Mostrando postagens com marcador amor pelo mundo. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador amor pelo mundo. Mostrar todas as postagens

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2021

Liliane Prata e o livro Amor-próprio, amor pelo mundo, por Cida Simka e Sérgio Simka

Liliane Prata - Foto divulgação

Fale-nos sobre você.


Liliane Prata é escritora. Formada em jornalismo e em filosofia, é autora de "O mundo que habita em nós" e "Ela queria amar, mas estava armada" (ambos publicados pela editora Instante), entre outros livros.
 
ENTREVISTA:

Fale-nos sobre o livro "Amor-próprio, amor pelo mundo". O que a motivou a escrevê-lo?

Este é um livro de práticas voltadas para um mergulho na interioridade. O convite é para fazer uma prática diária, por 41 dias - ou quarenta e poucos dias, caso não tenha sido possível em algum dia. Quando meu editor e eu tivemos nossas primeiras conversas sobre O Mundo que habita em nós, meu livro com reflexões filosóficas e literárias para tempos (in)tensos, cheguei a comentar com ele que tinha em mente um livro de práticas baseadas nas reflexões tratadas lá, como excesso de aceleração, sensação de vazio e, sobretudo, desconexão consigo mesmo e com o mundo, perda de interesse nas coisas. Amor-próprio, amor pelo mundo é um livro de práticas voltadas para uma maior conexão com o si mesmo, que é o tema principal de O mundo, e pode ser lido de maneira independente ou complementar.
 

Fale-nos sobre os seus outros livros.

Ela queria amar, mas estava armada é meu livro de contos que falam sobre a experiência de tentar amar e ser amado no mundo contemporâneo, este mundo que nos cansa, nos confunde e nos contamina com tantas dificuldades objetivas e subjetivas. O livro se foca no ponto de vista feminino e procurei trabalhar múltiplas mulheres, de idades variadas, cada uma manifestando seus conflitos, suas tentativas, seus cansaços. Ano passado, o livro ficou entre os dez finalistas do prêmio Jabuti na categoria Contos. Entre meus outros livros, destaco O mundo que habita em nós, com reflexões literárias e filosóficas sobre estes tempos tão intensos que nós e as personagens do Ela queria amar, mas estava armada, atravessamos.

Como analisa a questão da leitura no país?


Precisamos de mais políticas públicas que incentivem a leitura, precisamos incluir os livros entre as nossas necessidades primordiais, porque ler é uma espécie de portal que pode nos organizar de um jeito inteiramente novo, após nos atrapalhar do jeito que estávamos precisando e nem sabíamos por quê. O hábito da leitura pode nos acolher, nos libertar dos nossos autotrancamentos mais áridos, nos conduzir ao mundo do outro, nos preencher quando estamos mais murchados e sem energia vital, nos estimular a pensar e a estar no mundo de formas mais interessantes e pulsantes, nos convidar para habitar por alguns instantes em um tempo mais lírico e delicado, nos abrigar num parêntese entre os excessos de excessos que tantos nos cansam, às vezes sem que nos demos conta disso.

O que tem lido ultimamente?


Estou lendo as cartas da Clarice Lispector no volume Todas as cartas, entre outros livros.
 
Quais são os seus próximos projetos?

Meu novo livro, Tem alguma coisa na água, está disponível para venda (dá para comprar pelo meu site, www.lilianeprata.com.br). E estou terminando de revisar meu novo romance.
 
CIDA SIMKA
É licenciada em Letras pelas Faculdades Integradas de Ribeirão Pires (FIRP). Autora, dentre outros, dos livros O enigma da velha casa (Editora Uirapuru, 2016), Prática de escrita: atividades para pensar e escrever (Wak Editora, 2019), O enigma da biblioteca (Editora Verlidelas, 2020) e Horror na biblioteca (Editora Verlidelas, 2021). Organizadora dos livros Uma noite no castelo (Editora Selo Jovem, 2019), Contos para um mundo melhor (Editora Xeque-Matte, 2019), Aquela casa (Editora Verlidelas, 2020) e Um fantasma ronda o campus (Editora Verlidelas, 2020). Colunista da revista Conexão Literatura.

SÉRGIO SIMKA
É professor universitário desde 1999. Autor de mais de seis dezenas de livros publicados nas áreas de gramática, literatura, produção textual, literatura infantil e infantojuvenil. Idealizou, com Cida Simka, a série Mistério, publicada pela editora Uirapuru. Membro do conselho editorial da Editora Pumpkin e colunista da revista Conexão Literatura. Seu mais novo livro infantojuvenil se intitula Horror na biblioteca (Editora Verlidelas, 2021).

Compartilhe:

Baixe a Revista (Clique Sobre a Capa)

baixar

E-mail: ademirpascale@gmail.com

>> Para Divulgação Literária: Clique aqui

Curta Nossa Fanpage

Siga Conexão Literatura Nas Redes Sociais:

Receba nossas novidades por e-mail (você receberá um email. Basta confirmar ):

Posts mais acessados da semana

Anuncie e Divulgue Conosco

CLUBE DO LIVRO UNIÃO

LIVRO: O CLUBE DE LEITURA DE EDGAR ALLAN POE

LIVRO DESTAQUE

FUTURO! - ROBERTO FIORI

SROMERO PUBLISHER

Leitores que passaram por aqui

Labels