filhos fazem na internet e o que a internet faz com eles | Autor(a): Brenda Fucuta | Editora(s): Objetiva / Companhia das Letras

Título: Inteligência artificial aplicada: uma abordagem introdutória | Autor(a): Luciano Frontino de Medeiros | Editora(s): InterSaberes

Título: Plasticidade cerebral e aprendizagem: abordagem multidisciplinar | Autor(a): Newra Tellechea Rotta, Cesar Augusto Nunes Bridi Filho, Fabiane Romano de Souza Bridi | Editora(s): Artmed

Título: Remanescentes da Mata Atlântica: a floresta original e suas grandes árvores | Autor(a): Ricardo Cardim | Editora(s): Editora Olhares

Título: Transexualidade: o corpo entre o sujeito e a ciência | Autor(a): Marco Antonio Coutinho Jorge, Natália Pereira Travassos | Editora(s): Zahar

Título: Zoogeografia do Brasil: a fauna, a paisagem e as organizações espaciais | Autor(a): Roberto Marques Neto | Editora(s): CRV

Economia Criativa

Título: (Re)pensando a economia criativa: desenvolturas empreendedoras no Brasil e em Portugal | Autor(a): Israel Jorge | Editora(s): Sebrae

Título: 101 dias com ações mais sustentáveis para mudar o mundo | Autor(a): Marcus Nakagawa | Editora(s): Editora Labrador

Título: Empreendedorismo social e inovação social no contexto brasileiro | Autor(a): James Marins, Mari Regina Anastacio, Paulo R. A. Cruz Filho | Editora(s): Pucpress

Título: LYdereZ | Autor(a): Pedro Salomão | Editora(s): Best Business

Título: Mude ou morra: tudo que você precisa saber para fazer crescer seu negócio e sua carreira na nova economia | Autor(a): Renato Mendes, Roni Cunha Bueno | Editora(s): Editora Planeta

Título: Porque criei a Gastronomia Periférica | Autor(a): Edson Leite | Editora(s): Editora Inova

Título: Sociedade.com: Como as tecnologias digitais afetam quem somos e como vivemos | Autor(a): Abel Reis | Editora(s): Arquipélago Editorial

Título: Uma vida sem lixo: guia para reduzir o desperdício na sua casa e simplificar a vida | Autor(a): Cristal Muniz | Editora(s): Alaúde

Título: Viva o fim: almanaque de um novo mundo | Autor(a): André Carvalhal | Editora(s): Paralela / Companhia das Letras

Título: Você, eu e os robôs: pequeno manual do mundo digital | Autor(a): Martha Gabriel | Editora(s): GEN | Atlas

Humanidades

Título: Dicionário da escravidão e liberdade: 50 textos críticos | Autor(a): Lilia Moritz Schwarcz (org.), Flávio Gomes (org.) | Editora(s): Companhia das Letras

Título: Direitos territoriais indígenas: uma interpretação intercultural | Autor(a): Julio José Araujo Junior | Editora(s): Editora Processo

Título: História, dialética e diálogo com as ciências: a gênese de formação do Brasil contemporâneo, de Caio Prado Jr. (1933-1942) | Autor(a): Paulo Teixeira Lumatti | Editora(s): Editora Intermeios

Título: Maquinação do mundo: Drummond e a mineração | Autor(a): José Miguel Wisnik | Editora(s): Companhia das Letras

Título: O lulismo em crise : um quebra-cabeça do período Dilma (2011-2016) | Autor(a): André Singer | Editora(s): Companhia das Letras

Título: Presidencialismo de coalizão: raízes e evolução do modelo político brasileiro | Autor(a): Sérgio Abranches | Editora(s): Companhia das Letras

Título: Ser republicano no Brasil colônia: a história de uma tradição esquecida | Autor(a): Heloisa M. Starling | Editora(s): Companhia das Letras

Título: Sonhos da periferia: inteligência argentina e mecenato privado | Autor(a): Sergio Miceli | Editora(s): Todavia

Título: Uma história da desigualdade: a concentração de renda entre os ricos no Brasil 1926 - 2013 | Autor(a): Pedro H. G. Ferreira de Souza | Editora(s): Hucitec Editora

