HQ "The Spirit - Mais Aventuras", lida e comentada

Por Ademir Pascale Criado em 1940 por Will Eisner, um dos artistas mais importantes do mundo das histórias em quadrinhos, Denny Colt, ...

Mostrando postagens com marcador Quem sou eu: meu epitáfio. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Quem sou eu: meu epitáfio. Mostrar todas as postagens

sábado, 6 de março de 2021

Conheça o livro "Quem sou eu: meu epitáfio", de Mayara Lima


Em “Quem sou eu: meu epitáfio”, Mayara Lima é humana e artista; procura esclarecer sua própria identidade em versos, encontrando-se em meio às inúmeras facetas experienciadas pelo ser humano na construção de sua identidade. Ora real, está no mundo da literariedade, e é comerciante, psicóloga, doadora de livros para bibliotecas; ora figurada, flutua no ar da linguagem poética e é metamorfose, contradição e contemplação.

Outra urgência, porém, ligada a da expressão, ressoa aos corações ao longo da humanidade: o de deixar mensagem. O ser humano necessita que o futuro reconheça-o, compreenda o modo como vive e como se socializa. Há a urgência de perdurar ao tempo, que não a matéria, mas a ideia. De chegar a outras culturas e explicar-se, difundir-se, contactar. Levada por essa urgência, Mayara quis jogar uma mensagem ao mar: a de si mesma. Mas não poderia considerar uma mensagem jogada ao mar se não mergulhada nos universos linguísticos possíveis de ancoragem. “Quem sou eu: meu epitáfio”, é então, uma mensagem traduzida para chegar mais longe. Carregada não pelas águas do mar, mas pelas urgências comuns. Mayara está exposta em nome da poesia e da necessidade de se desvendar pela arte. Em diferentes línguas, como se estendesse os braços para alcançar o mais longe possível, recolhesse toda a força de si para lançar a garrafa ao mais distante do mar.

Assim, esta é uma experiência poética que não espera o leitor; vai até ele, pois se mostra disposta e aberta a qualquer um a qual lhe seja desperto o chamado de conhecê-la, pois fala sua língua. Mayara Lima se define e se apresenta como uma amiga. A arte opera seu melhor milagre: o de lançar a garrafa ao mar e criar pontes, sejam elas entre diferentes praias ou entre diferentes mentes.

Para adquirir o e-book por R$ 4,99: Clique aqui.

Compartilhe:

Baixe a Revista (Clique Sobre a Capa)

baixar

E-mail: ademirpascale@gmail.com

>> Para Divulgação Literária: Clique aqui

Curta Nossa Fanpage

Siga Conexão Literatura Nas Redes Sociais:

Posts mais acessados da semana

PARCEIRA AMAZON:

ANTOLOGIAS LITERÁRIAS

CONHEÇA A REVISTA PROJETO AUTOESTIMA

CONHEÇA A REVISTA PROJETO AUTOESTIMA
clique sobre a capa

LIVRO: O CLUBE DE LEITURA DE EDGAR ALLAN POE

LIVRO DESTAQUE

FUTURO! - ROBERTO FIORI

Leitores que passaram por aqui

Labels