Título: Valsa Brasileira: do boom ao caos econômico | Autor(a): Laura Carvalho | Editora(s): Todavia

Livro

Capa

Título: James Joyce - um retrato do artista quando jovem e Epifanias | Capista: Diogo Droschi | Editora(s): Autêntica

Título: Letizia Battaglia: Palermo | Capista: Luciana Facchini | Editora(s): IMS

Título: Meu nome não é Pixote: o jovem transgressor no cinema brasileiro | Capista: Luciana Facchini | Editora(s): Edições Sesc São Paulo

Título: O galo de ouro | Capista: Leonardo Iaccarino | Editora(s): José Olympio

Título: O quarto de Giovanni | Capista: Daniel Trench | Editora(s): Companhia das Letras

Título: Omar | Capista: Paulo Schmidt | Editora(s): Autor Independente

Título: Revela-te, Chico: uma fotobiografia | Capista: Augusto Lins Soares | Editora(s): Bem-te-vi Produções Literárias

Título: Sapientia: uma arqueologia de saberes esquecidos | Capista: Tereza Bettinardi | Editora(s): Edições Sesc São Paulo

Título: Também os brancos sabem dançar: um romance musical | Capista: Pedro Inoue | Editora(s): Todavia

Título: Um cara qualquer | Capista: Francisco Martins | Editora(s): Primavera Editorial

Ilustração

Título: Beija-flores do Brasil | Ilustrador(a): Eduardo Parentoni Brettas | Editora(s): Marte

Título: Chão de peixes | Ilustrador(a): Lúcia Hiratsuka | Editora(s): Pequena Zahar

Título: Dois meninos de Kakuma | Ilustrador(a): Marie Ange Bordas | Editora(s): Pulo do Gato

Título: Donana e Titonho | Ilustrador(a): André Neves | Editora(s): Paulinas

Título: Enreduana | Ilustrador(a): Mariana Massarani | Editora(s): Companhia das Letrinhas / Companhia das Letras

Título: Manu e Mila | Ilustrador(a): André Neves | Editora(s): Brinque-Book

Título: Nem filho educa pai | Ilustrador(a): Odilon Moraes | Editora(s): SESI-SP Editora

Título: Olavo | Ilustrador(a): Odilon Moraes | Editora(s): Jujuba Editora

Título: Se eu abrir esta porta agora... | Ilustrador(a): Alexandre Rampazo | Editora(s): SESI-SP EDITORA

Título: Se os tubarões fossem homens | Ilustrador(a): Nelson Cruz | Editora(s): Edições Olho de Vidro

Impressão

Título: 70 anos da gráfica da UFRGS: (entre memórias e artes da impressão) | Responsável: Helena Araújo Rodrigues Kanaan, Michele Bandeira, Thaís Aragão | Editora(s): Editora da UFRGS

Título: A técnica do livro segundo São Jerônimo | Responsável: Gustavo Marinho de Carvalho | Editora(s): Imprensa oficial / Editora UNESP

Título: Bel Lobo e Bob Neri: vida é obra | Responsável: Ipsis Gráfica | Editora(s): Bazar do Tempo

Título: Bill Viola | Responsável: Adelcio Alberto Canolla | Editora(s): Edições Sesc São Paulo

Título: Clementina Duarte 50 anos de arte e design | Responsável: Julio Gonçalves | Editora(s): Cepe Editora

Título: Fernanda Montenegro: itinerário fotobiográfico | Responsável: Ipsis Gráfica e Editora | Editora(s): Edições Sesc São Paulo

Título: Francisco João de Azevedo e a invenção da máquina de escrever | Responsável: Rodrigo Moura Visoni | Editora(s): Tamanduá

Título: Iole de Freitas : Corpo / Espaço : body / space | Responsável: Ipsis Gráfica e Editora | Editora(s): Editora Cobogó

Título: Roberto Landell de Moura, o precursor do rádio | Responsável: Rodrigo Moura Visoni | Editora(s): Tamanduá

Título: Um livro pra gente morar | Responsável: Gráfica e Editora Posigraf | Editora(s): Editora Positivo

Projeto Gráfico

Título: Almanaque brasilidades: um inventário do Brasil popular | Responsável: Lauro Machado | Editora(s): Bazar do Tempo

Título: Beatriz Milhazes: colagens | Responsável: Flávia Castanheira | Editora(s): Editora Cobogó

Título: Caminhos e legados: o sucesso dos irmãos Nishimura na construção de uma empresa familiar exemplar. | Responsável: Roberto Spinoso Prado | Editora(s): Vila Poente

Título: Clarice | Responsável: Felipe Cavalcante | Editora(s): Global Editora

Título: Claudia Andujar: a luta Yanomami | Responsável: Elisa von Randow, Julia Massagão | Editora(s): IMS

Título: Cordão | Responsável: Luciana Calheiros | Editora(s): Zoludesign

Título: Histórias afro-atlânticas: [vol. 1] catálogo | Responsável: Raul Loureiro | Editora(s): MASP, Instituto Tomie Ohtake

Título: O Brasil na rota da China | Responsável: Victor Burton | Editora(s): Artepadilla

Título: Revela-te, Chico: uma fotobiografia | Responsável: Augusto Lins Soares | Editora(s): Bem-te-vi Produções Literárias

Título: Teatro da Vertigem | Responsável: Luciana Facchini | Editora(s): Editora Cobogó

Tradução

Título: Almas mortas | Tradutor(a): Rubens Figueiredo | Editora(s): Editora 34

Título: Enéadas: quinta Enéada | Tradutor(a): José R. Seabra Filho, Juvino A. Maia Junior | Editora(s): Edições Nova Acrópole

Título: Júlio César | Tradutor(a): José Francisco Botelho | Editora(s): Penguin / Companhia das Letras

Título: Lições de ética | Tradutor(a): Bruno Leonardo Cunha, Charles Feldhaus | Editora(s): Editora da Unesp

Título: Morrer sozinho em Berlim | Tradutor(a): Claudia Abeling | Editora(s): Editora Estação Liberdade

Título: O conto dos Contos: Pentameron ou o Entretenimento dos Pequeninos | Tradutor(a): Francisco Degani | Editora(s): Nova Alexandria

Título: Só para maiores de cem anos: antologia (anti)poética | Tradutor(a): Cide Piquet, Joana Barossi | Editora(s): Editora 34

Título: Sobre a arte poética | Tradutor(a): Antônio Campos, Antônio Mattoso | Editora(s): Autêntica Editora

Título: Sobre isto | Tradutor(a): Leticia Mei | Editora(s): Editora 34

Título: Tiestes | Tradutor(a): José Eduardo dos Santos Lohner | Editora(s): UFPR

Inovação

Fomento à Leitura

Título: 3º Semana Senac de leitura | Responsável: Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial - Senac | Editora(s): Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial - Senac

Título: Caixa de cultura | Responsável: Rosana | Editora(s): Serviço Social da Indústria - SESI-SP

Título: Domínio ao público | Responsável: Ricardo | Editora(s): Instituto Mojo

Título: Leia para uma criança | Responsável: Dianne Cristine | Editora(s): Itaú Social

Título: Ler antes de morrer (Canal no YouTube) | Responsável: Isabella | Editora(s): Ler antes de morrer

Título: Pegaí leitura grátis | Responsável: Idomar | Editora(s): Instituto Pegai Leitura Grátis

Título: Poesia contra a violência | Responsável: Sérgio | Editora(s): Pensamentos Vadios

Título: Projeto BiblioSesc | Responsável: Sesc São Paulo | Editora(s): Edições Sesc SP

Título: Rede LiteraSampa | Responsável: Mara Esteves | Editora(s): Mara Esteves Costa

Título: Sarau do Binho e suas ações de incentivo á leitura | Responsável: Suzi | Editora(s): Suzi de Aguiar Soares

Livro Brasileiro Publicado no Exterior

Título: A resistência | Autor(a): Julián Fuks | Editora(s): Companhia das Letras, Charco Press

Título: A verdade vencerá | Autor(a): Luiz Inácio Lula da Silva | Editora(s): Boitempo Editorial, El Viejo Topo

Título: Brasil: Uma biografia | Autor(a): Lilia Moritz Schwarcz e Heloisa Murgel Starling | Editora(s): Companhia das Letras, Penguin Random House UK/Allen Lane

Título: Gente de cor, cor de gente | Autor(a): Mauricio Negro | Editora(s): Editora FTD S.A, Little Island Books Limited

Título: Meia-noite e vinte | Autor(a): Daniel Galera | Editora(s): Companhia das Letras, Suhrkamp Verlag

Título: Meu Pé de Laranja Lima | Autor(a): José Mauro de Vasconcelos | Editora(s): Editora Melhoramentos , Pushkin Press

Título: Simpatia pelo demônio | Autor(a): Bernardo Carvalho | Editora(s): Companhia das Letras, ÉDITIONS MÉTAILIÉ

Título: Terapia financeira: realize seus sonhos com educação financeira | Autor(a): Reinaldo Domingos | Editora(s): Editora DSOP, PORTO EDITORA

Cada categoria do Jabuti conta com três jurados, especialistas nas respectivas áreas. Seus nomes são:

Conto

Bernardo Ajzenberg
Eucanaã Ferraz
Naomi Jaffe

Crônica

Claúdia Tajes
Henrique Rodrigues
Maria Fernanda Maglio

História em Quadrinhos

Adriana Melo
Fernando Caruso
Maria Clara Carneiro

Infantil

Denise Guilherme Viotto
Gabriela Romeu
Paulo Tatit

Juvenil

Camila Werner
Peter O´Sagae
Socorro Acioli

Poesia

Angélica Freitas
Marcelo Pen
Robertson Frizero

Romance

Andréa del Fuego
Jerônimo Teixeira
Mànya Millen
Eixo Ensaios

Artes

Ana Cândida de Avelar
Bruno Assami
Cláudia Fazzolari

Biografia, Documentário e Reportagem

Deonísio da Silva
Jotabê Medeiros
Rodrigo Casarin

Ciências
Douglas Galante
Fabio Paim de Campos
Paulo Saldiva

Economia Criativa

Jair Marcatti
Pablo Miyazawa
Rosana Trevisan

Humanidades

Carlos Alberto Faraco
Juanito Ornelas de Avelar
Luís André do Prado
Eixo Livro

Capa

Delfin
Domitila Maria de Castro Carolino
Gustavo Soares

Ilustração

Adilson Miguel
Ciça Fittipaldi
Maria das Graças Monteiro Castro

Impressão

Rober Almeida
Robson Xavier de Carvalho
Thiago Martins

Projeto Gráfico

Christiano Menezes
Marcelo Martinez
Rico Lins

Tradução

Adail Sobral
Denise Bottmann
Maria José Silveira


Eixo Inovação

Fomento à Leitura
Ana Paula Cecato
Julio Silveira
Leonardo Neto

Livro Brasileiro Publicado no Exterior

Alessandra J. Gelman Ruiz
Mariana Rolier
Marianna Teixeira Soares
Compartilhe:

terça-feira, 4 de dezembro de 2018

Mailson Furtado será o grande homenageado da Feira Internacional do Livro de Brasília 2019

Mailson Furtado - Foto divulgação
O poeta ganhador do prêmio Jabuti de melhor livro do ano, e o estado dele, o Ceará, terão programação de destaque na 35ª edição da Feira

Emocionada com a linda trajetória do jovem poeta de 27 anos, Mailson Furtado, a equipe de coordenação da 35ª Feira Internacional do Livro de Brasília, em reunião realizada no dia 20/11, resolveu que ele será o grande homenageado da edição 2019 do evento. A Feira será realizada de 07 a 18 de junho de 2019,  nas áreas interna e externa da Biblioteca Nacional de Brasília,  Complexo Cultural da República, com classificação livre para todos os públicos e acesso como sempre, gratuito.  O tema de 2019 será "Bibliotecas: espaço do aprender e do prazer".

Estado homenageado
"Pretendemos também homenagear o Ceará, por apresentar  uma riqueza tamanha em sua produção literária, com nomes contemporâneos que passam por Ana Miranda, Lira Neto e o cordelista Braúlio Bessa. Tentaremos trazer o Braúlio Bessa para a Feira do ano que vem", antecipa o presidente da Câmara do Livro do DF, Ivan Valério.

O presidente do Instituto Latinoamerica, realizador do evento, Atanagildo Brandolt, pontuou que "em dezembro, já divulgaremos qual comunidade internacional será homenageada", observou.

Brasília
Já o curador-geral da Feira, Maurício Melo Júnior,  destaca que também será homenageado o poeta nascido em Brasília,  João Doederlein, conhecido com "AKAPOETA'. "Sem contar com a programação especial que deveremos fazer sobre as bibliotecas", disse.

A saudosa bibliotecária Maria da Conceição Moreira Salles (in memoriam) e o professor aposentado da UnB e poeta, Santiago Naud, também serão homenageados", revela o presidente do Sindicato dos Escritores do DF, Marcos Linhares
Compartilhe:

sábado, 10 de novembro de 2018

‘À Cidade’, do autor independente Mailson Furtado, é o Livro do Ano do 60º Prêmio Jabuti

O autor Mailson Furtado - Foto divulgação
VENCEDORES DAS 18 CATEGORIAS DA PREMIAÇÃO ACABAM DE SER REVELADOS EM CERIMÔNIA NO AUDITÓRIO IBIRAPUERA, EM SÃO PAULO. POETA AMAZONENSE THIAGO DE MELLO FOI HOMENAGEADO COMO ‘PERSONALIDADE LITERÁRIA’ DO ANO

São Paulo, 8 de novembro de 2018 – A Câmara Brasileira do Livro (CBL) acaba de anunciar os vencedores do 60º Prêmio Jabuti, em cerimônia realizada no Auditório Ibirapuera, em São Paulo. “À Cidade”, do poeta cearense Mailson Furtado, é o Livro do Ano. O autor levou para casa a estatueta do Jabuti e o prêmio em dinheiro de R$ 100 mil.

Furtado vive em Varjota, cidade de menos de 20 mil habitantes do interior do Ceará. “Fiz o livro na mão, até a capa foi desenhada por mim. Espero que esse prêmio abra essa janela para todas as editoras e autores de qualidade que não tem espaço ou condições financeiras de lançar um livro. Esse prêmio não é meu, é nosso”, diz Furtado.

Na cerimônia comemorativa dos 60 anos do Prêmio, também foram conhecidos os ganhadores das 18 categorias do Jabuti, que receberam o troféu e R$ 5 mil - com exceção da categoria Livro Brasileiro Publicado no Exterior, premiada apenas com a estatueta. A relação de vencedores está disponível em www.premiojabuti.org.br.

Concorriam em cada categoria 10 finalistas, divulgados no dia 4 de outubro. As obras foram avaliadas por três jurados especialistas de cada categoria, indicados pelos leitores, mercado editorial e validados pelo Conselho Curador do Prêmio Jabuti. Já para o prêmio máximo da noite, o Livro do Ano, concorreram as obras vencedoras dos Eixos Literatura e Ensaios.

O prêmio de Personalidade Literária foi conferido ao poeta Thiago de Mello pelo conjunto de sua obra. Ele recebeu uma homenagem em vídeo, com depoimentos de grandes autores e profissionais do mercado. Devido a problemas de saúde, o poeta não pôde comparecer e foi representado por sua esposa, Pollyanna Furtado, e pelo seu filho, o compositor Thiago de Mello.

Em 2018, diferentemente dos anos anteriores, os vencedores foram conhecidos somente durante a cerimônia de premiação, quando o envelope da auditoria responsável pela apuração das notas e pelo sigilo dos resultados foi entregue para ser aberto.

Nesta edição, o Prêmio Jabuti anunciou diversas mudanças voltadas ao leitor e ao mercado. Entre as novidades estão: a reorganização das categorias em quatro eixos: Literatura, Ensaios, Livro e Inovação; a criação da categoria Formação de Novos Leitores, dedicada a ações de incentivo à leitura; as inscrições com preços mais acessíveis para autores independentes.

Luís Antonio Torelli, presidente da Câmara Brasileira do Livro, comemora o sucesso da premiação. “A escolha de um autor independente mostra a força e capacidade do prêmio em representar o escritor brasileiro. Desejo muito sucesso para Mailson Furtado e todos os homens de Letras espalhados pelo nosso país”, acrescenta Torelli.

A 60ª edição do Prêmio Jabuti conta com o patrocínio ‘Apresenta’ da Suzano Papel e Celulose e os apoios da Prefeitura de São Paulo, Itaú Cultural, Microsoft, BMF Gráfica, 3uS! e Ragazzo Café.

Conheça a relação de vencedores:
Livro do Ano: À Cidade - Autor: Mailson Furtado, autor independente

Eixo Literatura
Categoria Conto: Enfim, Imperatriz - Autora: Maria Fernanda Elias Maglio, Editora Patuá
Categoria Crônica: O poeta e outras crônicas de literatura e vida - Autores: Rubem Braga, André Seffrin, Gustavo Henrique Tuna, Global Editora
Categoria HQ: Angola Janga | Autor: Marcelo D'Salete, Editora Veneta
Categoria Infantil e Juvenil: O Brasil dos Dinossauros - Autores: Luiz Eduardo Anelli, Rodolfo Nogueira, Editora Marte Cultura e Educação
Categoria Poesia: À Cidade - Autor: Mailson Furtado, autor independente
Categoria Romance: O clube dos jardineiros de fumaça - Autora: Carol Bensimon Editora Companhia das Letras
Categoria Tradução: Título: Poemas - Tradutor: Geraldo Holanda Cavalcanti, Editora da Universidade de São Paulo
Título: O macaco e a essência- Tradutor: Fábio Bonillo, Editora Biblioteca Azul

Eixo Ensaios
Categoria Artes: Título: Imaginai! O teatro de Gabriel Villela - Autores: Rodrigo Louçana Audi, Dib Carneiro Neto, Edições Sesc São Paulo
Categoria Biografia: Roquette-Pinto: o corpo a corpo com o Brasil - Autor: Cláudio Bojunga, Editora Casa da Palavra
Categoria Ciências: As Maravilhosas Utilidades da Geometria: da pré-história à era espacial - Autor: Adalberto Ramon Valderrama Gerbasi, Editora Marcelino Champagnat - PUCPRESS
Categoria Economia Criativa: Design de Capas do Livro Didático: A Editora Ática nos Anos 1970 e 1980 - Autor: Didier Dias de Moraes, Editora da Universidade de São Paulo

Categoria Humanidades: Democracia Tropical - Autor: Fernando Gabeira, Editora Estação Brasil

Eixo Livro
Categoria Capa: O Corego: Texto Anônimo do Século XVII sobre a Arte da Encenação - Capista: Carla Fernanda Fontana, Editora da Universidade de São Paulo
Categoria Ilustração: Os trabalhos da mão - Ilustrador: Nelson Cruz, Editora Positivo
Categoria Impressão: Bruno Dunley - Responsável: Ipsis (Jesué Pires), Editora Associação para o Patronato Contemporâneo
Categoria Projeto Gráfico: Conflitos: fotografia e violência política no Brasil  - 1889-1964 -Responsável: Luciana Facchini, Editora Instituto Moreira Salles

Eixo Inovação:
Categoria Formação de Novos Leitores: Psicanálise e literatura - Freud e os clássicos Responsável: Ingrid de Mello Vorsatz
Categoria Livro Brasileiro Publicado no Exterior: Fim | Autora: Fernanda Torres, Editora Companhia das Letras
Compartilhe:

terça-feira, 23 de outubro de 2018

Serginho Groisman anunciará os vencedores do 60º Prêmio Jabuti

Serginho Groisman - Foto divulgação
O jornalista e apresentador Serginho Groisman foi anunciado como o mestre de cerimônias da 60ª edição do Prêmio Jabuti, marcada para 8 de novembro, no Auditório do Ibirapuera. No evento será conhecido o grande vencedor do Jabuti, que receberá o prêmio de Livro do Ano, além dos vencedores de cada uma das 18 categorias. Além disso, o poeta amazonense Thiago de Mello será homenageado com o prêmio Personalidade Literária, em reconhecimento pelo conjunto de sua obra.

Neste ano, o autor premiado com o Livro do Ano receberá R$ 100 mil, enquanto os vencedores das categorias receberão R$ 5 mil cada. Além dos prêmios em dinheiro, os autores receberão uma estatueta, que também será entregue às editoras dos livros selecionados. 

Compartilhe:

Trem Bala, da Editora Voo, é indicado ao Prêmio Jabuti 2018 nas categorias Ilustração e Projeto Gráfico

Ana Vilela - Foto divulgação
Projeto tem os versos de Ana Vilela ilustrados por Anna Cunha. Cada livro vendido viabiliza uma aula de música para uma criança atendida pelo projeto Playing For Change Brasil.

A Editora Voo acaba de ser indicada ao prêmio máximo da literatura brasileira. O livro Trem Bala (2017) da editora com sede em Curitiba é finalista nas categorias Ilustração e Projeto Gráfico, ambos assinados por Anna Cunha.

Com capa dura e um projeto gráfico caprichado, a publicação tem a proposta de ser um livro-presente. Para dar esse impacto visual, a escolha da ilustradora Anna Cunha foi determinante. Com um traço sensível e delicado, a mineira soube dar vida às palavras da cantora, carregado de emoção e encanto visual o projeto gráfico.

A obra transformou em páginas ilustradas a letra da música Trem Bala, composta pela jovem compositora paranaense Ana Vilela. Com versos singelos que falam direto ao coração, a música é um fenômeno da era da internet, tendo viralizado pelas redes sociais antes do lançamento oficial. 

Segundo Claudia Kubrusly, uma das sócias da Voo, a ideia é que o livro impacte visualmente e realmente encante as pessoas. "Assim como a música Trem Bala tocou profundamente e emocionou milhares e milhares de pessoas, pensamos esse livro na forma de um presente, seja para si mesmo ou para dar para alguém. A ideia é emocionar visualmente e permitir que os versos da Ana sejam guardados para sempre", completa.

Um por Um

O livro Trem Bala está inserido no projeto Um por Um, da Editora Voo, que gera uma contrapartida solidária para cada livro que vende. Para este lançamento, foi feita uma parceria com a Fundação Playing For Change Brasil. A instituição possui uma escola na comunidade do Cajuru, em Curitiba, que proporciona a crianças e adolescentes em situação de fragilidade social aulas de musicalização, canto, dança, violão, percussão, inglês e educação ambiental.

Cada exemplar de Trem Bala vendido viabiliza uma aula de música para uma criança.

Sobre a ilustradora Anna Cunha:
Ilustradora de Belo Horizonte, Minas Gerais, graduada em Artes Plásticas pela UEMG e pós-graduada em Ilustração pela EINA | Escola de Disseny i Art - Universitat Autònoma de Barcelona. Anna tem traços marcados pela delicadeza e sensibilidade. Já ilustrou livros para editoras brasileiras e estrangeiras, alguns selecionados para o Catálogo de Bolonha e premiados pela Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil. Atualmente, possui também uma linha autoral de papelaria.

Sobre a Voo:
A Voo é uma editora jovem no mercado, que surgiu com a proposta de publicar livros que inspirem as pessoas a melhorar o mundo à sua volta. Desde o início, a editora adota o conceito de oferecer uma contrapartida solidária para cada livro que vende, em favor de uma pessoa em situação de vulnerabilidade social ou de uma causa. www.editoravoo.com.br

DETALHES DO PRODUTO:
Título: Trem Bala
N. de páginas: 62
Edição: 1
Ano: 2017
Acabamento: Capa Dura
Preço: R$ 46,00
Compartilhe:

terça-feira, 9 de outubro de 2018

Edições Sesc São Paulo no 60° Prêmio Jabuti

As Edições Sesc São Paulo e o Sesc São Paulo concorrem nesta 60ª edição do Prêmio Jabuti, com oito finalistas

No eixo Literatura estão os livros Imaginai! O teatro de Gabriel Villela, de Dib Carneiro Neto e Rodrigo Audi, na categoria Artes; Abismo de rosas: vida e obra de Canhoto, de Sérgio Estephan, na categoria Biografia; e Era o hotel Cambridge: arquitetura, cinema e educação, de Carla Caffé, na categoria Economia Criativa.

No eixo Livro, Abecedário de personagens do folclore brasileiro, uma coedição das Edições Sesc São Paulo e Editora FTD está em duas categorias: Ilustração e Impressão. Também em Impressão são finalistas, Rubens Matuck: tudo é semente, de Rosely Nakagawa, e Teatro Sesc Anchieta.

Finalmente, o Sesc São Paulo é finalista no eixo Inovação, na categoria Formação de Novos Leitores, com o Projeto BiblioSesc.

Os ganhadores do 60° Jabuti serão conhecidos no dia 8 de novembro em cerimônia de no Auditório do Ibirapuera, quando será anunciado ainda o ganhador do Livro do Ano.

SOBRE AS EDIÇÕES SESC SÃO PAULO

Pautadas pelo conceito de educação permanente e acesso à cultura, as Edições Sesc São Paulo publicam livros em diversas áreas do conhecimento. Em diálogo com a programação do Sesc, a editora apresenta um catálogo variado, voltado à preservação e à difusão de conteúdos sobre os múltiplos aspectos da contemporaneidade. Além dos títulos impressos, as Edições Sesc vêm convertendo seu catálogo em e-books que podem ser adquiridos em lojas virtuais como Livraria Cultura, Livraria Saraiva, Amazon, Google Play e Apple Store.

As publicações das Edições Sesc São Paulo podem ser adquiridas em todas as unidades do Sesc São Paulo (capital e interior), nas principais livrarias e também pelo portal www.sescsp.org.br/livraria

Os e-books das Edições Sesc São Paulo podem ser encontrados em livrarias virtuais como portal Sesc São Paulo, Amazon, Livraria Cultura, Livraria Saraiva, Kobo e Apple Store
Compartilhe:

quinta-feira, 4 de outubro de 2018

Confira os finalistas do 60º Prêmio Jabuti

CERIMÔNIA DE PREMIAÇÃO, QUE ACONTECERÁ EM 8 DE NOVEMBRO, CONTARÁ AINDA COM HOMENAGEM AO POETA THIAGO DE MELLO

A Câmara Brasileira do Livro (CBL) acaba de divulgar os finalistas do 60º Prêmio Jabuti. Para conferir a lista, que traz os livros em ordem alfabética, clique aqui. Os vencedores de cada uma das 18 categorias e o ganhador do Livro do Ano serão conhecidos em 8 de novembro. 

Nesta edição, o Prêmio Jabuti anunciou diversas mudanças voltadas ao leitor e ao mercado. Entre as novidades estão: a reorganização das categorias em quatro eixos: Literatura, Ensaios, Livro e Inovação; a criação da categoria Formação de Novos Leitores, dedicada a ações de incentivo a leitura; as inscrições com preços mais acessíveis para autores independentes; e a premiação dos primeiros classificados de cada categoria, que receberão R$ 5 mil cada.

Além disso, só haverá um grande vencedor do Jabuti, que poderá ser tanto de Ficção quanto Não Ficção. Concorrem ao prêmio de Livro do Ano, no valor de R$ 100 mil, os vencedores das categorias dos Eixos Ensaios e Literatura.

A cerimônia também contará com uma homenagem ao poeta amazonense Thiago de Mello, que receberá prêmio “Personalidade Literária”, em reconhecimento ao conjunto de sua obra - referência da literatura regional do Brasil, conhecida internacionalmente e traduzida para mais de 30 idiomas.
Compartilhe:

Baixe a Revista (Clique Sobre a Capa)

baixar

E-mail: ademirpascale@gmail.com

>> Para Divulgação Literária: Clique aqui

Curta Nossa Fanpage

Siga Conexão Literatura Nas Redes Sociais:

Posts mais acessados da semana

ANTOLOGIAS LITERÁRIAS

POEME-SE

CONHEÇA A REVISTA PROJETO AUTOESTIMA

LIVRO: O CLUBE DE LEITURA DE EDGAR ALLAN POE

LIVRO DESTAQUE

CEDRIK - ROBERTO FIORI

Leitores que passaram por aqui

Labels